Blog com notícias de Janaúba e região!

segunda-feira, 16 de setembro de 2019

PM apreende 89 galos em rinha na zona rural de Verdelândia; 16 pessoas foram detidas


A Polícia Militar apreendeu 89 galos e prendeu 16 pessoas que participavam de uma rinha na zona rural de Verdelândia (MG) nesse domingo (15).

Segundo a PM, os militares foram ao local depois de uma denúncia anônima. Quando eles chegaram, várias pessoas fugiram correndo para dentro de uma área de mata. Entre os abordados, estavam o dono do sítio, que também tinha a função de árbitro da rinha. A PM acredita que mais de 60 pessoas estavam no lugar, já que havia 35 carros e 25 motos estacionados.

“Esse tipo de ocorrência, geralmente, envolve muitas pessoas, portanto é de alta complexidade e temos que contar com a possibilidade de haver enfrentamento. Nesse sentido, fizemos levantamentos para planejar a melhor foram de agir, maximizando a execução da operação, que ocorreu sem riscos e sem resistência”, fala o tenente Alisson Soares de Souza.

Onze militares da Polícia Militar de Meio Ambiente participaram da ação, que contou também com o apoio de dois policiais e de uma van de Janaúba (MG).


Estrutura complexa
De acordo com a PM, o lugar contava com uma estrutura composta por três arenas e 88 compartimentos onde os animais eram colocados. Duas pessoas ficavam na porta para vigiar a chegada da polícia. O sítio fica a oito quilômetros da cidade.

“Na porteira já havia uma pessoa com foguetes, que atuava como olheiro e poderia avisar caso a polícia chegasse. A estrutura é muito bem elaborada, uma das arenas tinha iluminação. Havia também serviço de bar e alimentação. Pelo cenário que encontramos, o local é usado frequentemente”, destaca o tenente.

Situação dos animais
Muitos dos galos apreendidos tinham ferimentos em várias partes do corpo. No sítio, os policiais ainda apreenderam uma lista com os confrontos que iriam acontecer, uma balança para pesar os animais e R$ 118. O material e os conduzidos foram encaminhados para a delegacia da Polícia Civil de Janaúba (MG).

“Os animais estavam em situação degradante, muito machucados e cansados. Cinco deles acabaram não resistindo e morreram durante o transporte para a Janaúba”, afirma o tenente Alisson de Souza.

sexta-feira, 13 de setembro de 2019

Na zona rural de Jaíba idoso reage a assalto e é baleado


Um homem de 63 anos foi baleado durante uma tentativa de assalto na zona rural de Jaíba (MG) nesta quarta-feira (11).
Segundo as informações da Polícia Militar, ele estava em sua fazenda, quando foi surpreendido por um assaltante armado. Eles brigaram e o homem acabou sendo atingido por um tiro no abdome.

Ainda de acordo com a PM, o criminoso fugiu sem levar nada. A vítima foi encaminhada para o hospital da cidade e precisou ser transferida para uma unidade de saúde em Janaúba (MG), devido à gravidade dos ferimentos. A PM ainda faz buscas para tentar prender o assaltante.

Em Brasília de Minas, seis homens são presos em operação


Seis homens, entre 20 e 30 anos, foram presos durante operação de cumprimento de busca e apreensão em Brasília de Minas, nesta quinta-feira (12). De acordo com a Polícia Militar, os investigados são suspeitos de tráfico de drogas e receptação. Ao todo, dezessete locais foram vistoriados pelos militares.

A operação aconteceu nas áreas urbana e rural. Foram apreendidos porções de maconha, simulacro de arma, eletrônicos e R$ 205 em dinheiro. Sessenta militares participaram da operação, com apoio do Gaeco.

Os presos e os materiais foram entregues na delegacia da cidade.

Em Mirabela, tremor de magnitude 2.2 graus é registrado


Um tremor de magnitude 2.2 graus na Escala Richter foi registrado em Mirabela, no Norte de Minas. A informação foi confirmada pela estação sismográfica da Universidade Estadual de Montes Claros ao G1, nesta quinta-feira (12).

De acordo com a Universidade, o tremor foi registrado às 18h07, entre Mirabela e a Comunidade de Muquém, nessa quarta-feira (11). Até então, o município havia registrado apenas um abalo de terra em 2016, conforme dados do Núcleo de Estudos Sismológicos da Unimontes.

