Blog com notícias de Janaúba e região!

sábado, 28 de novembro de 2015

Governador nomeia novo Conselho Superior da Polícia Civil

Lista com novos integrantes foi publicada na edição de hoje (28/11) do Diário Oficial
O governador Fernando Pimentel, por meio de ato publicado neste sábado (28/11) no Órgão Oficial do Estado (Minas Gerais) nomeou os novos nomes do Conselho Superior da Polícia Civil, que formam a equipe da nova chefe da instituição, delegada Andrea Vacchiano. Do antigo Conselho permanecem nos mesmos postos apenas três: o delegado Renato de Araújo Cardoso na Superintendência e Informações e Inteligência Policial (SIIP); o médico-legista André Roquette na Superintendência de Polícia Técnico Científica (SPTC); e o escrivão Adailson Gilberto de Oliveira como Inspetor Geral dos Escrivães de Polícia.
O Chefe Adjunto da Polícia Civil, João Octacílio Silva Neto foi nomeado no início do mês. Já o delegado Wagner Pinto de Souza, que até ontem era o Delegado Assistente da Chefia, assume a Superintendência de Investigação e Polícia Judiciária (SIPJ), responsável pelo trabalho operacional na instituição. No lugar de Souza, assume o delegado Antônio Carlos de Alvarenga Freitas, que até então era o chefe de gabinete da Polícia Civil. Na Superintendência de Planejamento, Gestão e Finanças assume a delegada Irene Angélica Franco e Silva. O novo Corregedor-Geral de Polícia é o delegado Helbert Alexandre do Carmo. Na Academia de Polícia Civil (Acadepol) o novo diretor é Anderson Alcantara Silva Melo. E na Inspetoria Geral dos Investigadores quem assume é o inspetor Denilson Brum Monteiro de Castro.
O delegado Bruno Tasca Cabral foi designado para responder pela Chefia de Gabinete e a delegada Rafaela Gigliotti Brandi passa a responder pela direção do Departamento de Trânsito de Minas Gerais (Detran).


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Fonte: ASCOM Governo de Minas Gerais

Janaúba e o mel de melato: a descoberta de uma tradição

(Hoje em Dia) Ele é mais escuro, um pouco menos doce e bem mais saudável. Apesar de tradicional, o mel de melato foi descoberto há apenas seis anos pelos pesquisadores da Fundação Ezequiel Dias, a Funed.
“Um amigo trouxe para mim de Janaúba e disse que era um mel diferente. Percebi que ele não cristalizava no tempo frio e fui pesquisar”, lembra Esther Bastos, diretora de Pesquisa e Desenvolvimento da Funed.
Nas regiões do Jequitinhonha, São Francisco, Sertão Veredas, partes dos territórios do Espinhaço e do Cerrado, não há chuvas de maio a dezembro e o período de floração das árvores é muito curto. Sem as flores, a natureza encarregou-se de suprir o trabalho das abelhas e providenciou outro tipo de néctar.
Um pulgão que vive na Mata Seca - uma área de transição entre o cerrado, a caatinga e a Mata Atlântica - é o fator surpresa dessa história que pode melhorar a vida de centenas de pessoas nas áreas mais pobres do estado.
“O pulgão come a casca das aroeiras. No processo de digestão, ele produz dois tipos de açúcar diferentes, a melezitose e a erlose. A substância doce que o pulgão elimina é o melato e a abelha recolhe esse líquido e faz o mel”, explica a pesquisadora que hoje trabalha para conseguir a Denominação de Origem do mel de melato junto ao Instituto Nacional da Propriedade Industrial, o INPI.
Em parceria com a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) e financiado pelo Banco do Nordeste, o projeto da Funed está mapeando toda a cadeia produtiva do mel de melato. Já são 57 municípios e mais de 300 produtores identificados. Com a certificação, o produto passaria a ter uma chancela similar a dos vinhos espumantes da região de Champagne, na França.
“É uma possibilidade a mais de renda para famílias em situação de risco. Na Europa, por exemplo, o mel de melato feito na Floresta Negra, na Alemanha, é muito mais caro e valorizado que o mel de florada”, afirma Esther.
O amigo que deu o pote de mel de presente para a pesquisadora é José Calazans, hoje presidente da Federação Mineira de Apicultura. Ele vive em Janaúba há 35 anos e espera ansioso pelo selo do INPI. “Estamos vivendo uma seca histórica, sem precedentes, e o mel de melato é uma fonte de renda que independe da chuva. Quando o mel estiver mais valorizado, poderemos resolver o problema de muitas famílias”, avalia Calazans.
O mel de melato, por ser mais escuro, nunca teve valor comercial. O apicultor conta que “as pessoas olham para o mel de melato e acham que ele é misturado ou feito com rapadura. Isso é um equívoco”.
O mel de melato pode tornar-se ainda mais valorizado. Os pesquisadores da Funed descobriram propriedades medicinais na substância. Ela tem ação antimicrobiana e combate a bactéria H. Pylori, causadora de gastrite, úlcera e até câncer de estômago. “Já ouvimos relatos de pessoas com gastrite que tomaram o mel de melato e pararam de ter refluxo, por exemplo. O efeito é rápido e parece ser muito benéfico”, conclui Esther.
O trabalho com o mel de melato já começa a dar frutos para quem mais precisa, afirma José Calazans:
“Neste ano, toda a produção foi vendida, coisa que nunca acontecia. Agora, temos que organizar os produtores para que os lucros da produção do mel fiquem na região”.

Foragido da Justiça por homicídio é preso pela PC em Montes Claros

(G1) A Polícia Civil de Montes Claros prendeu na madrugada deste sábado (28) um homem, de 26 anos, foragido da Justiça desde 2014. Segundo o delegado Bruno Rezende, que responde pelas Delegacias de Homicídios, Antidrogas e de Inteligência, Valdemir Rosa de Souza é suspeito de participar de um homicídio no Bairro Cidade Cristo Rei, em 2013. O crime teria sido motivado por tráfico de drogas. Um comparsa que participou do assassinato também está preso.
Valdemir foi detido durante uma operação na zona rural da cidade. A Polícia Civil tentou prendê-lo em uma casa no Bairro Recanto das Águas, no último dia 22 de outubro. Ao ser abordado, ele entrou em luta corporal com os policiais e conseguiu fugir por um matagal. Na época, a esposa dele que estava no local foi presa por tráfico de drogas.
Ele foi encaminhado à delegacia de Polícia Civil.

