Blog com notícias de Janaúba e região!

quarta-feira, 22 de novembro de 2017

Vigia que substituiu o que matou crianças em Janaúba também tem doença mental

Marcas da destruição provocada pelo incêndio na creche que
levou à morte do autor, de nove crianças, uma professora e uma funcionária
(foto: Luiz Ribeiro/EM/DA Press)

(Por Luiz Ribeiro, EM) O vigia Damião Soares dos Santos, de 50 anos, que em 5 de outubro ateou fogo na creche Gente Inocente, em Janaúba (Norte de Minas), causando as mortes dele próprio e de outras 11 pessoas – nove crianças, uma professora e uma funcionária da instituição –, além de ter deixado mais de 40 feridas, sofria de transtorno psiquiátrico, com delírio persecutório (mania de perseguição), apontam as investigações. Damião, que premeditou o crime, estava afastado da função. Mas o vigia que o substituiu no Centro Municipal Educação Infantil (Cemei) Hélio Soares de Souza, de 50 anos, também sofre de problemas psiquiátricos e chegou a declarar em depoimento que “não suportava ficar perto de crianças quando elas brincavam, por conta dos gritos”. Ele foi afastado depois da tragédia.

A informação consta da ação civil pública ajuizada pela Defensoria Pública Estadual em Janaúba contra o município, cobrando indenização para as famílias vítimas da tragédia na creche, que causou comoção no Brasil e no mundo e despertou reação até do papa Francisco. Além de nove crianças e do autor, morreram na tragédia a professora Heley de Abreu Batista, de 43; e a auxiliar de professora Geny Oliveira Lopes Martins, de 63 –ela ficou internada em Belo Horizonte e morreu 31 dias após o ataque.


A ação foi protocolada pelo defensor público Gustavo Dayrell. Além de indenizações individuais para as vítimas e/ou suas famílias, ele solicita pagamento pela prefeitura de R$ 3 milhões por danos coletivos, com a destinação do montante para o Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Janaúba, para serem aplicados em ações em favor da infância e da adolescência. De acordo com o defensor, “após o juiz reconhecer a responsabilidade do município”, seriam feitos os cálculos dos valores individuais para as famílias, de acordo com cada caso.

Na ação, é feito também um pedido de liminar para o pagamento imediato pela prefeitura de um valor mensal para as mães e pais que ficaram impedidos de trabalhar pela necessidade de cuidar dos filhos vítimas do incêndio. A mesma solicitação vale para familiares da servidora Geny Lopes Martins, que ajudava a manter o sustento da casa.
Na representação são anexadas cópias de reportagens do Estado de Minas que mostram a situação de pobreza das famílias das vítimas do incêndio no Cemei e a expectativa delas de receber alguma indenização da prefeitura.

O defensor público cobra a indenização sob o argumento de que “em virtude da posição de garantidor, o município é responsável pela incolumidade (integridade) física das crianças enquanto estiverem nas dependências da creche, respondendo por qualquer lesão sofrida, seja qual for sua natureza. Também aponta que houve omissão por parte da municipalidade por permitir o funcionamento da creche mesmo sem alvará do Corpo de Bombeiros, sendo que o prédio não contava com extintores e com saída de emergências.

NEGLIGÊNCIA
 Gustavo Dayrell lembra que o vigia Damião Soares dos Santos tinha “graves problemas psiquiátricos”, com delírio persecutório, quadro que apresentava desde 2014 e que havia indícios de que o fato era de conhecimento poder público, sem o afastamento imediato do servidor. O defensor sustenta ainda que houve negligência por parte da Secretaria Municipal de Educação de Janaúba em relação ao vigia indicado para substituir Damião na Creche Gente Inocente, que também apresenta problemas mentais.

“Há relatos de negligência da Secretaria Municipal de Educação no que tange ao outro vigia da Creche Gente Inocente, Sr. Hélio Soares de Souza, que, muito embora tivesse alertado sobre seus graves problemas psiquiátricos, ainda assim fora designado para trabalhar em creches municipais (..)”, diz a ação.

Em depoimento prestado na Defensoria Pública, Hélio Soares de Souza, que começou a trabalhar na Prefeitura de Janaúba em 2008 (junto com Damião), informa que começou a prestar serviço em uma biblioteca em 2010 e que em dezembro de 2014 foi transferido para a Creche Nesmaria Mendes. Informou que em maio deste ano foi “convocado” para trabalhar no Cemei Gente Inocente, em substituição ao vigilante Damião Soares, que tiraria “férias”. O documento encaminhado à Justiça informa ainda “que o declarante falou sobre seu estado de saúde mental debilitado e alertou que já tinha, inclusive, protocolado há mais tempo em tal Secretaria (Municipal de Educação) os laudos médicos atestando tais problemas (…) e que o remédio que toma lhe dá reações negativas, como desconcentração e sonolência”.