“Na manhã desta quinta (12), uma funcionária da prefeitura nos ligou à procura de dados oficiais porque vários moradores relataram a percepção do tremor. O A UnB identificou o epicentro na zona rural”, explicou Maycon Fredson Freitas Ferreira, mestre em Geografia e analista em Sismologia do NES/Unimontes.

As causas do tremor ainda precisam ser aprofundadas, mas a energia liberada por possíveis falhas geológicas pode ser uma delas.

“A região é muito parecida com Montes Claros, de relevo cárstico, e, possivelmente, as rochas não suportaram alguma acomodação. As ondas sísmicas chegam até a superfície e por isso o tremor é percebido”, detalhou Maykon.

O abalo é considerado leve e até o momento não há relatos de danos, segundo a Defesa Civil de Mirabela. O Corpo de Bombeiros de Montes Claros, que atende a cidade, também informou que não houve chamadas no horário que o abalo foi registrado.

quarta-feira, 11 de setembro de 2019

Em Jaíba suspeito de assaltar e agredir casal de idosos é preso


Um rapaz de 21 anos foi preso suspeito de assaltar e agredir um casal de idosos no Bairro veredas, em Jaíba (MG), nesta terça-feira (10). Segundo as informações da Polícia Militar o homem, de 70 anos, e mulher, de 73, estavam dormindo quando foram surpreendidos por dois criminosos armados.

As vítimas contaram que foram ameaçadas pelos assaltantes, a mulher foi agredida com uma coronhada na cabeça. Os criminosos fugiram pulando muros e levaram as aposentadorias do casale dois celulares; os R$ 2.500 estavam dentro de um guarda-roupas.

Durante as buscas, os policiais militares conseguiram chegar até o suspeito, ele negou ter participado do roubo, mas estava usando roupas semelhantes com as de um dos criminosos. Além disso, o rapaz também foi reconhecido pelas vítimas e testemunhas. O jovem foi levado para a delegacia, o comparsa dele ainda não foi encontrado.

Em Jaíba mulher usa dados de idosa para fazer empréstimo e saque; ela foi presa por estelionato


Uma mulher de 26 anos foi presa em flagrante por estelionato, em Jaíba (MG). De acordo com a Polícia Civil, ela estava em uma agência bancária, ofereceu ajuda para um idosa e usou os dados dela para fazer saque e empréstimo. Com a suspeita, os policiais localizaram encontraram R$ 6 mil e apreenderam cartões bancários. A prisão foi divulgada nesta terça-feira (10) .

"Uma vítima, de 73 anos, aceitou a ajuda dela para sacar R$ 1 mil. Em seguida, com a senha da idosa, ela ainda contratou, na mesma conta, um empréstimo de R$ 2.500. Este crédito foi direcionado para a conta da mãe dela. A correntista procurou o gerente para outro serviço, mas ele desconfiou do empréstimo. A polícia foi chamada e, por meio do circuito de segurança, a mulher foi identificada", detalhou o delegado do caso, Ricardo Amaral.

A mulher foi presa em uma salão de beleza e estava com a aproximadamente R$ 1.500. Na casa da mãe dela, os policiais encontraram R$ 4.500,00. Ela também é suspeita de cometer outro empréstimo, na mesma agência, de R$ 8 mil.

"Ela confessou o crime desta idosa de 73 anos, mas estamos apurando outras denuncias e vítimas", concluiu o delegado. A mulher foi encaminhada ao presídio de Janaúba (MG).

segunda-feira, 9 de setembro de 2019

Dom Roberto é o novo bispo de Janaúba


No domingo, 08 de setembro, a diocese de Janaúba acolheu o seu 4º bispo diocesano. Que governará a diocese caçula da Província Eclesiástica de Montes Claros, dom Roberto José da Silva, nomeado no último dia 12 de junho de 2019 pelo papa Francisco, bispo da então diocese. A solene celebração foi presidida por dom João Justino de Medeiros Silva, arcebispo da Arquidiocese de Montes Claros. A cerimônia foi na praça da Catedral Sagrado Coração de Jesus, centro da cidade. O rito de início de ministério do novo bispo de Janaúba,teve inicio às 9h. De acordo com a equipe organizadora, toda a infraestrutura foi preparada para acolher os milhares de fiéis que lotaram a solenidade. Caravanas de Juiz de Fora, Belo Horizonte, Santos Dumont e Montes Claros, além das dioceses vizinhas e cidades que compõe a diocese de Janaúba prestigiaram o evento.

