Blog com notícias de Janaúba e região!

sábado, 15 de junho de 2013

O global Nerso da Capitinga se apresentará em Janaúba


FIM DE MUNDO: QUATRO MARMANJOS SÃO SUSPEITOS DE ESTUPRAR IRMÃS DE 8 E 5 ANOS

(Jornal de Notícias) Como exclama a sabedoria popular: parece fim de mundo. Três marmanjos de 92, 69 e 35 anos são suspeitos de abusar, sexualmente, de duas meninas de 8 e 5 anos, no município de Grão-Mogol, a 151 quilômetros de Montes Claros. Na quinta-feira (13), a Polícia Militar apresentou à Polícia Judiciária os três suspeitos de terem estuprado as crianças, fato que já estaria ocorrendo no distrito de Vale das Cancelas. De acordo com a menina de 8 anos, ela estaria sendo abusada sexualmente já há algum tempo por Valdomiro M. Santos, vulgo Valduc (69 anos), Willis César Martins Fragoso, conhecido como César (35) e ainda por Sebastião R. de S. (92 anos), que é seu tio e também era chamado de Avô.
O fato foi noticiado pela própria menor, que teria ligado para o 190 e relatado que o seu “Tio” ou “Avô” a teria estuprado e que, em data anterior, o autor de nome Willis a teria levado para uma propriedade rural e lá a teria despido. Contudo, segundo a garota, ele só não consumou o ato por causa da interferência de um terceiro indivíduo, que havia chegado ao local e questionado a presença da menor ali. De acordo com a criança, Valdomiro já teria, em outras datas, abusado sexualmente dela pela paga de pequenas quantidades de dinheiro, o mesmo ocorrido com o autor José Ferreira, o Zé de Rita.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Cidades do Norte de Minas estão há dois meses sem chuva

Caminhões-pipa distribuem água diretamente nas casas dos moradores
O rigor do outono e a temporada seca tem castigado várias cidades do Norte de Minas. Em algumas delas, não chove a quase dois meses. É o caso de Mocambinho e Januária, por exemplo.O último município, inclusive, entrou em situação de emergência por causa da seca em 22 de maio.
De acordo com o meteorologista Heriberto dos Anjos, do Instituto de Meteorologia Tempo/Clima PUC/Minas, as tardes são ainda mais secas devido aos baixos índices de umidade relativa do ar.
E a previsão é de que a chuva só venha com maior intensidade e frequência a partir da segunda quinzena de setembro. “Estamos passando para a estação mais seca ainda, o inverno, que se inicia em 21 de junho às 2h04. Só na primavera que começa em setembro é que devemos começar a ver essas condições mudarem”, afirmou.
O tempo seco, além de prejudicar a agricultura, estimula a ocorrência de doenças respiratórias, segundo o meteorologia. “Muitos agricultores estão recorrendo a irrigação para não perder as colheitas e muitas pessoas sofrem com problemas respiratórios, como bronquite, asma”, disse.
De acordo com a Coordenadoria de Defesa Civil de Minas Gerais (Cedec), 110 cidades decretaram situação de emergência por causa da seca. O último município a entrar nessa condição foi Itinga, no Vale do Jequitinhonha. Devido à falta de chuva, em algumas dessas regiões, o abastecimento de água é feito por meio de caminhões-pipa.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Ministro da Agricultura recebe reivindicações de prefeitos do Norte de Minas

MG – Ministro da Agricultura recebe reivindicações de prefeitos do Norte de Minas
Seca, milho da Conab, máquinas do PAC e reabertura do Kaiowa na pauta

Ações de combate à seca, a venda subsidiada de milho da Conab para produtores da região, a reabertura do Frigorífico Kaiowa e a destinação de maquinário para conservação de estradas  nos municípios do semiárido mineiro ainda não contemplados foram alguns dos temas da audiência do ministro Antônio Andrade com prefeitos e vice-prefeitos do Norte de Minas nesta quinta-feira em Brasília. Agendada pelo deputado Tadeu Martins Leite e com a presença de 10 prefeitos e vice-prefeitos da região, a audiência teve o objetivo de levar ao ministro as principais reivindicações dos produtores rurais da região. O encontro teve ainda a presença do presidente nacional do PMDB, senador Valdir Raupp.
O ministro Antônio Andrade garantiu empenho no atendimento aos pleitos apresentados pela comitiva. Ele acredita que com a distribuição passando a ser a granel a partir de agora, o milho da Conab chegará com mais agilidade aos produtores da região, que receberá parte das 180 mil toneladas mensais que o Ministério irá disponibilizar para o Nordeste e Área Mineira da Sudene enquanto perdurarem os efeitos da seca. O milho será vendido a 18 reais a saca, cerca de 25% do valor de mercado.
O ministro informou ainda que os municípios do semi-árido região que ainda não foram contemplados com retroescavadeiras e motoniveladoras para conservação das estradas rurais e consequente escoamento da produção vão ser incluídos no programa do Ministério do Desenvolvimento Agrário. “Estamos tentando ampliar o programa também para municípios da região que não estejam incluídos no semi-árido”, informou o ministro. Vários prefeitos aproveitaram o encontro para apresentar pleitos específicos para seus municípios.
Para o deputado Tadeu Martins Leite, a presença de um ministro mineiro, companheiro de partido e amigo particular é uma oportunidade que se abre para estreitar o relacionamento da região com o Ministério da Agricultura. “O ministro Antônio Andrade deixou claro que dará uma grande atenção ao Norte de Minas e ao Vale do Jequitinhonha durante sua gestão no Ministério, o que será de grande importância para regiões que têm na agropecuária a principal atividade comemorou o deputado.
Reabertura do frigorífico Kaiowa
O empenho do Ministério da Agricultura na reabertura do frigorífico Kaiowa, em Janaúba, foi reivindicada ao ministro pelo deputado Tadeu Martins Leite, pelo prefeito de Janaúba, Yugi Yamada e pelo vice-prefeito Rodrigo Rodrigues, que também é liderança da classe rural. Esta é uma reivindicação dos pecuaristas de toda a região, já que a falta de um frigorífico para comprar a produção bovina da região vem acarretando prejuízos e já contribui inclusive com a queda do preço da arroba do boi no Norte de Minas.
O ministro explicou que assim que forem resolvidas as questões legais que envolvem a massa falida do frigorífico ele se empenhará pessoalmente para sua reabertura. É que a compra do frigorífico e sua consequente reabertura depende ainda do desmembramento da unidade de Janaúba das demais unidades do Kaiowa que foram à falência. O vice-prefeito de Janaúba, Rodrigo Rodrigues explicou que este desmembramento já foi solicitado à Justiça, e que deve ser concretizado em 90 dias. Pelo menos dois grupos, o Minerva e o Friboi já manifestaram interessa em reabrir o empreendimento.
Participaram da audiência em Brasília o deputado Tadeu Martins Leite ,os prefeitos de Pintópolis, Arguinel Paixão; Janaúba, Iuji Yamada, Patis, Vinícius Versiane, Ubaí, Gerson Piau, Mato Verde, Generino de Sales Pinto, Gameleiras, Waldir Rodrigues, Engenheiro Navarro,Paulo Afonso, e os vice-prefeitos Rodrigo Rodrigues (Janaúba), Osmar Cunha (São João do Pacuí), Liu da Copasa (Engenheiro Navarro), Miguel Veloso (Felício dos Santos) e Deraldo(Gameleiras).