Norte de Minas discute roteiro da carne de sol

A criação do “Roteiro Turístico da Carne do Sol no Norte de Minas”, como forma de incremento da economia regional foi um dos temas do II Forum de Turismo do Norte de Minas e Encontro de Hotelaria e Gastronomia Mineira, encerrado, ontem, em Montes Claros. O consultor, Alexandre Zubaran, de São Paulo é especializado em criação de roteiros turísticos, veio analisar como implantar esse em Montes Claros e depois na região. Ele conheceu a carne de sol regional somente, ontem, no almoço, pois na noite de quinta-feira, ao chegar de avião, não encontrou nenhum restaurante aberto e que ofertasse o produto.
Zubaran foi estimulado pela gastrônoma, Bernardete Guimarães, que considera a carne de sol regional como a melhor do mundo, por causa, do modelo de criação e alimentação dos bovinos. O paulista Alexandre Zubaran entende ser possível criar os roteiros turísticos a partir da gastronomia do Norte de Minas, que a princípio parece rica. Ele afirma que o turismo além do conteúdo, ainda se apropria da geografia, história e gastronomia, quando pretende se desenvolver. Cita que criou o roteiro de cerveja na região serrana do Rio de Janeiro, que é sucesso. No caso da carne de sol, lembra que ela é bastante conhecida no sertão da Bahia e Pernambuco e agora quer conhecer suas potencialidades no Norte de Minas.
A gastrônoma, Bernardete Guimarães, salienta que em fevereiro realizou a Expedição de Gastronomia e Culinária do Norte de Minas quando reuniu italianos, escocês e dinamarqueses, todos eles capacitados pela única e primeira Faculdade de Gastronomia do mundo, localizada na Itália. Ela fotografou e identificou as potencialidades da culinária da região, depois de percorrer várias rotas. Ela, também, criou a rota do frango, ligando Montes Claros, Juramento, Glaucilândia e Itacambira, mas o projeto não saiu do papel por desinteresse do poder público, que teria de viabilizar a sinalização, capacitação das pessoas envolvidas, além da comunicação, com a criação do site e marketing.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Fonte: Gazeta Norte Mineira

“Vice-prefeito de Januária não faz nada”, diz Hamilton Viana

(Por Luís Cláudio Guedes) O vice-prefeito de Januária, Hamilton Viana (PT) é dado a tiradas de sinceridade. Em bate-papo informal, na semana passada, com o chargista Carlos Moreno e o colunista Donald Diamantino, lá pelas tantas ele foi questionado, meio por provocação, porque anda afastado das decisões do dia a dia da administração do prefeito Manoel Jorge (PT). Viana não deixou por menos. Em tom de chiste, ele disse que o vice faz exatamente o que o peixe faz: “Ou seja, nada”, disse o bem-humorado Hamilton.
A conversa rendeu a charge ao lado, mais uma brotada dos impiedosos pincéis do artista Moreno. Apesar de admitir que não faz nada, o vice não abre mão de receber a remuneração mensal de R$ 8,5 mil - valor correspondente à metade daquele que é pago ao titular do cargo.
Hamilton Viana, contudo, parece não andar totalmente por fora do que acontece na administração. Ele disse aos interlocutores que o projeto do prefeito Manoel Jorge para cobrir com uma manta asfáltica algumas ruas do centro antigo da cidade, já pavimentadas com paralelepípedos, é um movimento para evitar que os adversários usem o mote de que a atual administração entra no último ano do mandato sem nenhuma obra para chamar de sua.
A ideia de economizar os já anunciados R$ 400 mil para bancar a empreitada teria partido o ex-vereador, ex-secretário dos Transportes e agora ex-chefe do gabinete do prefeito Ilson Almeida Oliveira, o Ilsão do Pará (PT), que teria sido afastado do último cargo por pressão da bancada aliada do prefeito na Câmara de Vereadores. Certamente não pelas boas ideias que sugeriu ao prefeito. Os recursos foram acumulados aos poucos e agora serão usados em uma obra de baixo custo, mas de alta visibilidade (porque beneficia uma região da cidade com alta rotatividade dos januarenses).

Polícia relaciona executivo da Copasa a fraude em eleição

BENÉ – Empresário foi detido em 7 de outubro de 2014,
em Brasília, com dinheiro suspeito
(Hoje em dia) O atual vice-presidente da Copasa, Antônio César Pires de Miranda, conhecido como Juninho da Geloso, está envolvido no suposto esquema para favorecer o então candidato a governador de Minas, Fernando Pimentel (PT), nas eleições de 2014. O diretor da companhia responsável pelo tratamento e pela distribuição de água é citado em inquérito da operação Acrônimo, da Polícia Federal, cujo foco é justamente investigar hipotéticas fraudes na campanha petista. O trecho do documento ao qual o Hoje em Dia teve acesso revela que Juninho da Geloso, ex-prefeito de Rio Acima pelo PR, foi o responsável por receber as remessas de material gráfico irregular de Pimentel. A conclusão só foi possível pelo pontapé inicial da Acrônimo, em outubro de 2014, quando o empresário Benedito de Oliveira Neto, o Bené, foi detido em uma aeronave particular no aeroporto de Brasília, com R$ 116 mil em espécie.
Naquela ocasião, além do dinheiro vivo, foram apreendidas planilhas de ordens de serviço e notas fiscais relacionadas à produção do material gráfico do petista. Nos documentos, estava também a orientação para que o material fosse entregue ao atual vice-presidente da Copasa.
“No campo dados adicionais da Nota Fiscal número 10413 tem-se a assertiva ‘Contato: Antônio César Pires de Miranda’”, diz trecho inquérito da operação da PF. O endereço indicado era sempre o mesmo, na avenida Cristiano Machado, 9.382, região Norte de Belo Horizonte.
Os investigadores apontaram que no local existia a empresa Minusa Tratorpeças. De fato, o estabelecimento ainda é sediado no endereço, mas o destino final da mercadoria era, na verdade, o vizinho. “Funcionamos aqui há anos, sem interrupção. Aqui ao lado é que funcionou um comitê do PT nas eleições de 2014”, afirmou à reportagem o gerente da Minusa, Marcos Machado.
No local indicado pelo funcionário existe hoje uma igreja, o Santuário de Filadélfia. A advogada da instituição, que pediu para ter seu nome preservado, esclareceu que o espaço foi alugado em março deste ano. Abordado pela reportagem, o dono do galpão confirmou ter alugado a estrutura para o PT.