Sobre o novo bispo: Dom Roberto José da Silva é o primeiro filho de Expedito Braz da Silva e Lair Maria de Oliveira e Silva. Nasceu em 18 de março de 1965, em Santos Dumont, Arquidiocese de Juiz de Fora, Minas Gerais. Ingressou no Seminário Arquidiocesano Santo Antônio na referida arquidiocese, em 16 de fevereiro de 1987. Foi ordenado diácono em 24 de abril de 1994 e presbítero em 04 de dezembro do mesmo ano, por dom Clóvis Frainer, na Matriz de São Miguel e Almas, em Santos Dumont. Antes de ser nomeado pelo papa Francisco, bispo de Janaúba, em 12 de junho de 2019, foi reitor do Seminário Arquidiocesano Santo Antônio e administrador paroquial da paróquia Santíssimo Redentor.

Em Capitão Enéas, dois homens são detidos suspeitos de roubo a casal de idosos


Um adolescente, de 17 anos, e um jovem, de 25, foram detidos nesta segunda-feira (9), em Capitão Enéas. De acordo com a Polícia Militar, eles são suspeitos de roubarem um casal de idosos, no Bairro Bela Vista. As vítimas, de 67 e 79 anos, contaram que estavam em casa quando foram surpreendidas pelos bandidos; houve agressões e ameaças de morte. Foram levados R$ 1 mil e celulares.

O rastreamento durou aproximadamente quatro horas e os militares chegaram até os suspeitos depois de denúncia anônima. Com eles, a PM recuperou parte do dinheiro e apreendeu vários objetos sem procedência, além de um simulacro de arma de fogo.

Os idosos não tiveram ferimentos graves. A Polícia Civil dará continuidade às investigações.

Vereador de Mirabela é preso temporariamente em inquérito que apura homicídio


Um vereador, de 41 anos, e um rapaz, de 22, foram presos mediante mandado de prisão, nesta segunda-feira (9), em Mirabela. De acordo com a Polícia Civil, eles podem estar envolvidos no inquérito que apura um homicídio ocorrido em 2016. Na época, o corpo de Alexandre Pereira Barbosa, de 37 anos, foi encontrado pela Polícia Militar próximo a fazenda onde trabalhava como caseiro.

A Polícia Civil não divulgou detalhes do inquérito. Em nota, o delegado responsável pelo caso, Giovani Siervi, esclareceu que as prisões são temporárias, pelo prazo de trinta dias, e que o objetivo é aprofundar as investigações.

O G1 entrou em contato com um dos advogados da defesa do vereador. Por telefone, Claudimarlei Oliveira Silva esclareceu que ainda não teve acesso ao inquérito e que o cliente dele foi ouvido no procedimento, nesta segunda (9), pela primeira vez.

Até a publicação desta reportagem, o G1 não localizou a defesa do outro suspeito nem conseguiu falar na Câmara dos Vereadores de Mirabela.

Entenda o Caso
O corpo de Alexandre Pereira Barbosa foi encontrado em um matagal, às margens da Rodovia MGC-135, depois que a ex-mulher dele chamou a Polícia Militar, em junho de 2016. 


A perícia esteve no local e constatou que a vítima estava com ferimentos por arma de fogo em diversas partes do corpo.

A motivação do crime ainda não foi esclarecida.

Em Janaúba, jovem e adolescente são detidos com arma e moto roubada


Um jovem e um adolescente, de 26 e 16 anos, foram detidos na noite deste sábado (7) em Janaúba. A Polícia Militar fazia patrulhamento quando se deparou com os dois em uma moto; ao perceberem a presença dos militares, os suspeitos tentaram fugir.

A dupla fugia em alta velocidade, mas o condutor perdeu o controle do veículo e chocou-se contra um portão. Com a queda da moto, os suspeitos entraram no quintal da residência contra a qual colidiram e fizeram disparos na direção dos militares, que revidaram. Apesar dos tiros, ninguém ficou ferido.