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

sexta-feira, 14 de junho de 2013

Acidente em Glaucilândia deixa quatro feridos

Um acidente envolvendo dois carros de passeio deixou quatro pessoas feridas, nesta sexta-feira (14), na MG -308, Glaucilândia, no Norte do Estado.
De acordo com informações do Corpo de Bombeiros de Montes Claros, a colisão frontal aconteceu no KM 18 da rodovia. Um idoso, de 63 anos, ficou preso às ferragens. As vítimas foram socorridas pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhadas à Santa Casa de Montes Claros. O estado de saúde dos feridos não foi divulgado.
O trânsito na região chegou a ficar lento, mas já foi liberado.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

PM prende suspeito de assaltos em Janaúba, Porteirinha e Nova Porteirinha

A Polícia Militar prendeu um homem de 19 anos, nesta quinta-feira (13), em Serrado, zona rural de Porteirinha (MG), suspeito de ter cometido diversos assaltos em Janaúba, Nova Porteirinha e Porteirinha. Segundo a PM, Wesley Rafael Souza Santos, conhecido como "Bilóia", estava em um bar quando foi preso.
Ainda segundo a PM, o último assalto que o suspeito teria cometido foi em um bar no Balneário Municipal de Porteirinha, na quarta-feira (12). A motocicleta, que teria sido roubada, foi recuperada pelos militares. Os policiais conseguiram encontrar ainda outra moto, celulares, dinheiro e capacetes. 
A PM informou também que Wesley Rafael contou com a ajuda de outros dois homens que não foram presos, mas já foram identificados e estão sendo procurados. 
O suspeito e o material apreendido foram encaminhados para a delegacia de Janaúba.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

quinta-feira, 13 de junho de 2013

Menina de 10 anos é estuprada por cunhado em Nova Porteirinha

Um homem de 37 anos foi preso, na manhã desta quinta-feira (13), suspeito de estuprar uma criança de 10 anos em Nova Porteirinha. Segundo a Polícia Militar, o suspeito é cunhado da vítima e já tinha praticado o crime outras vezes.
O crime foi descoberto após a criança chegar à escola. A professora percebeu que a menina estava triste e chamou uma psicóloga que ouviu a criança e denunciou o estupro.
I. A. da Silva foi preso e confessou o crime. Ele alegou que a criança era quem o seduzia. Ele foi encaminhado à delegacia de Janaúba.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Polícia de Bocaiúva prende suspeitos de duplo homicídio

A Polícia Civil de Bocaiuva, prendeu dois homens suspeitos de terem cometido um duplo assassinato em junho de 2009 na cidade de Francisco Dumont (MG).  
Segundo a Polícia Civil, dois irmãos estavam pescando em uma lagoa, quando foram atingidos por vários tiros.  
A PC disse ainda que o crime teria sido motivado por desavenças políticas, já que os suspeitos e as vítimas pertenciam a partidos diferentes.  
Um terceiro homem está sendo procurado. Ele já teria cometido cinco homicídios e seria suspeito de tráfico de drogas.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Delegado afirma que mistério sobre o desaparecimento de menina em Rio Pardo de Minas “não está longe” do fim

MG – Delegado afirma que mistério sobre o desaparecimento de menina em Rio Pardo de Minas “não está longe” do fim
Após mais de um mês de investigações, o delegado Luiz Cláudio Freitas do Nascimento afirmou nesta quarta-feira (12) que o fim do mistério sobre o desaparecimento de Emily Ketlem Ferrari Campos, de 8 anos, “não está longe”. Entretanto, o delegado não quis divulgar mais detalhes sobre o inquérito para não prejudicar o trabalho da Polícia Civil.
Nesta quarta-feira, foram feitas novas diligências em Taiobeiras, no Norte de Minas, em busca de um grupo de ciganos que teria passado por Rio Pardo de Minas aproximadamente no mesmo período em que a criança sumiu. Mas até agora nenhuma pista do grupo foi encontrada. “Eles fazem muita bagunça por onde passam, então acabam não ficando muito tempo em lugar nenhum”, explicou o delegado.
Em pararelo às diligências, Luiz Cláudio segue com uma linha de investigação baseada no depoimento de uma testemunha-chave para o processo. No entanto, uma informação de que ela teria dado uma ligação telefônica no mesmo horário em que cruzou com um dos suspeitos de ter envolvimento no sumiço da menina não coincide com o horário que aparece no detalhamento telefônico da depoente.
Mas, segundo o delegado, a testemunha é categórica ao afirmar o horário da ligação e, por isso, os investigadores vão aguardar até esta quinta-feira (13) para analisar o novo relatório de ligações telefônicas do celular da testemunha, que deverá ser encaminhado à delegacia.
Ainda nesta quinta-feira, o delegado afirmou que deve realizar importantes diligências em Rio Pardo de Minas e deve conversar com uma determinada pessoa, mas não quis revelar quem seria, nem se há alguma nova suspeita por parte dos investigadores.
Desaparecida
Emily Ketlem, que possui Transtorno de Déficit de Atenção (T.D.H.), sumiu enquanto brincava na porta de casa, no dia 4 de maio, por volta das 17 horas, na avenida Padre Eurácio Giraldi, bairro Cidade Alta. Os pais da criança são separados e, no dia do sumiço, o pai havia deixado a menina na casa da ex-mulher por volta das 15 horas. Em seguida, viajou para a cidade de Taiobeiras, conforme relatou em depoimento à polícia. Desde então a menina não foi mais vista. Um carro preto teria sido visto rondando a residência no dia do crime.
Na sexta-feira (17), Emily completou 8 anos, mas a festa que teria bolo de princesas acabou sendo adiada. De acordo com uma tia da menina, ela estava eufórica com a proximidade do aniversário e até a lista de convidados estava pronta. Como ainda está na fase de alfabetização, a garota pediu para que os parentes soletrarem os nomes dos amiguinhos que gostaria de convidar para a comemoração. A festa seria feita no no dia 12, coincidindo com o Dia das Mães.



Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Ex-prefeito de Pirapora é acusado de desvios de verba

Além do político, outros três servidores da prefeitura e o Posto São Francisco de Pirapora Ltda foram denunciados
O ex-prefeito de Pirapora Warmillon Fonseca Braga, que coleciona ações de improbidade administrativa, foi denunciado mais uma vez pelo Ministério Público. Agora, por desvio de verba pública com compra fraudada de gasolina. Além do político, outros três servidores da prefeitura e o Posto São Francisco de Pirapora Ltda., que venceu os pregões para fornecimento do produto, foram denunciados.  
De acordo com a ação, os recursos do caixa do Executivo foram usados para abastecer 17 carros particulares, sendo que alguns proprietários dos veículos não moram em Pirapora e pelo menos um deles é dono de uma carretinha, sem tanque de combustível. E não fica nisso. Um único carro, um Fiat doblô, com tanque com capacidade de 60 litros, teria sido abastecido com 850 litros de gasolina num único dia.  
De acordo com a ação, a investigação sobre a fraude na compra de combustível – que consumiu mais de R$ 2 milhões de recursos públicos nos anos de 2010 e 2011 – teve início numa auditoria do Tribunal de Contas nas finanças da prefeitura. Foi com a análise das notas fiscais emitidas pelo posto que os auditores tiveram conhecimento das fraudes.  
Em seu relatório, encaminhado ao MP, o TCE cita o exemplo do Fiat doblô e sustenta “que em 9 de maio de 2011, levando em consideração uma distância de 10 quilômetros percorrida com um litro de gasolina, o veículo teria percorrido 8,5 mil quilômetros num dia. Se considerarmos a velocidade média de 100 km/h, conclui-se que para consumir o montante de combustível autorizados pela servidora da Secretaria de Saúde, Nélia Amanda Neta Vieira, o veículo teria que rodar por 85 horas ininterruptas”.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Homem tenta furtar gado de fazenda em Francisco Sá

Um homem de 33 anos tentou furtar 22 cabeças de gado nelore de uma fazenda em Francisco Sá (MG), na noite desta quarta-feira (12). João Soares de Lima, de 33 anos, trabalhava na propriedade há três meses. A proprietária, que não quis ser identificada, informou à reportagem que o prejuízo seria de mais de R$ 18 mil e que o veículo levaria os animais para Janaúba.
Ainda de acordo com a dona da fazenda, ela saiu de madrugada com o marido, para fazer tratamento médico em Montes Claros (MG), e avisou ao funcionário que voltaria no dia seguinte, mas resolveu antecipar o retorno. Ao chegar no local havia um caminhão carregado com 17 animais, e outros cinco que iriam ser levados também.
"Nunca suspeitamos dele, parecia ser uma boa pessoa, era educado, tinha esposa e filhos", diz a senhora de 55 anos. "Quando chegamos e vimos o que estava acontecendo, meu marido correu e trancou a cancela para impedir que o caminhão saísse, e em seguida ligou para a polícia", diz
Ao perceber a chegada da Polícia Militar, João Soares de Lima fugiu para um canavial e até o momento da publicação desta reportagem não havia sido preso. Segundo o filho da proprietária da fazenda, ele voltou de madrugada e pegou todas os pertences que estavam no local. "Ele só deixou a moto para trás, porque a trancamos na garagem."
A dona da propriedade ainda conta que há pouco tempo atrás, o funcionário chegou a mencionar que atirou em um ex-patrão, mas disse estar arrependido do crime. "Ele dizia que tinha ficado preso por mais de quatro anos, mas nunca falava o motivo." Após fazer um levantamento da ficha criminal do suspeito, a PM constatou que ele tinha três passagens por furto, sendo que uma delas culminou em uma tentativa de homicídio.
"Sabíamos que ele tinha uma arma, que provavelmente não deveria estar aqui na fazenda, fico receosa ao imaginar que algo pior poderia ter acontecido."
A dona da propriedade fala que tem 370 cabeças de gado e que não descarta a possibilidade de outros animais terem sido levados anteriormente.
"Começamos a contar o gado, já tínhamos contabilizado 120, e em todo momento, ele dizia que não havia a quantidade de animais que eu afirmava ter, o que me causava estranhamento. Iríamos terminar de contá-los nesta quinta."
O motorista do caminhão, Silvio Nogueira, de 54 anos, foi detido e teve o veículo apreendido. Ele informou para a PM que não sabia de nada e estava apenas prestando um serviço, ele não informou como conheceu João Soares.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Fonte: G1