ALERTAS 
No depoimento, o vigia diz ainda que ficou afastado por 45 dias, mas que depois “recebeu telefonema da Creche Gente Inocente para novamente cobrir ‘férias’ de Damião, que tinha adoecido”. Ele afirma ter alertado “que não tinha condições psicológicas de trabalhar na creche”, mas que mesmo assim foi mantido no trabalho na unidade, de onde foi afastado somente após o incêndio. Ainda no depoimento prestado à Defensoria Pública, Hélio diz que “não suportava ficar perto de crianças quando elas brincavam, por conta dos gritos”.
Na ação é citado ainda depoimento da psicóloga Antunes Cristo Barbosa Costa, que informa ter atendido Hélio Soares em agosto e que ele “relatou que sentia desconforto com os barulhos habituais das crianças, aumentando seu estado de nervosismo”.

Ouvida pela reportagem do EM na tarde de ontem, a procuradora da Prefeitura de Janaúba, Neide Lopes Lacerda, disse que a municipalidade não tomou conhecimento de nenhuma documentação recebida pela prefeitura que atestasse que o vigia Hélio Soares Souza sofre de problemas psiquiátricos. “A administração somente pode afastar o servidor por doença mental mediante documento que ateste a sua incapacidade para o serviço devido aos problemas mentais”.

A procuradora disse que a prefeitura somente vai se manifestar sobre a ação civil pública ajuizada pela Defensoria Pública Estadual cobrando indenização para as famílias das vítimas da tragédia na Creche Inocente quando for notificada pela Justiça, o que ainda não ocorreu. Ela também não quis comentar sobre uma proposta de acordo da prefeitura a ser apresentada às famílias para evitar demanda judicial, o que já tinha sido anunciado pela própria administração municipal.

terça-feira, 21 de novembro de 2017

Diocese de Janaúba realiza transferências de padres


Nesta segunda-feira, 20 de Novembro, as redes sociais especialmente o Facebook e o WhatsApp, foram tomadas por diversas postagens e reclamações envolvendo a transferência de padres de cidades do Norte de Minas, inclusive da cidade de Janaúba. Algumas reclamações ponderadas, mas, a maioria até agressiva, do ponto de vista cristão.

Diante de tamanha repercussão e alvoroço social, esteve nos estúdios da Rádio Onda Norte nessa terça (21), o Bispo Dom Ricardo, para falar ao Jornalista apresentador Pablo de Melo os motivos e circunstancias que levaram a Diocese de Janaúba fazer essa reforma nos quadros de sacerdotes da região.

Segundo Dom Ricardo, o remanejamento faz parte de uma medida tomada pelo Papa Francisco e busca a integração missionária dos sacerdotes.

Diante do clamor da população o Bispo pede tranquilidade e sabedoria para entender que o Padre é um missionário por vocação e determinação da Igreja e deve ir levar o seu trabalho e acolhimento onde se fizer necessário. Segundo ele, entende a situação das pessoas que criam vínculos com o sacerdote que ficou em uma cidade durante muito tempo, porém, faz questão de lembrar que este mesmo vínculo pode se tornar prejudicial aos trabalhos da Igreja. Exemplifica, “como se fosse uma mãe que protege demasiadamente seu filho, encobrindo seus erros”, assim passa a ser a igreja quando um sacerdote permanece por muito tempo no mesmo lugar devido ao vínculo emocional que abrange as pessoas da comunidade.

Com a transferência a Catedral de Janaúba (Sagrado Coração de Jesus), será coordenada pelo Padre Mateus que virá da cidade de Montezuma e envia Padre Henrique Alves para a Paróquia Sagrada Família em Jaíba. A Paróquia Nossa Senhora Aparecida, envia Padre Fábio Júnior para a cidade de Ibiracatu e recebe o Padre Genivaldo Ponciano, que vem de Rio Pardo de Minas e Padre Roberto. A Paróquia de Santo Antônio em Ibiracatu que recebe o Padre Fábio Junior envia para a Paróquia Nossa Senhora das Graças em Nova Porteirinha, o Padre Nonato. Nova Porteirinha por sua vez envia Padre Paulo para Varzelândia. Veja abaixo como ficaram as transferências realizadas pela Diocese:
Diocese de Janaúba: Transferência de padres 2017/2018

São Sebastião (Espinosa): Envia Pe. Júnior para São J. do Paraíso e acolhe um estagiário.

Serranópolis de Minas: Envia Pe. Elias para São Joaquim em Porteirinha e acolhe Pe. Ademir (Jaíba)

São Joaquim (Porteirinha): Acolhe Pe. Elias mais as irmãs São Caetano

Sagrada Família (Jaíba): Envia Pe. Ademir para Serranópolis de Minas e acolhe Pe. Henrique Alves (Janaúba)

Santana (Montezuma): Envia Pe. Mateus para a Catedral de Janaúba e acolhe Pe. Claudinei (Verdelândia)

Santana (Verdelândia): Envia Pe. Claudinei para Montezuma e acolhe Pe. Roberto (presença missionária)

Senhor do Bom Jesus (Varzelândia): Nova Paróquia, acolhe Pe. Paulo (Nova Porteirinha)

Nossa Senhora Aparecida (Janaúba): Envia Pe. Fábio Júnior Ibiracatu e acolhe Pe. Genivaldo Ponciano (Rio Pardo de Minas) e Pe. Roberto.