Crime Eleitoral
Conforme já publicado pelo Hoje em Dia, a Polícia Federal investiga supostos desvios para abastecer a campanha petista, em Minas, no ano passado. “Fernando Pimentel forneceu dados inverídicos na prestação de contas das eleições em 2014”, afirma inquérito (leia mais ao lado).
O Ministério Público Eleitoral também investiga os hipotéticos abusos. Nessa quinta (26), começou a perícia técnica das contas de Pimentel, já reprovadas pelo Tribunal Regional Eleitoral e hoje aguardando julgamento de recurso no TSE.
Questionado, o advogado de Bené não respondeu até o fechamento desta edição. Já o de Pimentel, Pierpaolo Bottini, disse que preferia não se manifestar. Juninho da Geloso também foi procurado na Copasa e na empresa da qual é proprietário, mas não retornou as chamadas.

Além da Gráfica Brasil, outra editora da família de Bené foi usada em esquema, revela a PF
A Gráfica Brasil, empresa que já foi de Bené e hoje da família do empresário, não atuou sozinha no suposto esquema envolvendo o material gráfico de campanha do atual governador Fernando Pimentel. Segundo relatório da Polícia Federal, a Editora Colorprint, também sediada em Brasília, fez parte das fraudes.
Investigações da operação Acrônimo revelam “dois métodos empregados nessa dissimulação” do material gráfico (veja infográfico). Um deles consistia na emissão de ordens de serviço pela Gráfica Brasil a partir das quais era produzido “um expressivo montante”.
“Porém, a nota fiscal correlata a tal ordem de serviço discrimina apenas parte do que foi de fato produzido”, diz documento da PF.
A outra forma era por meio da Colorprint. A empresa, que já teve no quadro societário parentes de Bené, recebeu oficialmente dinheiro do PT mineiro. No entanto, a editora subcontratou a Gráfica Brasil para produzir o material. A PF estima que foram assim produzidas mais de 85 milhões de unidades.A nota fiscal correspondente à ordem de serviço, a exemplo do outro método, trazia quantidade de material (santinhos, santões e cartazes) e valores abaixo do que havia, de fato, sido produzido e pago pelo PT de Minas.

Gasto real da campanha de Pimentel com impressão de material teria sido de R$ 6 mi
Relatório da operação Acrônimo aponta que o gasto real da campanha de Fernando Pimentel ao governo de Minas, em 2014, teria sido de R$ 6,2 milhões. Ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o PT de Minas informou que gastou R$ 4,7 milhões em produção de materiais gráficos diversos para o principal candidato do Estado.
“Um método ilícito de realização de despesas – qualificado inclusive como crime eleitoral – engendrado para ocultar ilegalidades, notadamente a extrapolação ainda maior do limite de gastos e a existência de recursos cuja origem se desconhece”, classifica o procurador regional eleitoral, Patrick Salgado.

Suspeitas
Na sede da Colorprint, a Polícia Federal apreendeu sete notas fiscais cujo tomador de serviço foi o PT de Minas. Duas delas seriam de remessa, apenas para acompanhar a mercadoria durante a sua entrega.
Outras duas notas seriam referentes a serviços realizados, na verdade, pela Gráfica Brasil. Com a apreensão de planilhas no jatinho, em 2014, a PF fez o cruzamento de dados e concluiu que foram produzidos 85 milhões de unidades ao preço de R$ 781 mil.
No entanto, as notas declaradas ao TSE mostram um total de 32 milhões de unidades, que teriam custado ao PT R$ 177 mil.
Quanto às notas fiscais da Gráfica Brasil, a PF também aponta discrepância entre a quantidade produzida e declarada (veja infográfico). Até mesmo as notas de remessa estavam em discordância com as respectivas notas faturadas: 820 unidades a menos.

Barragem Bico da Pedra recupera 30 centímetros do nível de água, mas situação continua crítica

(Por Ivo Júnior) As chuvas que caíram em Janaúba no último final de semana reacenderam a esperança dos gorutubanos em ver novamente a barragem do Bico da Pedra com muita água.
A precipitação de 148 milímetros da última sexta feira, que assustou e ao mesmo tempo alegrou a população de Janaúba e Nova Porteirinha não teve a mesma intensidade no lago e no entorno da barragem Bico da Pedra, porém foi suficiente para conter diminuição do nível e ainda recuperar 30 centímetros de lâmina d’água.
No sábado, dia 21 de Novembro, um dia depois da chuva, o nível estava marcando 537,40 (metros cúbicos), quase dois metros abaixo do nível onde se inicia o “Volume Morto” para a irrigação e 5,40 metros cúbicos abaixo do nível que se encontrava na mesma data, em 2014.
Nesta quarta feira, 25 de Novembro, de acordo com dados do Distrito de Irrigação do Perímetro Irrigado do Gorutuba o nível está a 537,70 metros, portanto 30 centímetros acima do nível que se encontrava no sábado.

Em 25 de novembro de 2014, um ano atrás a barragem estava 5,05 metros acima do volume que se encontra hoje. Para os moradores de Janaúba ver novamente a água descendo pelo vertedouro, também conhecido popularmente como sangradouro é preciso que o lago recupere 15 metros e 30 centímetros cúbicos de água.
Essa é a pior seca que a barragem do Bico da Pedra enfrenta desde a sua construção realizada em 1978 e inaugurada em 1979.

Concurso para mais 31 prefeituras do N. de Minas, com 3.200 vagas; inscrição em janeiro, provas em março

Serão abertas dia 4 de janeiro as inscrições para mais uma etapa do Concurso Público Unificado das prefeituras do Norte de Minas. A inscrição deve ser feita pelo site cotec.unimontes.br. O concurso abrange o Polo 3, com 31 municípios. São 3.200 vagas nos níveis fundamental, médio/técnico e superior. As provas estão marcadas para 6 de março.