Olho Vivo chega em mais 18 cidades em Minas

O sistema de vigilância “Olho Vivo” será ampliado no estado, beneficiando 18 municípios, dos sete vão receber o monitoramento pela primeira vez: Juiz de Fora e Barbacena, na Zona da Mata; Poços de Caldas e Pouso Alegre, no Sul do estado; Teófilo Otoni (Vale do Mucuri), Janaúba (Norte Minas) e Uberaba (Triangulo). Serão investidos R$ 50 milhões na expansão do sistema, conforme anunciou o secretário de Estado de Defesa Social, Rômulo de Carvalho Ferraz, na tarde desta terça-feira, em Montes Claros.
O secretario participou de uma reunião, juntamente com a cúpula da segurança do estado, com objetivo de discutir medidas para reforçar o combate à criminalidade no município e no Norte de Minas. Também participaram do encontro o chefe do Estado-Maior da Polícia Militar de Minas Gerais, coronel Divino Pereira de Brito; o chefe estadual de Polícia Civil, Cylton Brandão da Matta, juntamente com comandantes das unidades da PM na região.
As Policias Militar e Civil montam estratégias no sentido de reduzir a criminalidade em Montes Claros. Nos primeiros cinco meses de 2013 foram registrados 40 homicídios na cidade, a grande maioria deles relacionada ao tráfico de drogas. No mesmo período do ano passado aconteceram 51 assassinatos. Ontem, o assunto também foi discutido em audiência de comissão especial da Assembléia Legislativa no município, que discutiu o combate ao crack e a outros entorpecentes.
Rômulo Ferrraz destacou que o “Olho Vivo” é um modelo eficiente para a redução dos crimes. “Á medida que instalamos a vigilância eletrônica em determinados locais,liberados policiais para garantir a segurança em outros lugares”, afirma o secretário.
De acordo com comandante da 11ª Região da Policia Militar, coronel César Ricardo Oliveira Guimarães, Montes Claros vai receber 32 câmeras de vídeo, que vão se somar as atuais 36 câmeras instaladas na cidade. Os novos equipamentos de filmagem serão instalados próximo ao Shopping Center (bairro Cidade Nova), bairros Todos Santos e Major Prates e outros locais de expansão comercial do município.

Ampliação em presídio 
Nesta terça-feira, em Montes Claros, o secretario estadual de Defesa Social, Rômulo de Carvalho, anunciou que, também anunciou que, dentro das medidas do reforço do combate á criminalidade no Norte de Minas, no segundo semestre deste ano, o estado vai ampliar o presídio regional de Montes Claros, inaugurado em 2008 e que tem capacidade para cerca de 540 vagas, mas está superlotado com mais de 900. Segundo o secretário, com a ampliação, serão abertas mais 900 vagas na unidade.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Moradores temem doenças com lixo em lote vago na cidade de Jaíba

Moradora já teve que limpar o lote ao lado da sua residência (Foto: Adrienne Nogueira/VC no G1)

Esgoto de casas vizinhas também caem no lote
(Foto: Adrienne Nogueira/VC no G1)
(G1) A internauta Adrienne Nogueira de Jaíba, Norte de Minas Gerais, enviou fotos para o VC no G1 falando sobre a situação que passa na sua rua. Segundo ela, o lote ao lado de sua casa dela, que fica no centro da cidade, acumula lixo e nenhuma providência é tomada.
"Um lote vago com muito acúmulo de lixo e entulho que atrai insetos, roedores e animais peçonhentos. Até mesmo esgoto da vizinhança é despejado lá", afirma a moradora. Ainda segundo a internauta, algumas vezes foi necessário que ela limpasse o local.
Adrienne conta que procurou ajuda da Vigilância Sanitaria. "Fui informada que deveria levar os insetos peçonhentos dentro de um vidro para o funcionário visualizar, e se fosse do meu interesse que eu comprasse um inseticida para dedetizar o lote vago", diz.
Envie você também fotos e vídeos para o VC no G1
Nota da redação: A equipe do G1 Grande Minas tentou contato com a Secretaria Municipal de Obras e Serviços Urbanos, mas ninguém atendeu as ligações.

terça-feira, 11 de junho de 2013

Homem atropela e mata dona de casa após entrar em camarote sem ingresso e ferir pessoas em Janaúba

Élisson Rodrigues dos
Santos foi preso em casa
Um homem de 26 anos foi preso após ferir duas pessoas durante uma feira agropecuária e ainda atropelar e matar uma dona de casa durante a fuga em Janaúba, no norte de Minas Gerais.
De acordo com a Polícia Militar da cidade, o carro que Élisson Rodrigues dos Santos dirigia atingiu Maria Aparecida Francisca, de 41 anos, no momento em que ela voltava da mesma festa de bicicleta. O acidente ocorreu a dois quarteirões da casa da vítima.
Antes do atropelamento, Élisson Rodrigues tentou entrar em um dos camarotes da festa sem ter ingresso, mas foi barrado por seguranças. Revoltado, o detido jogou uma garrafa de vidro dentro do local e feriu um guarda e um adolescente. Em seguida, Élisson fugiu de carro e ainda derrubou o portão do parque de exposições de Janaúba, onde era realizada a feira.
O condutor foi localizado em casa, após passar sete horas de ter ocorrido o atropelamento.
Na delegacia, Élisson negou que tenha se envolvido em confusão durante a festa e ainda ter atropelado e matado a dona de casa.
No mês passado, o jovem postou em uma rede social a seguinte frase “Vida Loka é o melhor que está tendo”.
Élisson foi autuado em diferentes crimes, inclusive, por dirigir embriagado.



Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

RECUPERAÇÃO DO GORUTUBA VAI AUMENTAR ÁREA IRRIGADA

O presidente da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba – Codevasf, Elmo Vaz, esteve visitando na última sexta-feira, 7/6,  a Exposição Agropecuária Regional de Janaúba. Na oportunidade visitou também o Centro Integrado de Recursos Pesqueiro e Aqüicultura de Nova Porteirinha, acompanhado pelo superintendente da Companhia em Minas Gerais, Aldimar Dimas Rodrigues.
Elmo Vaz, em reunião da sede da Associação dos Bananicultores do Vale do Gorutuba – Abanorte, assinou o aviso de publicação do edital nº  34/2013 que tem como objetivo a contratação integrada de empresa para execução de obras e fornecimentos visando a recuperação do canal principal e a substituição dos demais canais abertos por tubulação, a automação, incluindo elaboração de projeto executivo no Perímetro de Irrigação Gorutuba. Segundo ele, estas obras irão permitir uma completa reforma estrutural do Perímetro de Irrigação Gorutuba, com a transformação do sistema de condução de água de canais abertos para o sistema de tubulação. “Os recursos já estão garantidos pelo Programa de Aceleração do Crescimento – PAC – 2”. 