Mato verde: Acolhe um estagiário

Nossa Senhora das Graças (Monte Azul): Acolhe um estagiário.

Nossa Senhora das Graças (Nova Porteirinha): Envia Pe. Paulo para Varzelândia e acolhe Pe. Nonato (Ibiracatu)

São João do Paraíso: Envia Pe. Ivanildo para Rio pardo de Minas e acolhe Pe. Júnior

Santo Antônio (Ibiracatu): Envia Pe. Nonato para Nova Porteirinha e acolhe Pe. Fabio Júnior (Janaúba)

Imaculada Conceição (Rio Pardo de Minas): Envia Pe. Genivaldo Ponciano para Janaúba e acolhe Pe. Ivanildo (São João do Paraíso), Pe. Silvanei e Pe. Sebastião

Sagrado Coração de Jesus (Janaúba): Envia Pe. Henrique Alves para a Jaíba e acolhe Pe. Mateus (Montezuma)

Porteirinha: Ciclista de 49 anos é atropelado por carro e morre na MGC-122

Um ciclista de 49 anos morreu após ser atropelado por um carro na MGC-122, em Porteirinha, na noite dessa segunda-feira (20). De acordo com a Polícia Militar, a vítima tentava atravessar a rodovia quando foi atingida pelo veículo, que seguia sentido Mato Verde a Porteirinha.

O acidente aconteceu no km 110, por volta das 20h. De acordo com a assessoria do Samu, a vítima sofreu ferimentos na face, pescoço e braços. O corpo do ciclista foi encaminhado ao Instituto Médico Legal de Janaúba. A perícia esteve no local e as causas do acidente serão investigadas.

Defensoria Pública quer que Prefeitura de Janaúba indenize vítimas da tragédia

A Defensoria Pública de Minas Gerais está movendo uma ação civil pública contra o município de Janaúba, no Norte de Minas, para a indenização de familiares e vítimas do incêndio na Creche Gente Inocente, quando um vigia ateou fogo ao local, no dia 5 de outubro. Morreram 12 pessoas, incluindo o autor do crime.

No documento, foi sustentada a responsabilidade objetiva do município, já que o autor do incêndio, vigia da creche, era servidor público municipal. O defensor público Gustavo Francisco Dayrell de Magalhães Santos, responsável pela ação, destacou que “em virtude da posição de garantidor, o município é responsável pela incolumidade física das crianças enquanto estiverem nas dependências da creche, respondendo por qualquer lesão sofrida, seja qual for sua natureza”.


Gustavo Dayrell apontou, ainda, como integrante dos fatores preexistentes, omissões do ente municipal, já que a creche funcionava sem alvará do Corpo de Bombeiros e não era equipada de saídas de emergência.

Inicialmente, a Defensoria Pública requer o pagamento de verbas alimentares às vítimas e, ainda, pensão, correspondente à importância do trabalho, para aqueles que se inabilitaram por impossibilidade ou diminuição da capacidade de trabalho. Também é pedido na ação o pagamento de indenizações correspondentes aos danos patrimoniais, morais e estéticos sofridos pelas vítimas do evento e seus familiares.

A Defensoria pede também a condenação ao pagamento de danos morais coletivos não inferiores a R$ 3 milhões, a serem destinados ao Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Janaúba.

A assessoria de imprensa da Prefeitura de Janaúba afirma que a administração municipal ainda não foi notificada judicialmente e só se pronunciará oficialmente após a notificação.

segunda-feira, 20 de novembro de 2017

Grávida de oito meses é agredida com socos e chute em Várzea da Palma

(G1) Uma gestante de 15 anos foi agredida por socos e um chute na barriga durante uma briga com o ex-companheiro da mãe dela, na noite desse domingo (19), em Várzea da Palma. As agressões aconteceram no Bairro Pilar e a vítima contou aos militares que o suspeito não aceita o fim do relacionamento com a mãe. O homem conseguiu fugir e ainda não foi preso.

De acordo com a assessoria do Samu, a adolescente está grávida de oito meses e foi socorrida até o hospital municipal com dores na pélvica. Na manhã desta segunda (20), o hospital informou ao G1 que a vítima foi atendida e liberada.

Em Janaúba, após agredir a mãe, rapaz é baleado na cabeça pelo pai

(G1) Um rapaz de 23 anos foi baleado na cabeça pelo pai nesta segunda-feira (20) em Janaúba, no Norte de Minas. De acordo com a Polícia Militar, testemunhas relataram que a vítima possui problemas mentais, mas não identificaram se faz acompanhamento médico ou toma alguma medicação.