MUNICÍPIOS
Os municípios são: Augusto de Lima, Bocaiuva, Buenópolis, Claro dos Poções, Engenheiro Navarro, Francisco Dumont, Fruta de Leite, Guaraciama, Itacambira, Mamonas, Nova Porteirinha, Novorizonte, Olhos D’Água, Porteirinha, Santa Cruz de Salinas, São João da Lagoa, Bonito de Minas, Cônego Marinho, Indaiabira, Januária, Juvenília, Manga, Matias Cardoso, Miravânia, Montalvânia, Pedras de Maria da Cruz, Rio Pardo de Minas, Santa Fé de Minas, São Romão, Ubaí e Verdelândia.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

sexta-feira, 27 de novembro de 2015

NEY BABORSA RETORNA AO DEPARTAMENTO DE CULTURA DE JANAÚBA

Ney Barbosa
Com o objetivo de dar continuidade às ações promovidas pelo Departamento de Cultura em Janaúba, Ney Barbosa assumiu na ultima segunda, 23 de novembro, a coordenação do referido departamento na cidade. Essa é a segunda vez que Ney Barbosa assume a cultura do município. Entre as ações que devem ser executadas por ele nos próximos dias, esta a decoração natalina e o São João Gorutubano, considerada a maior festa junina do Norte de Minas.
Ao retornar a função de Diretor de Cultura, Ney Barbosa explica que o objetivo é prosseguir com o trabalho feito pelo Espaço Cultural Central do Brasil nesses três anos de administração do prefeito Yuji Yamada. “Estive a frente da cultura no início do mandato e agora volto para realizar mais ações que promovam o crescimento cultural de nossa cidade.” A primeira ação promovida é decoração da cidade para o Natal, que esse ano, é realizada em parceria com os empresários janaubenses. “Ao contrário dos outros anos, vamos priorizar algumas praças dando destaque a Praça do Cristo e a Praça do Centro Viva Vida. Estamos em um momento financeiro delicado em todo o país por isso, unimos esforços para não deixar de decorar a cidade no Natal sem comprometer a economia do município.”
Além da decoração ações em parceria com a Acijan devem ser promovidas a fim de atrair os janaubenses e visitantes a aproveitar o Natal em Janaúba. “Ao realizar a decoração do Natal nosso intuito é deixar a cidade atraente para os moradores e visitantes nessa época do ano. Além disso, queremos atrair os consumidores ao comércio local, uma vez que assim fortalecemos a economia do nosso município,” lembrou Ney. Ainda segundo o Diretor, atividades voltadas para o lazer e entretenimento devem ser promovidas na Praça do Centro Viva Vida a fim de criar momentos oportunos para a confraternização entre as famílias janaubenses.
Já sobre as demais atividades, Ney Barbosa informou que as oficinas promovidas pelo Espaço Cultural, cujas inscrições seguem abertas até 21 de Janeiro, continuam a ser realizadas. Em três anos, mais de 1700 alunos tiveram a oportunidade de aprender um trabalho artesanal que, em muitas das vezes, também serve como fonte de renda. Já o São João Gorutubano, considerada a maior festa junina do Norte de Minas, e que já ganhou espaço no calendário da cidade, será realizado com muita dedicação e empenho. “Para o próximo ano muitos projetos serão executados pelo Departamento de Cultura e o São João Gorutubano é um deles. Essa festa já se tornou tradição em nosso município e nesse sentido, os moradores de Janaúba e cidades vizinhas, podem esperar por uma festa ainda melhor do que as realizadas nos anos anteriores.”


ASCOM Prefeitura de Janaúba

Nova etapa do concurso unificado será realizada no Norte de Minas

(G1) A partir do dia 4 de janeiro, a Comissão Técnica de Concursos (Cotec) da Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes) abre inscrições para o Concurso Público Unificado referente ao “Polo 3” de 31 municípios do Norte de Minas. São 3.200 vagas.
As provas de múltipla escolha estão previstas para o dia 6 de março de 2016 e serão aplicadas nos respectivos municípios onde que os candidatos se inscreverem. As inscrições serão recebidas somente pela internet através do site da Cotec.
Em agosto e outubro, 68 mil candidatos, realizaram as provas relativas aos polos 1 e 2 do concurso unificado. São 71 municípios do Norte de Minas.


Confira a Lista dos municípios inseridos no Polo 3
Augusto de Lima, Bocaiuva, Buenópolis, Claro dos Poções, Engenheiro Navarro, Francisco Dumont, Fruta de Leite, Guaraciama, Itacambira, Mamonas, Nova Porteirinha, Novorizonte, Olhos D’Água, Porteirinha, Santa Cruz de Salinas, São João da Lagoa, Bonito de Minas, Cônego Marinho, Indaiabira, Januária, Juvenília, Manga, Matias Cardoso, Miravânia, Montalvânia, Pedras de Maria da Cruz, Rio Pardo de Minas, Santa Fé de Minas, São Romão , Ubaí e Verdelândia.

Em Janaúba ao ser abordado por PM, foragido da Justiça mente o nome

(G1) Um homem, de 36 anos, foragido da Justiça, foi preso nesta quinta-feira (26), no Bairro Gameleira, em Janaúba (MG). Ao ser abordado pela Polícia Militar, ele apresentou um nome falso e tentou fugir. Ele é acusado de cometer crimes contra o patrimônio e contra a pessoa.
Um rapaz, de 22 anos, que estava com ele, saiu correndo ao perceber que iria ser abordado. Uma mulher, de 36, também foi presa depois de tentar impedir que os policiais prendessem o foragido e abordassem o jovem. Além disso, de acordo com a PM, ela também desacatou os militares. Antes de ser detida, ela fugiu e se escondeu em uma casa.
Os três envolvidos foram presos e levados para a delegacia da cidade.

quinta-feira, 26 de novembro de 2015

Após assalto a lotérica, dupla é perseguida e presa em Montes Claros

Material roubado foi apreendido e entregue a polícia
(G1) Um rapaz de 20 anos e uma mulher de 24 anos foram presos em flagrante na tarde desta quinta-feira (26), após assaltarem uma casa lotérica na Rua Bocaiuva, no Centro de Montes Claros, no Norte de Minas Gerais.
De acordo com uma funcionária da casa lotérica, que não quiser ser identificada, o rapaz invadiu o local, escalou uma parede interna, passou por uma pequena abertura entre o teto e a parede, e chegou ao local onde ficam os caixas. Armado, ele recolheu R$ 29 mil, colocou dentro de uma caixa de papelão, e fugiu em seguida.
“É a terceira vez que somos assaltados. Tinha uma mulher esperando ele, armada, fora da lotérica. Foi muito rápido, ele entrou e começou a recolher o dinheiro dos caixas. Nós ficamos apreensivos, mas graças a Deus nada de ruim aconteceu”, disse a funcionária.
De acordo com a Polícia Militar, uma viatura passava pelo local no momento do crime e notou a movimentação estranha. Eles acionaram reforço e saíram em perseguição aos suspeitos que foram presos próximo ao viaduto Manuel Emiliano. Todo o dinheiro do assalto foi recuperado.
A polícia informou que os suspeitos tentaram atirar contra as vítimas, mas o tiro saiu picotado (por motivos desconhecidos falhou). Além do dinheiro, com os dois suspeitos a PM prendeu uma moto que havia sido furtada dia 18 deste mês.
Os suspeitos foram presos e ficarão a disposição da justiça.