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Homem é preso por forçar trabalho escravo em fazenda em Bocaiúva

Trabalhador afirma que presta serviços na fazenda há 11 anos. (Foto: Valdivan Veloso)
Um homem foi preso na tarde desta segunda-feira (10) suspeito de forçar um trabalhador rural a prestar trabalho escravo em uma fazenda na zona rural de Bocaiuva, Norte de Minas Gerais. Segundo a Polícia Militar, Marlan Cardoso, de 41 anos, não pagava pelos serviços executados por Nicolau Rodrigues da Silva, de 68 anos.
A polícia chegou até a fazenda após uma denúncia anônima. “Segundo a vítima, ele trabalha há 11 anos e neste período recebeu apenas R$ 4 mil  de salário”, afirma  Claudionor Santos Lopes, sargento da PM.
Nicolau Rodrigues se aposentou há quase dois anos. Ele afirma que o cartão para sacar o benefício fica em posse do patrão. “O dinheiro ficava quase todo com ele. O que eu recebo é menos de meio salário”, afirma.
Segundo o aposentado, o desconto no salário era para pagar a dívida com a alimentação. “Eles é quem dão a comida para a gente. As vezes falta alguma coisa, se eu estou com dinheiro, eu compro”.
Na fazenda foram apreendidas ainda uma espingarda polveira.
A reportagem tentou falar com o advogado do acusado, mas ele não quis se pronunciar sobre o assunto. O suspeito foi preso e encaminhado à Delegacia de Polícia Federal em Montes Claros.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Servidores da Polícia Civil do Norte de MG também aderem à greve

Os servidores da Polícia Civil do Norte de Minas também aderiram à greve que começou nesta segunda-feira (10) em Minas Gerais. De acordo com Émerson Mota Rocha, diretor regional do sindicato da categoria na região, os policiais apontam a necessidade de modernização da instituição, com elaboração de plano de carreira, melhoria da estrutura de trabalho e aumento do efetivo. Segundo ele, todas essas questões foram prometidas pelo governo do estado em 2011, para que a greve que ocorria na época terminasse, mas ainda não foram cumpridas.
Em Montes Claros, maior cidade do Norte de Minas, Émerson diz há 160 policiais, quando o necessário seria 400. A menor parte deles, 30 investigadores, 15 escrivãos e 12 delegados, estão ligados diretamente às investigações.
"Com o efetivo reduzido, as investigações não ocorrem com a rapidez que deveriam. Em muitas vezes os criminosos não são punidos da maneira correta, e a impunidade e a sensação de insegurança da população aumentam."


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

segunda-feira, 10 de junho de 2013

Prefeitos querem ampliar número de municípios de Minas atingidos pela seca

(Por Luiz Ribeiro) Prefeitos do Norte de Minas e do Vale do Jequitinhonha empenharam uma nova luta com o governo federal: a ampliação de 85 para 140 os municípios mineiros incluídos na área do semiárido do país. As cidades inseridas oficialmente nesse conceito recebem tratamento diferenciado do governo federal e contam com uma série de vantagens, como a liberação de mais recursos para programas de combate à seca e facilidades para o recebimento de linhas de crédito. Assim, a mobilização é mais uma tentativa dos prefeitos de conseguir mais verbas federais a fundo perdido e a juros menores para amenizar a situação crítica das populações das cidades com alto déficit hídrico. 
Embora os oito estados nordestinos e partes de Minas Gerais e do Espírito Santo estejam no chamado polígono das secas e integrem a área da Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste (Sudene), oficialmente, apenas 1.134 dos 2.030 municípios do Nordeste (o correspondente a 45,4% da área territorial da região) fazem parte do semiárido brasileiro. 
A Bahia é o estado com o maior número de cidades incluídas (265), seguido da Paraíba (170), Ceará (150), Rio Grande do Norte (147) e Piauí (127). Minas Gerais ocupa a sexta posição com 85 municípios na área demarcada, que correspondem a metade das 165 cidades do Norte de Minas e dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri incluídas no polígono das secas. 
Para demarcar a área do semiárido, o governo federal levou em conta três critérios: média anual de chuvas de 800 milímetros (considerando o período de 1961 a 1990); índice de aridez de solo e risco de seca (percentual do número de dias com déficit hídrico igual ou superior a 60%). “Mas essa divisão é injusta. Não se pode levar em conta apenas a diferença da quantidade de chuvas. A seca igualou todos os municípios do Norte de Minas e do Vale do Jequitinhonha que estão excluídos do semiárido. Sofremos as mesmas dificuldades. Com a falta de água, há perdas na produção agrícola, o que agrava ainda mais a pobreza”, afirma o presidente da Associação dos Municípios da Área Mineira da Sudene (Amams), Carlúcio Mendes Leite (PSDB). 
Ele cita como um dos “injustiçados” o próprio município que administra: Mirabela, de 12,8 mil habitantes, no Norte do estado. “O município está fora do semiárido. Já Patis (5,4 mil habitantes), que, até 1995, era distrito de Mirabela, faz parte do semiárido e recebe todos os benefícios”, reclama Mendes Leite. 
Ele deflagrou um movimento, procurando gabinetes dos integrantes da bancada mineira na Câmara dos Deputados, para que eles encaminhem proposta ao governo para a revisão da área do semiárido. A proposta da Amams é que venham a fazer parte da região diferenciada pelo regime climático 35 cidades do Norte de Minas e 20 do Vale do Jequitinhonha. A região do semiárido foi ampliada pela última vez em 16 de março de 2005, por intermédio de portaria do Ministério da Integração Nacional, baseada em proposta de grupo de trabalho interministerial. 
O presidente da Amams salienta que a inclusão na área do semiárido permite que os municípios tenham acesso a uma série de benefícios, como a doação de máquinas e equipamentos pelo governo federal para obras contra a seca (tanques e barraginhas) e financiamentos com juros mais baratos. “A entrada no semiárido facilita muito a vida dos prefeitos. Agora mesmo, a presidente Dilma (Rousseff) está distribuindo kits de caminhão-pipa, caçamba e pá-carregadeira para as prefeituras do Nordeste enfrentarem a seca e os benefícios são somente para os municípios do semiárido”, observa Mendes Leite.