(O G1 errou ao informar que a vítima era um adolescente de 16 anos. A informação foi retificada pela Polícia Militar e corrigida às 18h24)

Ainda segundo a PM, nesta segunda o adolescente se apresentava bastante agressivo, inclusive chegou a agredir a mãe dele. As testemunhas afirmaram que o pai ficou insatisfeito com a agressão e atirou cinco vezes contra o filho; ele foi atingido na cabeça e boca. O pai fugiu logo após o crime e é procurado pela PM.

Vizinhos da família prestaram o socorro à vítima e a encaminharam ao Hospital Regional. A instituição afirmou que o estado de saúde do paciente é considerado grave e ele permanece na Sala Vermelha - dedicada à casos graves.

O hospital afirmou ainda que após a estabilização do quadro de saúde do paciente ele será transferido para um hospital em Montes Claros.

Homens são presos por tentativa de homicídio no Norte de Minas

Dois homens foram presos, neste domingo (19), por tentativa de homicídio em Montes Claros e Francisco Dumont. 

Francisco Dumont
Em Francisco Dumont, um homem, de 30 anos, foi preso na Rua Cristalina, no bairro Alto Esplanada suspeito de esfaquear a companheira.

Segundo a PM, testemunhas relataram que a vítima, de 36 anos, recebeu facadas no pescoço e braço, após ter sido beijada pelo rapaz. O rastreamento foi feito e o suspeito foi encontrado escondido em um matagal. 

A vítima foi socorrida pelo Samu para o hospital. 

O infrator foi preso e encaminhado à delegacia. A faca utilizada na prática do crime não foi localizada.

Montes Claros
Um jovem, de 20 anos, foi preso suspeito de participação em uma tentativa de homicídio, na Avenida Oldemar Santos, Vila Oliveira.

De acordo com a Polícia Militar, o irmão da vítima relatou que dois homens conhecidos dele, chegaram em uma moto e o garupa, armado, atirou no adolescente, de 16 anos.

No rastreamento, na casa de um dos suspeitos, de 19 anos, foram vistos dois rapazes no muro observando a chegada das viaturas. Um deles fugiu e o outro, ao tentar, foi abordado pelos militares. 

O jovem foi conduzido à delegacia para prestar esclarecimentos sobre o caso. O outro envolvido continua sendo procurado.

domingo, 19 de novembro de 2017

INCRA realiza atualização cadastral de assentados em Janaúba


Por Rafael Teixeira - Técnicos da Unidade Avançada em Montes Claros do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária em Minas Gerais (Incra/MG) estão, durante o mês de novembro, em Janaúba, para realizar atualização cadastral dos assentados do Projeto de Assentamento Jacaré Grande. A equipe está instalada na sede da Secretaria Municipal de Promoção Social, em uma parceria do Instituto com a Prefeitura de Janaúba. Os técnicos seguirão cumprindo agenda com os beneficiários no município até o final da próxima semana.

A unidade do INCRA em Montes Claros, a primeira no interior de Minas Gerais, foi inaugurada em julho, para atender toda a região Norte e Vale do Jequitinhonha, na oferta de ações como fiscalização dos projetos de assentamento, supervisão ocupacional, implementação das políticas de aplicação de créditos às famílias assentadas, emissão Certificado de Cadastro de Imóvel Rural (CCIR) e documentações as quais os beneficiários tem direito, como o Contrato de Concessão de Uso (CCU), um documento que transfere, em caráter provisório, o imóvel rural ao beneficiário da reforma agrária, assegurando ao beneficiário acesso a terra, créditos (como habitação, fomento e infraestrutura) e a outros programas do Governo Federal.

Segundo o chefe da unidade avançada do INCRA em Montes Claros, Wenderson Ribeiro Barroso, devido à dificuldade de deslocamento das famílias assentadas, são necessárias ações descentralizadas como essas, ocasião em que o escritório do instituto é levado provisoriamente aos municípios que possuem assentamentos. Essa é uma maneira de agilizar o atendimento dos assentados e aplicar o recurso disponível para os assentamentos no município, movimentando a economia local.

Carro capota em São João da Ponte e motorista morre na hora

Um motorista, de 38 anos, servidor público da Prefeitura de Ibiracatu, Norte de Minas, perdeu o controle da direção do carro e capotou na MG-403, em São João da Ponte, neste sábado (18).

O veículo pertencia ao Município de Ibiracatu.
Segundo a Polícia Militar, o carro estava indo de Ibiracatu para São João da Ponte quando o motorista perdeu o controle da direção e capotou. Com muitos ferimentos, o homem foi atendido pelo Samu, mas não resistiu e morreu no local.

Dentro do carro tinha uma criança, de sete anos, que teve ferimentos leves. Foi conduzida ao Hospital de São João da Ponte e logo depois, para o Santa Casa de Montes Claros.