Dois homens são detidos por matar outro no Centro de Salinas

(G1) Um homem foi assassinado a tiros na tarde desta quarta-feira (25) em Salinas, Norte de Minas. Segundo a Polícia Militar, dois homens foram detidos suspeitos de cometerem o crime. Eles seguiam em um carro por uma estrada que dá acesso à cidade de Rubelita.
Ainda de acordo com a PM, testemunhas relataram que a vítima conversava com os suspeitos no Centro da cidade. Próximo ao corpo da vítima foi encontrado um revólver. Uma arma longa também foi encontrada dentro do carro do homem assassinado.
Durante rastreamento, os dois suspeitos foram localizados próximo à comunidade de Capivara. Ao avistarem os militares, os suspeitos tentaram fugir e chegaram a bater com o carro na viatura da PM, mas foram detidos. Com eles foram apreendidos dois revólveres calibre .38.
O motivo do crime ainda será investigado.

PC abre inquérito para investigar estupros em Guaraciama

(G1) A Polícia Civil abriu um inquérito para investigar denúncia de dois estupros de vulnerável em Guaraciama, Norte de Minas. O delegado Leonardo Diniz ouviu nesta quarta-feira (25), na delegacia de Bocaiuva, um homem de 29 anos, suspeitos de cometer os crimes.
Durante o depoimento, segundo o delegado, o homem confessou ter abusado de uma vizinha de 10 anos, há cerca de 10 dias. “Ele confessou ainda ter abusado de uma enteada, de seis anos. Acreditamos que, neste caso, os abusos aconteciam há pelo menos três meses”.
Os crimes, segundo a PC, aconteceram na comunidade rural da cidade. A PC chegou até o suspeito após a mãe da menina de 10 anos denunciar o caso. “Ele se mostrou muito nervoso, não esperava que iríamos ficar sabendo dos abusos. Inclusive, investigamos e descobrimos que ele tem o perfil de pedófilo”, afirma o delegado.
Apesar da confissão, o homem foi liberado porque já havia expirado o prazo de flagrante. Segundo a polícia ele se comprometeu com o delegado de sair da casa onde mora a enteada de seis anos. As vítimas serão encaminhadas nesta quinta-feira (26) a um hospital da cidade de Bocaiuva, para realizar exames clínicos.
O delegado acredita que o inquérito seja finalizado na próxima semana. Se condenado, o homem pode pegar até 30 anos de prisão.

Coração de Jesus: PMs perseguem carro e prendem irmãos por tráfico de drogas

Material apreendido com os dois irmãos
(G1) Dois irmãos, de 21 e 23 anos, foram presos por tráfico de drogas nesta quarta-feira (25), na MGC-251, em Coração de Jesus (MG). Uma equipe da Polícia Militar seguia pela BR-365, quando viu o carro deles. Uma denúncia informava que o veículo era utilizado para transportar entorpecentes.
Os PMs acompanharam o automóvel e pediram reforço, um bloqueio na estrada foi feito, mas o motorista não obedeceu a ordem de parada. Ele foi perseguido e abordado no Bairro Diamante I. Dentro do carro foram apreendidos papelotes de cocaína e material para embalar drogas.
Os dois irmãos foram encaminhados para a Polícia Civil, junto com o material apreendido.

Em Espinosa dois assaltantes fogem com R$ 3.600 de Correios

(G1) A polícia procura por dois homens que roubaram R$ 3.600 de uma agência dos Correios, em Espinosa (MG). O crime aconteceu nesta quarta-feira (25).
As vítimas contaram para a Polícia Militar que um homem chegou em uma moto, entrou no local e anunciou o roubo. Ele estava armado e ordenou para que os funcionários passassem o dinheiro.
Depois de recolher os R$ 3.600, o criminoso fugiu com um comparsa, que o aguardava do lado de fora da agência.

Em Salinas, 13 pessoas são detidas em operação de combate ao tráfico

Drogas e arma apreendidas pela polícia em Salinas
(G1) Treze pessoas foram detidas nesta quarta-feira (25), em Salinas (MG), durante a operação “Camorra” da Polícia Civil. Parte dos envolvidos são de uma mesma família. A ação contou com o apoio da Polícia Militar. Segundo o delegado José Eduardo dos Santos, o objetivo era desarticular um grupo criminoso que traficava drogas na cidade.
José Eduardo explica que o líder da organização, Sérgio Adaído Ferreira, de 40 anos, estava foragido da Justiça há mais de um ano, havia dois mandados de prisão em aberto contra ele por tráfico. Ele contava com a ajuda de familiares para vender as drogas.
Um rapaz de 19 anos, filho de Sérgio Ferreira, foi preso depois que a PC teve informações de que ele estava indo entregar uma grande quantidade de drogas. Ele foi abordado, de moto, na estrada que liga a cidade ao Povoado de Nova Fátima. Com o jovem, os policiais apreenderam 500 gramas de maconha e mais 100 gramas da mesma droga enterrada em um lugar apontado por ele. Na casa dele, foram encontrados ainda 15 papelotes de cocaína, cinco celulares e duas motos.
Depois de prender o rapaz, a PC conseguiu localizar Sérgio, que estava escondido em Montes Claros (MG), com outro filho, menor de idade. Ele contou que havia enterrado 1,6 kg de maconha e um revólver. A droga e a arma foram apreendidas.Todos os envolvidos foram levados para a delegacia, junto com o material.