Antes da captura, a dupla tentou se livrar de um revólver calibre 22, mas a arma foi encontrada pelos militares no telhado da casa. Durante consulta ao sistema, a polícia identificou ainda que a moto utilizada pelos suspeitos havia sido roubada na cidade no fim de agosto.

Os detidos foram encaminhados para a Delegacia Civil junto à arma e à moto apreendidas.

Em Francisco Sá, quinze pessoas são detidas em rinha de galo


Quinze pessoas, entre 22 e 61 anos, foram presas, na tarde deste sábado (7), na zona rural de Francisco Sá. De acordo com a Polícia Militar, o grupo participava de uma rinha de galo quando foi flagrado pelos militares, por volta das 15 horas. Quase 100 galos feridos foram resgatados e ficaram com esposa do proprietário do imóvel como depositária fiel; uma ave foi encontrada morta.

A PM chegou até o local depois de receber uma denúncia anônima. A suspeita é que o espaço montado para as brigas de galo já funcionava há dois anos. Várias gaiolas e materiais usados no evento foram apreendidos.

Os militares informaram que a ocorrência ainda está em andamento. Os presos serão entregues na Delegacia de Plantão e a Polícia Civil irá investigar o caso.

Em Espinosa, dois rapazes são esfaqueados


(G1) Dois rapazes, de 16 e 25 anos, foram esfaqueados na madrugada deste sábado (7), em Espinosa. De acordo com a Polícia Militar, as vítimas estavam em uma festa, na quadra poliesportiva do Bairro São Domingos, quando se desentenderam com um homem. A motivação da briga não foi esclarecida.

Ainda de acordo com a PM, um dos jovens foi socorrido e levado por populares até o hospital da cidade. O outro rapaz foi socorrido pelo Samu em estado grave. As duas vítimas foram transferidas para o Hospital de Janaúba. Até a publicação desta reportagem, o G1 não conseguiu atualizar o estado de saúde deles.

A polícia informou que o suspeito de cometer os crimes já foi identificado,mas ainda não foi encontrado.

sábado, 7 de setembro de 2019

Empresário Paulo de Tarso poderá comprar a Pomar Brasil, a unidade está desativada no Projeto Jaíba


A Pomar Brasil empresa de processamento de frutas instalada no Projeto Jaíba, já chegou a gerar 750 empregos diretos em sua fábrica e fazendas, mas está fechada há algum tempo. Buscando parceiros e investidores que possam retomar o empreendimento, o Prefeito Reginaldo Silva, convidou o empresário Paulo de Tarso, da Geoterra e Biogeoenergy juntamente com a comitiva que visitava o Projeto Jaíba, para conhecer a unidade. Paulo de Tarso avaliou a infraestrutura da fábrica da Pomar Brasil, gostou e fez uma proposta de investimento para aquisição da unidade.

Segundo Paulo de Tarso, a unidade se encaixa dentro do seu ramo de atividade, e que o propósito da sua visita ao Projeto Jaíba é exatamente o de reabilitar e fortalecer agroindústrias, fomentar a produção de alimentos para o mercado consumidor. Para o Prefeito Reginaldo Silva, essa é uma ótima notícia, pois a Pomar Brasil representa muito para o município, na geração de emprego e renda. “Vamos torcer para que o negócio dê certo”, concluiu.

Janaúba se prepara para receber seu quarto bispo diocesano


(Por Ricardo Arruda) Nomeado no dia 12 de junho deste ano pelo Papa Francisco, o bispo dom Roberto José da Silva assumirá neste domingo (8) a Diocese de Janaúba, durante celebração, às 9 horas, presidida pelo arcebispo da Arquidiocese de Montes Claros, dom João Faustino de Medeiros Silva. Dom Roberto José será o quatro bispo diocesano de Janaúba. A cerimônia acontecerá na Praça da Catedral Sagrado Coração de Jesus as 9 horas da manhã.

De acordo com informações da equipe organizadora, toda uma infraestrutura foi preparada para acolher os milhares de fiéis que são esperados para a solenidade. Já foram confirmadas caravanas de Juiz de Fora, Belo Horizonte, Santos Dumont e Montes Claros, além das dioceses vizinhas e cidades que compõe a diocese de Janaúba.