O estado de saúde é estável.

sábado, 18 de novembro de 2017

Promotor fala sobre legalidade da reconstrução da Creche Gente Inocente, em Janaúba


(Por Alana Freitas, Gazeta Norte Mineira) Em entrevista à TV Serra Geral, o Dr. Jorge Victor Cunha Barreto, da promotoria de justiça de Janaúba, falou sobre a reforma da Creche Gente Inocente, onde, no dia 5 de outubro, o vigia Damião Soares dos Santos, de 50 anos, que trabalhava na creche e estava de licença médica, entrou no local e ateou fogo em crianças, professoras e nele mesmo. Foram 12 os mortos – nove crianças, duas professoras e o autor do ataque. Pelo menos 48 pessoas ficaram feridas.

Em entrevista ao apresentador Pablo de Melo, Dr. Jorge falou sobre a reconstrução do espaço. “Existe todo um trâmite democrático para essa obra. É importante falar que a lei das diretrizes básicas da educação, estabelece o princípio participativo, e o que preconiza esse princípio, é que todas as decisões tomadas a respeito precisam ser feita mediante a audiência, onde toda a comunidade escolar fará uso da voz. Já foi feita uma audiência pública onde a comunidade escolar pôde se manifestar. E após conhecer o projeto que foi elaborado pela administração, empresários, engenheiros e pessoas envolvidas na educação, foi autorizada de forma imediata, o início das obras”, destacou.

Dr. Jorge chamou a atenção que foi seguido todo o protocolo exigido, e criticou a ação de pessoas que estariam tentando atrapalhar o trabalho dos pedreiros. Ele também mostrou um documento onde constam as assinaturas de todas as pessoas que participaram da audiência pública e que autorizaram a obra.

“É importante categorizar que esse projeto não utiliza de recursos públicos, toda a doação foi feita pela iniciativa privada. São doações de empresários e também da própria comunidade”, relatou.

O promotor enfatizou que está fiscalizando o andamento da obra. “Se a nova creche não seguir o modelo aprovado que garante a segurança dos alunos, será determinado a demolição e reconstrução”, garantiu.

Durante a entrevista, foi exibida imagens do projeto da nova creche que está sendo reconstruída. “Toda ajuda é bem vinda nesse projeto que está sendo feita pela própria comunidade”.

O apresentador Pablo perguntou sobre a polêmica de um empresário que ofereceu um lote para a construção da nova creche. O promotor esclareceu que a apesar da creche ser reconstruída no mesmo local, será um espaço completamente novo. “É preciso levar em conta que a obra que já está em andamento, é feita pela comunidade com espirito de doação. Por isso, peço a toda população de Janaúba, que abrace esse projeto e compreenda do que se trata, e entenda que será um projeto fundamental para que possamos aplacar a dor dessas famílias”.

O promotor ainda falou sobre os principais eixos que abrangem o projeto como educacional e assistencial, onde a população vai definir se utilizará o espaço em caráter lúdico ou educacional. “O eixo assistencial tem a ver com a utilização dos recursos doados para a conta da creche, que será destina para melhoria da qualidade de vida das vítimas do atentado”, finalizou.

Acidente na estrada que liga Varzelândia à São João da Ponte faz vítima fatal


Um grave acidente aconteceu no inicio da tarde deste sábado (18), na estrada que liga Varzelândia à São João da Ponte. O motorista conhecido por Boiô taxista não resistiu aos ferimentos e faleceu no local. O carro capotou por diversas vezes após perder o controle em uma curva até parar em uma manga próximo ao condado. 

Havia uma criança no carro no momento do acidente, ela foi resgatada e levada ao hospital mais próximo. Não recebemos informações detalhadas sobre o estado de saúde, mas está consciente.

Sem mais informações no momento. Acompanhe a nossa linha do tempo para mais novidades.

Prestamos condolências aos familiares e amigos de Boiô. É uma grande perda para a nossa cidade.


Fonte: Varzelândia News

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Diante da notícia veiculada em mídias sociais sobre ajuizamento de ação de improbidade que pede bloqueio de bens de um grupo responsável por supostamente fraudar licitação em Janaúba, venho a público esclarecer que ainda não fui notificado formalmente do teor das alegações do MPMG e muito menos das provas produzidas pelo órgão.

Esclareço que fui Vice Prefeito e em seguida eleito Prefeito de Janaúba, para o período 2009 a 2012. Montamos uma Equipe técnica de alto nível e mantivemos Servidores considerados qualificados, que vinham da gestão anterior.

Enfrentamos a questão da destinação de resíduos, que deixavam a desejar, com vários pequenos lixões espalhados pela cidade e a coleta era feita por carroças e caminhões abertos.

Implantamos um Aterro Sanitário Licenciado, em Parceria com a CODEVASF/Governo Federal. Adotamos o rodízio da coleta em caminhões compactadores, e um sistema de destinação de resíduos que foi elogiado pela Associação Mineira de Municípios,

Expandimos a limpeza pública para todos os bairros e distritos. Acabamos com a cultura de queima de lixo, destacando-se ainda que a varrição na região central era feita todos os dias.