43º homicídio em Janaúba: Homem e mulher são baleados em 'acerto de contas'

Uma mulher, de 18 anos, e um homem, de 27, foram baleados nesta quarta-feira (25), no Bairro Nova Esperança, em Janaúba (MG). Segundo as informações da Polícia Militar, as duas vítimas foram encontradas feridas em um bar.
Ainda de acordo com a PM, dois homens chegaram de moto e atiraram contra os dois. A mulher levou um tiro no tórax  e o homem foi atingido na perna. Eles foram socorridos pelo Samu e levados para o Hospital Regional de Janaúba. Porém, a mulher não resistiu aos ferimentos e morreu na madrugada de hoje (26).
A PM informou que a tentativa de homicídio foi motivada por um "acerto de contas". Os criminosos fugiram e ainda estão sendo procurados. Com mais esse homicídio Janaúba chega ao 43º assassinato em 2015.

quarta-feira, 25 de novembro de 2015

Cemig dificulta novas ligações para quem não é dono do imóvel


Quem tiver energia cortada terá problemas para nova ligação
Esta medida é para proibir a energia em áreas invadidas ou ocupadas

(Por Elton Paixão) Quem não for proprietário do imóvel que reside, ou não possuir um documento legal que prove a sua titularidade, deve ter muito cuidado para não se esquecer de quitar suas contas em dia e deixar cortar o fornecimento de energia, pois a partir deste mês a Cemig está cumprindo novos procedimentos. Quando sua energia é desligada, automaticamente é também desligado o contrato daquele titular da conta, e para ser restabelecido o fornecimento é necessário que se faça relacionado ao nome do proprietário do imóvel, e para isto deve possuir obrigatoriamente a devida documentação legal. Esta medida é para evitar que se façam ligações em áreas invadidas.

Documentos para novas ligações
Para efetuar uma nova ligação, ou mesmo para aumento de carga (110 – 220 V.), extensão de rede e mudança do local de padrão com troca de endereço predial, é exigido um dos documentos a seguir:
Escritura Pública; Certidão de Número, Habite-se ou Declaração/Documento semelhante emitido pela Prefeitura Municipal, constando os números de lote e quadra e bairro; Registro de Imóvel; IPTU; Alvará de Construção; Alvará de Licença de Localização; Planta de Arquitetura aprovada pela Prefeitura. Originais que podem ser aceitos desde que contenham o endereço completo do local onde está sendo solicitada a ligação nova.

Documentos para troca de titularidade
Para alterar o titular / responsável pelo pagamento das faturas de energia elétrica, a solicitação deve ser feita no postos de atendimento, apresentando os seguintes documentos:
Pessoa Física: CPF; Identidade (RG). Pessoa Jurídica: Documentos relativos à constituição da empresa; registro da empresa na junta comercial; documentos do representante legal
Além dos documentos citados: escritura pública ou registro do imóvel; solicitação de contrato em nome do proprietário; justificar a recente propriedade do imóvel e ausência de responsabilidade sobre os débitos de terceiros. Caso a propriedade tenha sido adquirida antes ou na mesma época dos débitos, deverá ser apresentado contrato de aluguel, que demonstra que o imóvel estava sob a​ responsabilidade de terceiros. .
Na ausência da escritura ou registro do imóvel, poderão ser apresentados de forma sucessiva os documentos abaixo: contrato de compra e venda; solicitação de contrato em nome do proprietário.
Na ausência dos documentos acima e de forma excepcional, poderão ser apresentados os documentos abaixo: IPTU / ITBI / ITR / Declaração de propriedade emitida pela prefeitura local/Justiça; solicitação de contrato em nome do proprietário; para apresentação de IPTU/ITR, no caso do IPTU somente será valido como documento de justa posse para acompanhamento do contrato de locação/arrendamento; declaração/certidão de emissão de posse emitida pela justiça; contrato de locação; solicitação de contrato pelo novo inquilino; termo de doação.

Documentos para ligação nova em área rural
Deverão ser anexadas cópias dos seguintes documentos: Cadastro de Pessoa Física – CPF; carteira de Identidade; documento, com data, que comprove a propriedade ou posse do imóvel rural. Tipos de documentos comprobatórios: Escritura Pública, Certidão de Registro de Imóvel, Formal de Partilha, Guia de ITR, Certificado de Cadastro de Imóvel Rural, Titulo de Legitimação de Terras Devolutas, Contrato de Compra e Venda, Contrato de Promessa de Compra e Venda, Contrato de Arrendamento, Documento de Assentado do INCRA;

Documentos para assentamentos irregulares
Os moradores terão que provar que são de baixa renda e solicitação ou anuência expressa do poder público competente municipal; documentação comprobatória de caracterização da regularização fundiária como sendo de interesse social, incluindo legislação específica, conforme o caso; licença ambiental, quando legalmente exigível; os locais devem oferecer segurança à prestação do serviço público de energia elétrica, cabendo ao poder público municipal, quando necessário à eletrificação, a realização prévia de obras de infraestrutura urbana, tais como definição dos limites físicos e abertura da via publica, delimitação de passeios e instalação de meio-fio; o responsável pela regularização fundiária de interesse social deve solicitar, formalmente, à Cemig, o atendimento, com no mínimo um ano de antecedência.

Corpo de desaparecido em córrego é encontrado em Montes Claros

Corpo foi retirado após um perito ir ao local
(G1) O Corpo de Bombeiros resgatou na manhã desta terça-feira (25) o corpo de um homem no Rio Vieira, em Montes Claros (MG). Segundo os militares, ele estava desaparecido desde segunda-feira (23) após pular para nadar com um amigo no Córrego Vargem Grande, durante um temporal.
De acordo com a corporação, o corpo foi encontrado próximo à residência de um homem, no Distrito Industrial. Algumas cicatrizes foram encontradas na barriga do homem, mas a suspeita inicial dos bombeiros é que elas tenham sido provocadas por pedras e galhos ao logo do rio.
O homem foi identificado apenas como Paraíba. O corpo foi levado para o IML da cidade.

Januária: Policiais seguem taxista e rapaz com 7 mandados de prisão é detido em MG

Wellington estava foragido da Justiça há mais um ano
(G1) Um rapaz, de 22 anos, com sete mandados de prisão em aberto por homicídio e tráfico de drogas, foi localizado em Januária (MG). Uma equipe de investigadores da Polícia Civil de Montes Claros (MG) conseguiu encontrá-lo nesta terça-feira (24), depois de seguir um taxista que estava levando celulares para ele. Wellington Oliveira estava foragido da Justiça há mais de um ano.
“Ele é contumaz na prática de crimes violentos, quando adolescente foi internado por um homicídio, já maior de idade foi preso por tráfico de drogas. Isso já denota a personalidade violenta dele, que também rivalizava com comparsas e desafetos”, fala o delegado Bruno Rezende, que responde pelas Delegacias de Homicídios, Antidrogas e de Inteligência. Segundo ele, Wellington Oliveira foi internado quando tinha 16 anos. Para cometer o homicídio, ele rendeu a vítima após fingir ser policial.
O delegado explica que o jovem traficava na região dos Bairros Morrinhos e Doutor João Alves. Ele é investigado em três homicídios cometidos em 2015, no Santa Rita, Maria Cândida e Doutor João Alves. Todos, de acordo com a PC, motivados por disputa por pontos de venda de drogas. O envolvimento dele em outros crimes está sendo apurado.
“Esta é uma das principais prisões de 2015, tem efetiva desarticulação no tráfico, repercute no comércio de drogas, inviabiliza a atuação dos criminosos e é fundamental para evitar que outros crimes, como os homicídios, não ocorram”, diz destaca Bruno Rezende.