Problemas além da falta d água

O argumento dos prefeitos tem o respaldo do técnico Reinaldo Nunes de Oliveira, do escritório regional da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater-MG) em Montes Claros. Ele elaborou documento que acompanha a proposta da Amams, encaminhada aos deputados federais e ao governo federal para tentar aumentar a extensão mineira no semiárido. “Antigamente, a destinação de recursos para os municípios do polígono das secas era muito focada nas precipitações de chuvas. Atualmente, porém, percebemos que a seca provoca um desequilíbrio econômico e social em toda a região. Essa situação precisa ser considerada na definição das políticas públicas”, afirma Nunes de Oliveira.
 
Ele diz que a diferença entre quantidades de chuvas anuais registradas nos municípios norte-mineiros e nos do Jequitinhonha é pequena. “Em Montes Claros, por exemplo, chove em média 1 mil milímetros por ano e está fora do semiárido. A questão é que a cidade, por ser polo, absorve todos os problemas decorrentes da seca nas cidades da região”, avalia o técnico da Emater-MG. “Todos os municípios do Norte de Minas e do Vale do Jequitinhonha precisam de um tratamento igual”, defende. 
“Embora São Francisco não seja considerado pelo governo como parte do semiárido, praticamente todos os anos é decretada emergência no município por causa da estiagem prolongada”, comenta Luiz Rocha Neto (PMDB), prefeito da cidade de 52,9 mil habitantes, no Norte de Minas. “Nós fazemos parte da Sudene, mas não estamos no semiárido. Isso é uma incoerência”, protesta. Ele argumenta que os três critérios adotados pelo governo federal não podem ser os únicos para a inclusão de municípios no semiárido e proporcionar a eles vantagens em relação a outras cidades do polígono das secas. 
Ele ressalta que órgãos federais como a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) e o Departamento Nacional de Obras contra as Secas (Dnocs), assim como o Banco do Nordeste e outros agentes financeiros, liberam recursos e empréstimos em condições diferenciadas somente para os municípios do semiárido. “Mas as outras cidades do Nordeste, do Norte de Minas e do Vale do Jequitinhonha precisam de ajuda em iguais condições. Existe uma distorção que precisa ser corrigida”, conclui o prefeito de São Francisco.
Palavra de especialista - Marco Antonio Graça Câmara, coordenador do Dnocs em Minas

Critérios barram atendimento
“A ampliação do número de municípios mineiros na área do semiárido se torna necessário, uma vez que o Dnocs enfrenta dificuldades para o atendimento àqueles atingidos pela seca, devido aos critérios estabelecidos. Contamos com uma dotação de R$ 5,8 milhões para perfurar poços tubulares em Minas. Os recursos somente podem ser aplicados em cidades do semiárido, mas todos os municípios da região passam por necessidades devido à seca. Vamos abrir, por exemplo, quatro poços tubulares em Patis. Em Mirabela, que pertencia a Patis, existe muito mais gente precisando de água, mas não podemos atender porque o município não pertence ao semiárido. Se toda a região do polígono das secas em Minas for incluída no semiárido poderemos liberar recursos sem nenhum obstáculo.”

Homem assalta casa, agride mulher e foge levando joias e dinheiro em Jaíba

A Polícia Militar ainda procura por um suspeito de ter cometido uma assalto em Jaíba, no Norte de Minas. Segundo informações da PM, no sábado (8), por volta das 22 h, ele arrombou uma porta e invadiu a casa de uma mulher de 30 anos. A vítima foi agredida durante o assalto. O criminoso fugiu levando joias, dinheiro e um aparelho de DVD.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Morte durante fuga em Janaúba

(Por Fernanda Viegas) Depois de se envolver em uma briga durante a 32ª Exposição Agropecuária de Janaúba, no Norte de Minas, na madrugada de ontem, um homem de 26 anos acabou atropelando e matando uma mulher de 41 anos. A vítima voltava para casa, de bicicleta, quando foi atingida pelo carro do suspeito que era perseguido pela Polícia Militar (PM). O motorista apresentava sinais de embriaguez. 
De acordo com a PM, Elisson Rodrigues dos Santos se desentendeu com um rapaz na festa, por motivos desconhecidos, e o feriu com uma garrafa de cerveja. Durante a confusão, três seguranças do evento, que tentaram separar a briga, foram agredidos, e um deles acabou com um corte na testa. Os seguranças chamaram a polícia e Santos fugiu.  
De acordo com a PM, o suspeito pegou o seu Voyage, que estava no estacionamento, e saiu em alta velocidade, derrubando o portão do parque de exposição. Um militar que tentou abordá-lo quase foi atropelado.  
Durante a fuga, Santos atropelou Maria Aparecida Francisca da Silva, de 41 anos. O acidente aconteceu na avenida Gentil Dias, no bairro Rio Novo, próximo à casa da vítima que retornava da exposição na companhia de uma amiga. Maria Aparecida chegou a ser socorrida pelo Corpo de Bombeiros, mas deu entrada no hospital já sem vida.  
Mais tarde, a partir de uma denúncia, a PM localizou e prendeu Santos no município de Nova Porteirinha. O homem foi encaminhado à Delegacia Regional de Polícia Civil de Janaúba.

Coautores

A PM informou que dois homens, ambos de 23 anos, que estavam com Santos na festa e o teriam incentivado a fugir da polícia, foram detidos como coautores do crime. A Polícia Civil irá instaurar inquérito para apurar o acidente.


Bafômetro
Elisson Santos não fez o teste do bafômetro, porque a PM de Janaúba não possui o equipamento. No entanto, conforme a corporação, o motorista apresentava fala desconexa e andar cambaleante.