Fizemos a maior e mais efetiva mobilização da população, na implantação da coleta seletiva em 100% do município, sendo modelo para o Brasil.

O porquê de todo esse intento contrário a minha pessoa? Não sei.

Acredito na Justiça dos homens e mais na Justiça de Deus.

JOSÉ BENEDITO

Acusado de tráfico de drogas se entrega à PC em São João da Ponte


Everaldo Queiroz dos Reis, de 22 anos, se entregou, nesta sexta-feira (17) à Polícia Civil, em São João da Ponte, Norte de Minas. Contra ele tinha um mandado de prisão em aberto. Ele chegou a delegacia da cidade acompanhado do advogado dele.

O suspeito estava foragido desde o último dia 7, quando Polícia Civil foi as ruas da cidade de Lontra para cumprir mandados de prisão de busca e apreensão.

Segundo a PC, mais de 20 policiais participaram da Operação Extinção. O suspeito ainda não foi ouvido, mas já teve a prisão decretada por 30 dias. Ele já está na Cadeia Pública da Comarca de São João da Ponte, Norte de Minas.

Vítimas da tragédia de Janaúba assistem a chegada do Papai Noel

Praça do Noel no Montes Claros Shopping/ Divulgação

157 vítimas da tragédia da Creche Gente Inocente, em Janaúba, receberam um presente mágico. Elas vão assistir a chegada do Papai Noel, ao Montes Claros Shopping, neste sábado (18).

São 53 crianças e os familiares, 17 servidores e quatro familiares da professora Heley de Abreu Batista. Eles desembarcam na cidade às 11h, participam de uma sessão de cinema, passeiam pelo shopping e logo após assistem à chegada, que será uma verdadeira aventura. O bom velhinho inova em 2017 e chegará de rapel.
Fábio Naves, Superintendente do Montes Claros Shopping, espera que essa atitude possa alegrar as vítimas e trazer esperança.

“Solidário a tragédia de Janaúba, o Shopping quis aproveitar o momento de magia e encanto do Natal e trazer as crianças sobreviventes e familiares para ter um dia de lazer e encantamento com a chegada do Papai Noel. Nossa expectativa é dr olhar para as crianças e ver sorriso no lugar de lágrimas”, afirma.
Toda a despesa com.a viagem é arcada pelo empreendimento.

Após as perdas da tragédia, o Natal será uma data de se ajustar à situação. Uma lacuna que nunca será preenchida.

“De certa forma, fica um espaço vago. Meu filho mais novo ainda não tem entendimento, mas os outros mais velhos ficam tristes. Falei com eles que fosse a chegada do Papai Noel para distrair e passear um pouco. Desde que tudo aconteceu nós estamos em um ritmo parado, ainda não deu tempo de posicionar e erguer completamente”, relata Luiz Carlos Batista, esposo da professora Heley.

sexta-feira, 17 de novembro de 2017

Catuti recebe projeto AMM nos Municípios e combate a seca e ajuda financeira são os principais temas debatidos


Aconteceu na manhã desta sexta-feira (17/11) em Catuti, no norte de Minas, mais uma etapa do projeto “AMM nos municípios – Encontro nas Macrorregiões”, uma iniciativa da Associação Mineira de Municípios – AMM, que contou com apoio da Associação dos Municípios da Área Mineira da Sudene – AMAMS. Na abertura do evento, o presidente AMAMS, José Reis, prefeito de Bonito de Minas, pediu apoio aos deputados e demais lideranças mineiras para garantir a construção de barragens no Norte de Minas. O presidente explicou que nessa segunda-feira, dia 20, será realizada uma grande mobilização em Montes Claros, que contará com a participação da várias entidades de classe e por isso destacou a importância dos deputados apoiarem essa causa.

José Reis explicou ainda que, esteve no Ministério da Integração Nacional, no DNOCS e Codevasf solicitando o andamento nestas obras tão importantes para a região, e por isso se faz necessário a união de esforços para a viabilização dessas barragens. Ainda segundo o presidente, o que mais o preocupa é a falta de perspectivas no orçamento da União de 2018, que está semelhante ao de 2017, sem recursos.

O presidente da Associação Mineira dos Municípios - AMM, Julvam Lacerda, teceu criticas aos Governos estadual e federal, os acusando de não estarem cumprindo com suas obrigações, ponderando sobre o estado de Minas, que abriu diálogo e assumiu o compromisso de pagar as parcelas que estão em atraso referente ao Transporte escolar nos municípios, pois, das 10 parcelas, somente a metade foi paga.