Dom Roberto José da Silva nasceu em 18 de março de 1965, em Santos Dumont, Arquidiocese de Juiz de Fora, e se ingressou no Seminário Arquidiocesano Santo Antônio em 1987. Foi ordenado diácono em 1994 e presbítero em dezembro do mesmo ano. Antes de ser nomeado pelo papa Francisco, bispo de Janaúba, em 12 de junho de 2019, foi reitor do Seminário Arquidiocesano Santo Antônio e administrador paroquial da Paróquia Santíssimo Redentor.

Carga é saqueada após acidente na BR-251, no Norte de Minas


Um motorista de 48 anos ficou ferido depois que o caminhão que ele dirigia capotou na BR-251, no Norte de Minas. O acidente aconteceu em Serra de Vacarias, zona rural de Padre Carvalho (MG), nesta sexta-feira (06/09/2019). A carga, composta por produtos diversos, foi totalmente saqueada.

Segundo as informações do Corpo de Bombeiros, a cabine ficou destruída. Quando os militares chegaram, o caminhoneiro já havia sido retirado das ferragens por terceiros. Ele se queixava de dores e tinha um corte na testa. Após ser imobilizado, o motorista foi levado para uma unidade de saúde em Salinas (MG).

O Corpo de Bombeiros informou ainda que quando o atendimento era feito, várias pessoas começaram a saquear a carga. Os militares contiveram o furto enquanto permaneceram no local.

sexta-feira, 6 de setembro de 2019

Um ano depois de facada em Bolsonaro, irmãos de Adélio Bispo tentam se reerguer: 'Temos que continuar vivendo'

(G1) Um ano após o atentado contra o então candidato à presidência Jair Bolsonaro, a família do autor da facada, Adélio Bispo, ainda procura entender os motivos que o levaram a cometer o crime. Os irmãos dele, que moram em Montes Claros (MG), preferem não ter os nomes divulgados. Eles têm medo da exposição e de represálias.

“A gente está levando a vida, né? Não pode parar. Temos que continuar vivendo. A gente fica muito sentido. Às vezes eu deito na cama à noite e fico pensando, mas não chego a conclusão nenhuma”, fala o homem de 52 anos, que é o mais velho entre os cinco irmãos.

Adélio foi considerado inimputável pela Justiça, ou seja, não pode ser punido criminalmente, por ter doença mental. A prisão foi convertida em internação por tempo indeterminado. Pela decisão, o agressor deve permanecer num presídio de Campo Grande (MS).

Depois do atentado, a saúde do irmão de Adélio ficou ainda mais frágil e inspira cuidados redobrados. “Hoje eu tomo 12 remédios todos os dias, porque ao longo da vida fiz três angioplastias e enfartei quatro vezes”, completa.

O homem mora com a esposa há mais de 30 anos em uma casa modesta, em um bairro afastado da região central. “Nós não temos costume de mexer com mídia, com televisão, isso tudo traz apavoramento pra gente. Até a Polícia Federal esteve aqui, a vida virou de cabeça para baixo”, diz a cunhada de Adélio Bispo.

Adélio Bispo saiu de Montes Claros quando tinha 15 anos, buscando por oportunidades de trabalho. Ele chegou a ficar fora por oito anos, sem retornar para ver a família. Nos últimos anos, o contato era raro e acontecia por telefone ou redes sociais. Quatro meses antes do atentado ele esteve na cidade.

“Ele apareceu do nada, sem avisar, como fazia. Chegou aqui em casa de manhã e foi embora à tarde. A gente não tinha o telefone e nem o endereço dele, só sabíamos que ele trabalhava fora, mas sem detalhes”, conta uma das irmãs, que mora em uma comunidade rural.

Na última vez em que esteve em Montes Claros, a família chegou a sugerir que Adélio procurasse por ajuda psicológica, já que ele estava com o hábito de conversar sozinho e demonstrava fanatismo político, que eles consideravam anormal. Apesar de falar muito sobre o assunto, ele não dizia em qual candidato votaria.

Meses após ter saído de perto dos irmãos, eles foram surpreendidos com a notícia do atentado na televisão. “Minha filha viu ele e gritou 'pai, é tio Tuca na televisão'. Eu nem sabia que ele estava nessa cidade. Foi um choque, nunca imaginava que poderia acontecer uma coisa dessas”, relembra o irmão mais velho.