Acusados voltaram ao poder

(Por Guilherme Reis) Os prefeitos de Montes Claros, Bocaiúva e São Francisco, no Norte de Minas, voltaram ao poder, mas já estiveram na mira da Justiça em passado recente. Juntos, eles totalizaram 130 mil votos durante a eleição municipal de 2012. 
Em 1987, o então prefeito de Montes Claros, Ruy Muniz (PRB), arquitetou um golpe que desviou R$ 1 milhão de dólares do Banco do Brasil. De acordo com o próprio Ruy, o objetivo da manobra era garantir recursos para o processo eleitoral municipal em 1988.  
O golpe foi descoberto e Muniz foi condenado a cinco anos de prisão. O político cumpriu 14 meses de detenção. Em 2005, Muniz foi cassado, quando exercia o cargo de vereador em Montes Claros, por compra de votos. De acordo com a denúncia, Muniz oferecia bolsas de estudo em sua instituição de ensino para ganhar votos.  
Em 2008, Muniz foi investigado por sonegação de impostos no valor de R$ 100 milhões. Os inquéritos da Polícia Federal mostraram que ele, na época deputado estadual, teria usado uma entidade filantrópica para sonegar impostos, desviar recursos e fraudar licitações.  
O prefeito comentou sobre o período em que esteve preso e ainda assegurou que, depois desse fato, não se envolveu em mais nenhuma irregularidade. “Em 1988, nós achávamos que eleição se ganhava com dinheiro. Desviamos o valor por convicções políticas. Nossa intenção era devolver tudo com boas obras, bom governo, mas percebemos que aquilo não era certo. Fiquei mais de um ano preso, me arrependi e agora sei que devemos escolher outro caminho para mudar as coisas”, disse. Em 2012, Muniz foi eleito prefeito, pela primeira vez, com mais de 105 mil votos.  
Reeleito ano passado, o prefeito de São Francisco, Luiz Rocha Neto (PMDB), chegou a ser cassado pela Justiça Eleitoral depois que o Ministério Público o denunciou por abuso de poder econômico e gastos não autorizados pela Justiça Eleitoral. Na época, Neto alegou que sua campanha foi feita sem irregularidades. Ele foi reeleito com 11.600 votos.  
Em Bocaiuva, o reeleito no ano passado com 12,4 mil votos, Ricardo Veloso (PSDB), também foi alvo de denúncias. A prefeitura da cidade foi uma das citadas pela operação Máscara da Sanidade. Veloso foi acusado de tentar subornar um vereador do município para aprovar um empréstimo de recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) no valor de R$ 3,6 milhões.
O prefeito também alegou, quando aconteceram as acusações, que não havia cometido irregularidade.


Opinião
Difícil. O jornalista Benedito Said explicou que é muito difícil os jornais locais denunciarem a corrupção no Norte de Minas. “Os jornais são sustentados pelas prefeituras, e os jornalistas recebem de políticos. É um mutismo”.



Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Corrupção toma conta das prefeituras do Norte de Minas

O promotor Franklin Pereira diz que a corrupção está incrustada
(Por Guilherme Reis) Em dois anos, a Polícia Federal e o Ministério Público Estadual realizaram cerca de dez operações de combate à corrupção no Norte de Minas. A sangria nos cofres públicos das cidades da região pode chegar a R$ 160 milhões. Os promotores que participaram de algumas das operações acreditam que os convênios firmados com os governos federal e estadual, a cultura da região e a pobreza contribuem para o alto índice de irregularidades. 
As investigações demonstram que a corrupção na região é generalizada. A operação Máscara da Sanidade, por exemplo, conseguiu desarticular uma quadrilha que fraudava licitações em mais de 50 municípios do Norte do Estado, o que resultou em desvios de R$ 100 milhões.  
A operação Sertão Veredas, deflagrada no mês passado, apontou desvios de R$ 5 milhões das prefeituras de Itacarambi e Januária. A quadrilha envolvida também fraudava os certames de contratação. Januária sofre, de forma crônica, com gestores desonestos. A cidade teve oito prefeitos em nove anos. Sete deles foram afastados por improbidade administrativa.  
Em Montes Claros, a gestão do ex-prefeito Luiz Tadeu Leite (PMDB), de 2009 a 2012, foi marcada por escândalos. A prefeitura da cidade foi acusada, pela operação Laranja com Pequi, de participar de um esquema que superfaturava a merenda escolar. Os desvios, segundo as investigações, chegaram a R$ 19 milhões. Ainda no fim do ano passado, uma auditoria realizada pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE) apurou que R$ 360 milhões foram desviados de obras e reformas de escolas municipais na cidade entre 2009 e 2012. Essa cifra não está inclusa nos números da PF.  
O promotor de Justiça de Defesa do Patrimônio Público de Montes Claros, Paulo Vinícius de Magalhães, acredita que, por ser uma região pobre, o Norte de Minas recebe muitos recursos de convênios com os governos federal e estadual. “Os convênios motivam a corrupção. O dinheiro chega, e o gestor o desvia. A fiscalização também é frágil.”  
O promotor de Defesa do Patrimônio Público de Januária, Franklin Pereira, afirma que a pobreza facilita a compra de votos. “Favores simples compram os votos de pessoas pobres. Por isso, há essa equivalência entre a corrupção e a pobreza. É uma relação histórica na região. O clientelismo é cultural”.  
O promotor explica como os empresários e políticos atuam. “Os empresários conseguem colocar na administração pessoas em cargos estratégicos ou cooptar aqueles que já estão nesses cargos. Isso facilita a operacionalização das fraudes. A corrupção está incrustada na administração pública. ”

Crime
Popular. A Lei 9.840 de 1999 foi a primeira proposta de iniciativa popular aprovada no Brasil e tornou crime a corrupção eleitoral. Foi votada e sancionada após coleta de mais de um milhão de assinaturas. A lei dá nome ao comitê.



Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

domingo, 9 de junho de 2013

Convertida em preventiva a prisão temporária de seis presos na “Operação Sertão-Veredas”

(Por Fábio Oliva) Foi convertida em preventiva a prisão temporária de seis dos 14 presos durante a "Operação Sertão-Veredas", realizada em conjunto pela Polícia Federal e Ministério Público de Minas. Com a mudança do status da prisão, João Alves Teles, David Gonçalves Taboadas, Nestor Fernandes de Moura Neto, Fabiano Ferreira Durães e Rudimar Barbosa, ex-prefeito de Itacarambi, passaram a ocupar celas comuns no pavilhão H do Presidio Regional de Montes Claros.
Antes eles estavam numa cela dedicada à visita íntima anteriormente desativada.
Apenas Marcus Vinícius Crispim, o Corby, por razões médicas, continua na ocupando a cela dedicada à visita íntima desativada, juntamente com outros presos. Asmático e hipertenso, ele foi deixado nesta cela porque ela fica próxima enfermaria.
O advogado Vandeth Mendes Júnior, ex-procurador jurídico da Prefeitura de Januária, foi solto por decisão do juiz Francisco Lacerda de Figueiredo.
O Presídio Regional de Montes Claros foi construído em 2008. Tem capacidade para 590 presos, mas atualmente sua lotação é de aproximadamente um mil presos.