O prefeito de Catuti, José Barbosa (Zinga), reforçou a situação de dificuldade financeira que os municípios estão passando, e que o aspecto curioso é que a crise afeta a todos os municípios, independente da região, rica ou pobre. Lembrou que seu município tem R$ 1,2 milhão a receber somente na área da saúde. O prefeito de Patis, Valmir Morais lamentou que essa crise deixe os prefeitos em situação difícil, pois, a dificuldade de cumprir com os compromissos causada pela crise os deixam sob a mira do ações judiciais através do Ministério Público, o que ameaça até mesmo a prisão dos prefeitos e citou ainda que pelo visto, vários municípios ficarão sem conseguir pagar o 13º salário nesse ano.

O prefeito José Nilson, de Padre Carvalho, fez um apelo ao Governo Federal, solicitando a liberação de uma cota extra do Fundo de participação para que os municípios consigam pagar o 13º salário, pois a situação está critica, e pior, as oposições políticas nos municípios ainda alimentam a queixa contra os prefeitos.

O deputado federal Diego Andrade explicou que será votada a Medida Provisória da mineração, que implicará na arrecadação de R$ 3 bilhões por ano em Minas Gerais e sugeriu que a Assembleia Legislativa aprove emenda para que parte dessa renda seja usada nas ações de combate a seca. Ele denunciou que alguns deputados estão contra esse projeto que cobra o imposto das grandes mineradoras.

A próxima e última etapa do projeto AMM nos Municípios ocorrerá em Guimarânea, que fica na região do Alto Paranaíba, no dia 1 de Dezembro, onde contará novamente com a presença de prefeitos e deputados da região debatendo temas políticos necessários para o desenvolvimento de toda região.

Ascom | AMAMS

Em Janaúba, jovem de 20 anos é baleado dentro de casa

Um rapaz de 20 anos foi baleado dentro de casa em Janaúba, na tarde desta sexta-feira (17). A ocorrência foi registrada no Bairro Jardim das Acácias e a vítima foi atingida por quatro tiros.

Segundo a Polícia Militar, o crime foi cometido por dois homens. Um deles se aproximou da janela do quarto onde a vítima estava e efetuou os disparos. Eles fugiram em uma motocicleta e ainda não foram presos.

O rapaz foi socorrido pelo Samu e encaminhado consciente a um hospital da cidade com ferimentos nos dois braços, na perna esquerda e nas costas.

Eleitores de Ibiracatu voltam às urnas para escolha de prefeito e vice

Dois candidatos disputam o pleito

A eleição suplementar para escolha de prefeito e vice de Ibiracatu, no Norte de Minas, será realizada no próximo domingo (19). No município, 5.889 eleitores devem retornar às urnas, segundo dados divulgados pelo TRE-MG. Concorrem ao cargo Arlis Soares Coutinho (PP) e Carlos Renato Mendes de Freitas (PTB).

De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral, as eleições de 2016 em Ibiracatu foi anulada porque o candidato mais votado Orivaldo Alves (PR), que obteve 2.410 votos válidos, teve o registro de candidatura indeferido. Ainda segundo o TRE, houve dissidência e o Partido da República lançou dois candidatos para prefeito na cidade. O outro motivo para o indeferimento, foi a rejeição das contas pela Câmara Municipal nos anos de 2003 a 2004, quando Orivaldo era chefe do executivo.

Perfil dos candidatos
Arlis Soares Coutinho (PP), de 38 anos, é natural de Ibiracatu e já foi vereador na cidade por dois mandatos e candidato a vice-prefeito nas eleições de 2016. Ele possui ensino fundamental completo e faz parte da coligação "Por amor a Ibiracatu".

Carlos Renato Mendes de Freitas (PTB), de 42 anos, é natural de São Francisco e foi vereador e vice-prefeito em Ibiracatu entre os anos de 2004 a 2012. O candidato é graduado em química e representa a coligação “Renovação e Desenvolvimento”.

Dados eleitorais
O município de Ibiracatu tem 20 seções eleitorais, distribuídas por nove locais de votação, segundo o TRE. Serão utilizadas 20 urnas eletrônicas e mais cinco de contingência. Para organizar os trabalhos de votação, 80 mesários foram convocados para atuarem no próximo domingo (19).

Segundo a Justiça Eleitoral, os eleitores que não puderem comparecer às urnas devem justificar no prazo de 60 dias após a eleição. Mais informações podem ser acessadas no site do Tribunal Regional Eleitoral.

Ministério Público pede bloqueio de 60 milhões em bens do ex-prefeito Zé benedito e de mais 9 pessoas

O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), por meio da Promotoria de Justiça de Janaúba, no Norte do Estado, deflagrou, no dia 14 de novembro, a operação Coleta de luxo. O objetivo foi reunir elementos para subsidiar investigação que apura ilegalidades em procedimento licitatório de prestação de serviço de coleta de lixo no município.

Segundo apurado, agentes públicos de diversos escalões, em parceria com empresários, teriam fraudado procedimento licitatório, por meio de documentos falsificados e da não realização de lances, de modo a direcionar o resultado em benefício de empresas previamente escolhidas como vencedoras. Além disso, não houve comprovação da prestação do serviço.