Ligação antes do atentado
Um dia antes de Adélio Bispo esfaquear Jair Bolsonaro, o irmão dele recebeu duas ligações de um número desconhecido, com código de área de Juiz de Fora (MG), cidade onde os fatos ocorreram.

“Acho que foi ele que ligou, fico com aquele sentimento que se talvez eu tivesse atendido não tinha acontecido isso, porque ele poderia ter desabafado comigo e talvez eu conseguiria tirar da cabeça dele, se ele já tivesse de planos de fazer isso”, lamenta o irmão.

O pai de Adélio trabalhou em propriedades rurais de Montes Claros. Por conta disso, a família se mudava com frequência. Quando o patriarca ficava doente, a responsabilidade de garantir o sustento ficava por conta do irmão mais velho.

“Eu fico sentindo como se fosse o pai dele, porque eu que tinha que sustentar quando nosso pai adoecia. Não sei para as outras irmãs, mas para mim é ruim demais, sinto a responsabilidade de pai”, lamenta.

Carta para o sobrinho
O único contato que a família teve com Adélio foi uma carta endereçada a um dos sobrinhos, com quem ele morou por um tempo e trocava mensagens nas redes sociais, mesmo distante. Na correspondência datada de seis de maio e enviada do Presídio de Campo Grande (MS), o condenado por tentar matar Jair Bolsonaro manifesta o desejo de ser transferido para Montes Claros.

“Estou tentando sair daqui o quanto antes, pois esse presídio é um lugar de maldições. Um presídio projetado pela maçonaria, onde o satanismo maçom é terrível. Estão tentando me levar à loucura a qualquer custo, assim como já fizeram com muitos que passaram por aqui. Há uma conspiração bem montada para isso. Mas estou sendo firme apesar das investidas satânicas da maçonaria”, disse na carta.

Adélio ainda pede para que o sobrinho procure por um advogado da cidade, que cobraria um valor menor pela defesa e se despede desejando “tudo de bom”.

“Era uma criança alegre demais. Não era de farra não, nunca bebeu, nunca fumou, o negócio dele era trabalhar e ir para a igreja, só isso. Quando mais jovem, ele gostava era de academia, mas depois de velho não gostava de nada não, só da tal da política. Acho que isso pode ter adoecido ele. Eu nem sei o que pensar, é uma coisa que a gente não tem resposta. Eu queria encontrar com ele para perguntar, tudo que a gente fica sabendo é pela mídia”, finaliza o irmão.

Prefeitura Municipal de Monte Azul lança edital de concurso público


A Prefeitura do Município de Monte Azul, no Norte de Minas, divulgou nessa quarta-feira (4 de setembro) o edital de realização de concurso público de provas objetivas, de caráter eliminatório e classificatório, para o preenchimento de 80 vagas na função pública efetiva.

As inscrições para o certame serão realizadas pela internet, no endereço eletrônico do IBGP, no período entre 09h do dia 04 de novembro e 15h59 do dia 04 de dezembro de 2019, observando o horário de Brasília/DF.

Há vagas para todos os níveis de ensino sendo que os salários variam de R$998,00 à R$1.250,00. A taxa de inscrição será de R$46,00 reais para todos os cargos sendo que o pedido de isenção de taxa poderá ser solicitado entre os dias quatro e seis de novembro.

Para mais informações sobre o concurso podem está entrando no site da banca organizadora, onde está publicado tanto o edital quanto os anexos.

O município
Monte Azul é uma cidade localizada no norte do estado de Minas Gerais, na microrregião de Janaúba, a cerca de 670 km da capital Belo Horizonte e a 45 km da divisa com o estado da Bahia (Urandi).

A cidade atualmente possui cerca de 21 mil habitantes e foi fundada em 1878, quando se desmembrou de Rio Pardo. A principal via de acesso ao município é a BR-122.

Suspeito de estupro é preso em Jaíba; menina de 11 anos voltava da escola quando foi abusada


A Polícia Militar prendeu um suspeito de abusar sexualmente de uma menina de 11 anos, enquanto ela voltada da escola para casa, em Jaíba (MG), nesta quinta-feira (5).