DIFERENÇAS ENTRE PREVENTIVA E TEMPORÁRIA
A prisão pode ser pena ou processual. A prisão penal decorre de sentença penal condenatória transitada em julgado (sem possibilidade de recurso). A prisão processual, provisória ou cautelar é a prisão decretada durante o andamento do processo.
Tanto a prisão preventiva quanto a prisão temporária são espécies de prisão processual.
A prisão temporária, como o próprio nome indica, tem prazo determinado. Em regra, o prazo é de 5 dias, prorrogáveis por mais 5. Nos crimes hediondos e assemelhados o prazo é de 30 dias, prorrogáveis.
A prisão preventiva pode ser decretada desde a fase do inquérito policial até antes do trânsito em julgado da sentença penal condenatória. 

Prefeito de Coração de Jesus demite 25% dos servidores após aprovação de reajuste

MG – Prefeito de Coração de Jesus demite 25% dos servidores após aprovação de reajuste
Com o reajuste aprovado pela Câmara Municipal, o valor da folha de pagamentos passaria dos atuais R$ 1,1 milhão para R$ 1,3 milhão. E, segundo o prefeito, as 200 demissões vão possibilitar à prefeitura a economia mensal de R$ 200 mil. A cidade fica a 75 km de Montes Claros e recebe repasse mensal do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) de R$ 1,1 milhão, mas até R$ 300 mil vêm sendo bloqueados pela Receita Federal.
Magalhães disse que a Câmara Municipal apresentou e aprovou a Lei 916/2013, que estabelece reajuste de vencimentos dos servidores públicos ativos, inativos e pensionistas. O índice varia de 12% para servidores de nível superior; 30% para servidores com nível superior pedagógico e técnico educacional, e 60% para agentes de Saúde, professores e auxiliares de secretaria. Houve aumento de 60% para operador de máquinas pesadas e máquinas leves, tratorista e motoristas B e E.
Publicado
O prefeito vetou o reajuste por achá-lo abusivo, mas a decisão foi derrubada pelos parlamentares e o aumento publicado.“Não sou contra o aumento. Reconheço o direito do aumento para os servidores, o que não acontece há anos, e pretendemos encaminhar ao Legislativo projeto de lei com aumentos dentro da nossa realidade. Vamos recontratar aos poucos, dentro das demandas que se fizeram necessárias”, disse.
Neste momento, segundo ele, a prefeitura não tem como arcar com o aumento salarial de até 60%. “Vai impactar na folha depagamento e a cidade que já vem sendo penalizada pelo bloqueio de recursos do FPM pela Receita Federal, justamente por erros na declaração do Guia de Recolhimento do FGTS, na administração passada. Por isso, entrei com uma ação no Tribunal de Justiça de Minas Gerais para derrubar esse reajuste”, explica o prefeito.
Outro lado
Em defesa do Legislativo, o presidente da Câmara, Geraldo Evangelista Cesário Costa (PRB), diz que o projeto estava na Casa há seis meses, mas não foi votado em 2012 por causa do período eleitoral. Segundo ele, o projeto tramitou por um mês e em momento algum o Executivo pediu vistas.
“O projeto é válido, já que há 10 anos não acontece reajuste. Vamos aguardar a decisão do TJMG e se sair uma liminar, iremos nos posicionar”, informou.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Trio assalta residência em Monte Azul e leva cerca de R$ 128 mil de casal

A Polícia Militar (PM) procura por três homens que roubaram cerca de R$ 128 mil reais de um casal, depois de abordar os donos da casa na garagem. O assalto aconteceu na madrugada deste sábado (8), na cidade de Monte Azul, na região Norte do Estado.
As vítimas contaram à PM que ao chegarem em casa, guardaram o carro na garagem e quando desembarcaram foram surpreendidos por três homens armados. O trio exigia dinheiro, pedia R$ 100 mil. Eles alegaram que tinham informações de que o casal possuía a quantia em casa. Durante o roubo, os homens confessaram que já estavam monitorando a casa há mais ou menos uma semana.
Os donos da casa ficaram amarrados enquanto o trio fazia o roubo.
De acordo com o casal, os ladrões levaram joias avaliadas em aproximadamente R$ 100 mil, R$ 28 mil em dinheiro, uma jaqueta de couro, cinco óculos da marca Ry-Ban, cinco pares de tênis e dois aparelhos celulares.
A PM continua realizando buscas pela região.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Em Janaúba homem é preso depois de fugir da PM, atropelar e matar mulher de 41 anos

(O Tempo) Uma mulher de 41 anos morreu, depois que foi atropelada por um homem embriagado que fugia da polícia, após se envolver em uma briga na madrugada deste domingo (9), durante a 32ª Exposição Agropecuária de Janaúba.
De acordo com a Polícia Militar (PM), Elisson Rodrigues dos Santos, 26, brigou com um rapaz e o feriu com uma garrafada durante o evento. Três seguranças da festa que tentaram separar a briga foram agredidos, um deles acabou com um corte na testa. Os seguranças chamaram a polícia e Santos fugiu do local.
Ele pegou o seu Voyage verde que estava no estacionamento do evento e saiu em alta velocidade, derrubando o portão. Um militar que tentou abordá-lo quase foi atropelado.
Na avenida Gentil Dias, no bairro Rio Novo, Santos atropelou Maria Aparecida Francisca da Silva, 41. Ela chegou a ser socorrida pelo Corpo de Bombeiros, mas chegou ao hospital já sem vida. Segundo a PM, a vítima voltava para casa quando foi atingida.
Durante o rastreamento, a PM o localizou e o prendeu. Santos foi encaminhado para a Delegacia Regional de Polícia Civil de Janaúba.
Santos não passou pelo teste do bafômetro, porque a PM da cidade não possui o equipamento. Mas a ingestão de bebida alcoólica estava perceptível já que o homem estava com a fala desconexa e andar cambaleante, segundo os policiais.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com