Diante dos fatos investigados, o MPMG ingressou com Ação de Improbidade Administrativa contra dez pessoas e três empresas requerendo o bloqueio de bens dos envolvidos em mais de R$ 60 milhões. O valor equivale ao dano causado ao município e à multa civil que poderá ser estabelecida, caso a Justiça julgue procedentes os pedidos feitos na ação.

Além disso, a Promotoria de Justiça de Janaúba solicitou, de forma cautelar, a quebra dos sigilos bancários e fiscais de todos os investigados. Na ação, é pedida ainda a condenação dos envolvidos às sanções previstas na Lei de Improbidade Administrativa (n.º 8.429/92), como perda da função pública, suspensão dos direitos políticos, proibição de contratar com o Poder Público, pagamento de multa e ressarcimento dos cofres públicos.

Em decorrência da perda da função pública, caso a Justiça acate os pedidos, deverá ser aplicada a cassação da aposentadoria, em razão do exercício de função pública à época dos fatos. (Informações do Portal do MPMG).

A Ação Civil por Improbidade Administrativa com Numeração 0056888-73.2017.8.13.0351 de autoria do Ministério Público pede o bloqueio de bens no valor de R$ 60.868.851,04 , do ex-prefeito José Benedito Nunes Neto, do seu secretário de Administração a época, o advogado Moacir Nascimento de Carvalho e de mais 8 funcionários da prefeitura na época, além de três empresas suspeitas de estarem envolvidas nas fraudes licitatórias. 

(Fonte: MPMG/TJMG)

quinta-feira, 16 de novembro de 2017

I Fórum Intermunicipal de Cultura movimenta a Cultura Pontense


(Por Gilmar Pereira) Falar de cultura sempre é necessário, pois a “cultura é o tecido onde diferentes e diversos fios se entrelaçam”, e assim construímos a história de uma cidade e de um povo. Olhando para esse viés, aconteceu nesta sexta-feira (10/11) o I Fórum Intermunicipal de Cultura, no ginásio poliesportivo da Escola de Artes e Ofícios Antônio Tereza, situado no Bairro Denise. 

O evento teve como tema o “Resgate das Culturas tradicionais”.

Participaram do evento 07 municípios da região, sendo elas: Brasília de Minas, Ibiracatu, Japonvar, Lontra, Varzelândia, Verdelândia e São João da Ponte.

O momento foi propício para fomentar a cultura local e traçar metas para 2018, englobando todas as manifestações artísticas.

Durante o evento, aconteceram apresentações musicais com artistas da cidade que integram o Núcleo de Atenção a Criança e ao Adolescente - NACA; leitura e votação do regimento do Fórum; grupos de trabalhos e apresentação das propostas e apresentações culturais das cidades convidadas.

O carro chefe do "I Fórum" foi a palestra da Diretora de Interiorização da Secretaria de Estado de Cultura de Minas Gerais, Mara Mattos Cardoso que abordou sobre o Sistema Estadual de Cultura e a lei de Incentivo à Cultura.

Segundo Mara Mattos, "o evento é único e necessário, e a participação de todos é fundamental para que haja uma boa discussão das propostas que serão encaminhadas para os Governos Estadual e Federal. Estejam certos que esse Fórum torna este momento histórico para São João da Ponte, é aqui que começa a revelar novas formas de pensar na cultura", comenta a Diretora.

Para que o Projeto pudesse sair do papel, o Departamento Municipal de Cultura movimentou todas as cidades e a população pontense. Segundo o Secretário de educação, André Luiz Lima, "a cultura é a construção de um processo social e é ela que nos fazem diferentes de outros seres. O Fórum Intermunicipal é de extrema importância, isso porque falar de cultura é falar de valores e de educação. Através da cultura somos capazes de adaptarmos em qualquer esfera social”. O secretário ainda em sua fala ressaltou a importância do evento para a troca de experiências entre os municípios em busca da valorização cultural da região.

É preciso resgatar a cultura regional, pois é través da cultura que uma cidade mostra os seus talentos e cria forças para unir-se com outras culturas. Falar de cultura é falar de respeito, de educação e, sobretudo, falar de cidadania.

Bombeiros resgatam corpo de homem no Rio São Francisco, em Pirapora

O corpo de Bombeiros resgatou nesta quinta-feira (16) o corpo de um homem no Rio São Francisco, em Pirapora (MG). Segundo os militares, o corpo foi encontrado por moradores próximo à Capitania.

Ainda segundo os bombeiros, a vítima não apresentava nenhuma marca de violência e nenhuma testemunha a reconheceu. A corporação afirma que também não foi encontrada nenhuma solicitação de busca por desaparecidos com as mesmas características da vítima, que é morena, com cerca de 1,70 metros e possui o cabelo escuro.

Após a retirada da água, o corpo foi levado ao Instituto Médico Legal (IML).