Segundo as informações da PM, os policiais fizeram buscas na Vila NH1, onde o crime ocorreu, mas o homem não foi encontrado. Ele chegou a ser visto às margens do Rio Verde Grande, mas fugiu em direção a um matagal ao perceber a chegada da viatura.

Posteriormente, os militares receberam informações de que o suspeito estaria escondido na casa da mãe. PMs à paisana fizeram o monitoramento da residência e constataram que o homem estava em outro imóvel. Foi feita a abordagem e ele acabou sendo preso.

Sobre o crime
A criança contou para a Polícia Militar estava de bicicleta e seguia para casa com o irmão, quando percebeu que um homem os seguia. Quando eles se aproximaram de um bananal, o criminoso a agarrou e arrastou para o interior da plantação. A menina disse ainda que criminoso a ameaçou e tapou a boca dela. Em seguida, cometeu o abuso.

De acordo com as informações da PM, o irmão da vítima saiu correndo, foi para casa e contou o que aconteceu para a mãe. A mulher falou para os policiais que não acreditou na história relatada pelo garoto, mas como a filha demorou, foi até o bananal e a encontrou saindo correndo do local Ela chegou a ver o homem, que fugiu em uma bicicleta.

A menina foi atendida no pronto socorro e encaminhada para um hospital em Janaúba (MG). O Conselho Tutelar acompanhou a ocorrência.

segunda-feira, 2 de setembro de 2019

Capotamento próximo a Verdelândia deixa uma criança morta


Quatro pessoas da mesma família sofrem acidente na rodovia MG 401, sentido Verdelândia, na tarde de domingo (01),por volta das 13 horas. A criança Thauany de 02 anos veio à óbito.

Segundo familiares, os demais envolvidos no acidente, estão internados no hospital Municipal de Jaíba. Relatos que, o motivo do acidente, possivelmente que, o motorista dormiu ao volante. A criança é filha de Nalva, conhecida como "Nalva Modas" do bairro Cidade Nova em Jaíba.

A Thauany está sendo velada na rua Lucídio Neres Santana 229, no bairro Veredas em Jaíba.


Jornalista Sueli Teixeira
Blog Boneka Jaíba

Fazendeiro de Monte Azul indenizará empregado que não foi socorrido após lesão em partida de futebol


Um fazendeiro da cidade de Monte Azul, no Norte de Minas Gerais, terá que pagar indenização por danos morais de R$ 6 mil para um ex-empregado que se machucou durante uma partida de futebol realizada em campo na sede da empresa. A decisão é da Terceira Turma do TRT-MG, que, por unanimidade, entendeu que houve negligência no socorro do trabalhador.

O fazendeiro alegou, em sua defesa, que não foi comprovado o suposto acidente sofrido pelo trabalhador, que exercia as funções de tratorista e varrição. Mas provas colhidas durante ação, ajuizada após o término do contrato, confirmaram os fatos descritos pelo empregado.

Pelo depoimento do tratorista, o acidente aconteceu no dia 16 de fevereiro de 2017, antes das atividades de trabalho. Ele estava jogando futebol com os demais funcionários, quando sofreu uma rotura completa do ligamento do joelho. 

Segundo o empregado, o supervisor da fazenda negou a prestação de socorro, alegando que a lesão não teria nexo com o trabalho.

Testemunhas ouvidas confirmaram que partida de futebol era comum nos momentos de lazer dos empregados. Uma delas afirmou que, no dia do acidente, viu o encarregado negando a assistência. Segundo ela, nem mesmo o carro de apoio foi oferecido para levar ao médico o funcionário, que morava em uma casa da fazenda. “Ele passou dias sentindo dor, até ser encaminhado para um hospital”, relatou a testemunha.

Para a desembargadora relatora Emilia Facchini, os depoimentos das testemunhas foram de encontro aos argumentos apresentados pelo fazendeiro. Segundo ela, ficou provado que o trabalhador lesionou-se dentro da fazenda, local onde residia, e que lhe foi negado socorro. 

“Relevante é que a lesão, mesmo não decorrendo das atividades laborais, ocorreu dentro da sede da reclamada, que se recusou a prestar ajuda ao empregado, prolongando sofrimento por omissão”, concluiu a relatora mantendo a condenação de indenização por danos morais aplicada pelo Juízo da Vara do Trabalho de Monte Azul.