Crime no cemitério
Por meio das interceptações , os policiais conseguiram evitar dois assassinatos, um deles seria cometido dentro de um cemitério de Montes Claros. O delegado Bruno Rezende explica que nas conversas autorizadas pela Justiça foi possível identificar também que o lugar estava sendo usado para esconder drogas e armas.
O outro homicídio seria cometido nas imediações do Bairros de Lurdes e Cintra. Uma equipe de investigadores foi ao local e chegou a perseguir os suspeitos, que estavam dentro de um carro.
“Além dos crimes, nas interceptações, verificamos que ele fazia ameaças aos investigadores da Delegacia de Homicídios e aos policiais militares do Grupo de Proteção à Vida”, destaca Bruno Rezende.

Grupo tenta viabilizar exploração de gás natural no Norte de Minas

Representantes dos governo e do empresariado
discutem avanços para a exploração do gás natural
(Hoje em Dia) A discussão sobre a produção e a comercialização do gás natural encontrado na bacia do rio São Francisco, no Norte de Minas, ganhou novo fôlego, nessa terça (24), em reunião de representantes dos governos federal, estadual e do empresariado na Federação das Indústrias do Estado (Fiemg).
Um grupo de trabalho composto por dirigentes das entidades envolvidas será criado para viabilizar a exploração de gás na porção mineira da bacia, emperrada devido a impasses em torno do licenciamento ambiental.
O entrave é a liberação para uso da tecnologia chamada de fraturamento hidráulico na extração de gás não convencional. O fraturamento hidráulico é uma tecnologia usada principalmente nos Estados Unidos, onde a exploração de gás pode viabilizar a autossuficiência energética do país até 2035.
Por outro lado, sua aplicação envolve riscos de contaminação dos cursos de água e do lençol freático. Em virtude dessa possibilidade, ele é proibido em alguns países, como França e Alemanha.
“São aspectos complexos quanto aos licenciamentos a níveis municipal, estadual e federal. Mas acreditamos que temos plena competência para dar solução a tudo”, afirma o presidente da Câmara da Indústria de Petróleo e Gás da Fiemg, Victório Semionato. Segundo ele, o trabalho do grupo não será burocrático, e sim construtivo, com planos e programas pré definidos. “O foco será especificamente a bacia do São Francisco, que hoje é a mais desenvolvida para exploração do gás em Minas”, completou.
Investimento
Estudo da Confederação Nacional da Indústria (CNI) mostra que as cinco empresas concessionárias (Cisco, Cemes, Codemig, Imetame e Petra Energia) já investiram mais de R$ 1 bilhão na bacia.
“É frustrante. Temos um potencial imenso e uma indústria capaz. O ponto crucial hoje é uma questão de remoção da liminar proposta pelo Ministério Público Federal em 2014 com a intenção de não permitir a exploração pelo método não convencional”, explicou o especialista da CNI, Rodrigo Garcia.
De acordo com o subsecretário de Política Mineral e Energética, José Guilherme Ramos, a colaboração do Estado para tirar a produção de gás natural do papel é o polêmico projeto de lei 2.946/15, em tramitação na Assembleia Legislativa. “Desde o início do ano estamos trabalhando para modernizar o licenciamento ambiental e acabar com o que há de obscuro com relação a exploração de gás natural”, destacou.

Polícia Civil incinera 40 quilos de drogas em Pirapora

Droga foi incinerada em um forno de uma empresa da cidade
(G1) A Polícia Civil incinerou nesta terça-feira (24),40 quilos de drogas em Pirapora, Norte de Minas. A operação foi acompanhada pelo Cartório Regional. De acordo com o delegado Jurandir Rodrigues, os entorpecentes estavam agrupados em 768 lotes.
O delegado informou que a Lei 11.343 determina o prazo em que a drogas apreendidas devem ser destruídas. Segundo ele, a droga foi apreendida entre 2011 e 2014, período que ultrapassa o prazo mínimo exigido pela Lei. “Todos os processos envolvendo estas apreensões já foram encaminhados à Justiça”, explica.
A droga foi incinerada em um forno de uma empresa da cidade.

terça-feira, 24 de novembro de 2015

Prefeitura de Jaíba recebe mais de 5 milhões no mês de outubro

Prefeitura de Jaíba-MG.
(Por Elton Paixão) Sem contar a arrecadação local, no mês passado, em outubro, entraram nos cofres da Prefeitura de Jaíba, um montante de R$ 4.128.237,78. Continuamos publicando mensalmente os valores institucionais que entram nos cofres desta prefeitura, para que a população tenha conhecimento e noção da dimensão dos recursos que são gastos pelo executivo local.
Tivemos acesso apenas aos valores repassados pelo Governo Federal e Estadual via Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal, mas se contabilizar os recursos arrecadados pelo próprio município como IPTU, ITBI, ISSQN, CND e outros, pode se chegar a um valor que pode  superar os 5 milhões de reais, o que é um montante considerável para o tamanho do município de 36 mil habitantes.
A reportagem do Folha apurou e está divulgando apenas os repasses constitucionais que entraram nos cofres do município no mês passado (outubro), chegando ao valor de R$ 4.128.237,78. Este valor não consta a arrecadação municipal.
Lembrando que no ano passado, 2014, entraram nos cofres da Prefeitura de Jaíba R$ 51.096.350,59. Sem somar a arrecadação local, sendo que a somatória do ano passado ultrapassou os 60 milhões de reais.
Possíveis convênios estaduais ou federais, também não foram somados. Portanto a arrecadação do mês de outubro pode ter ultrapassado ao valor de 5 milhões de reais. Em 2015 nos dez primeiros meses foram depositados na conta da prefeitura via banco do Brasil R$ 44.001.953,83. Confira os repasses do mês de outubro/2015:

- FPM - FUNDO DE PARTICIPACAO DOS MUNICIPIOS -  R$ 1.335.266,62
- FEP – FUNDO ESPECIAL DO PETRÓLEO – R$ 16.713,64
- ICMS DESONERAÇÃO EXPORTAÇÃO – R$ 6.300,63
- ITR - IMPOSTO TERRITORIAL RURAL - R$ 54.922,17
- ICMS ESTADUAL -  R$ 960.708,80
- FUS - FUNDO SAUDE - R$ 356.547,21
- IPI EXPORTACAO - R$  15.060,45
- ISS IMPOOSTO SOBRE SERVIÇO R$ 958,33
- AUXÍLIO FOMENTO EXPORTAÇÕES – R$ 49.693,22
- CID CONTRIB. INTERVENÇÃO ECONÔMICA R$ 15.375,42
- FUNDEB – FUNDO MAN. DES.  ED. BASICA -  R$ 654.772,33
- SNA - SIMPLES NACIONAL - R$ 20.713,85
- IPVA – IMP.SOB.PROP.VEIC.AUTOM. – R$ 37.499,30     - PROG. QUAL AÇÕES DE VIGILANCIA EM SAUDE – R$ 22.525,15
- PISO FIXO DE VIGILANCIA SAUDE – R$ 31.098,10
- MÉDI A E ALTA COMPLEXIDADE AMBULATORIAL – R$ 35.805,00
- INVESTIMENTO EM SAÚDE – R$ 00
- ATENÇÃO BÁSICA NA SAÚDE – R$ 218.020,50
- SAÚDE BUCAL – R$ 17.840,00
- PRO.MELH.QUAL.S.BÁS. PMAQ – R$ 40.100,00
- AGENTES COM. DE SAÚDE – R$ 75.036,00       
- PISO ATENÇÃO BÁSICA FIXO – R$ 80.591,00                   - APOIO TRANSPORTE ESCOLAR – R$  20.938,00
- SALÁRIO EDUCAÇÃO – R$ 61.368,06
- ALIMENTAÇÃO ESCOLAR – R$ 384,00

Jaíba: Justiça combate fraude de sonegadores que compravam álcool da Sada

(Por Elton Paixão) De forma estranha e num passe de mágica, caminhões carregavam álcool etílico em Jaíba da empresa Sada, na parte da manhã com destino a cidades do Nordeste e no mesmo dia, na parte da tarde estavam carregando o produto novamente. A fraude foi descoberta sendo que empresários investigados sonegavam impostos simulando a saída do produto para empresas de fachada.
A justiça mineira desencadeou neste mês operação de combate à sonegação fiscal na comercialização de álcool etílico. Os alvos da operação foram três empresários, dois deles estabelecidos no Espírito Santo e um em São Paulo.
Foram cumpridos mandados de busca e apreensão de documentos e equipamentos de informática nos escritórios dos suspeitos - localizados nos seus estados de origem -, que subsidiarão a comprovação das fraudes fiscais envolvendo 15 empresas de fachada. Para isso, a operação contou com apoio de promotores públicos dos estados de São Paulo e Espírito Santo. Neste primeiro momento da ação, não foi pedida a prisão dos suspeitos.
Segundo investigação da Receita Estadual em Montes Claros, o álcool era retirado de uma usina sediada em Jaíba, e era simulada a remessa, por meio de notas fiscais tendo como destinatárias diversas empresas de fachada, abertas nos estados da região Nordeste do país, com preponderância no município de Caxias, no Maranhão.
Os investigados obtinham inscrições estaduais como indústrias químicas, mediante o uso de documentos falsos (alvarás, comprovantes de endereço etc). Dessa forma, o álcool adquirido na usina jaibense era faturado para outros fins, cuja tributação de ICMS é inferior, mas desviado para uso automotivo em Minas Gerais, sendo entregue ilegalmente em postos de combustíveis.
A investigação da Receita Estadual começou há cerca de seis meses, quando houve a suspeita em função dos grandes volumes de álcool enviados para as supostas empresas do Nordeste brasileiro. Além das buscas de documentos, o Juízo da Comarca de Manga determinou o bloqueio de bens e valores correspondentes a R$ 12.222.038,12, equivalentes aos danos tributários. O montante de álcool envolvido na fraude é de R$ 82 milhões.

Professores da Unimontes aderem à greve por tempo indeterminado

Greve será por tempo indeterminado até o Governo fazer um acordo
(Foto: Patrícia Takaki)
(G1) Nesta segunda-feira (23) mais da metade dos professores da Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes) decidiram, em Assembleia Geral, entrar em greve por tempo indeterminado. O objetivo é resolver um impasse com o Governo Estadual iniciado após as nomeações do concurso público de 2014.
Entre as reivindicações estão reajuste salarial, reposicionamento imediato na carreira de todos os concursados de acordo com a titulação e o aproveitamento do tempo de serviço anterior ao Concurso para fins de progressão e promoção.


Entenda o caso
O impasse começou quando professores, que já atuavam na Universidade e foram aprovados no último concurso, receberam a notícia que teriam a retirada de alguns benefícios conquistados, em alguns casos, há mais de 20 anos.
Segundo o professor e presidente do sindicato da classe, Gilmar Ribeiro, eles tentaram três acordos desde o início do ano com o Governo Estadual e não obtiveram respostas, por isso, optaram pela atitude mais extrema.
“O governo ainda não nos ofereceu nenhum acordo. Estamos mobilizando toda a comunidade de professores para aderir à greve. O semestre letivo está no fim, mas nós vamos repor essas aulas para os alunos. O único problema é que vamos repor em datas não muito favoráveis, mas o que importa é a permanência dos direitos adquiridos”, salientou Ribeiro.
Segundo o sindicato, nos últimos quatro anos não houve reajuste salarial. Eles consideram "vergonhosa" a manutenção do salário base de R$ 885,64 no início de carreira, além dessa nova redução de salário.
A professora do Departamento de Biologia Geral da Unimontes, Ana Phé, explicou que com as novas regras seu salário ficou afetado em cerca de 30%. “Só entramos em greve porque não tem mais jeito. Todas as vezes que tentamos negociar com o Estado não deu em nada. Eles confirmaram os cortes e essa foi a única atitude que conseguimos tomar para termos assegurados nossos direitos”, afirmou.
De acordo com a reitoria da Unimontes, a Universidade vive um momento de transição com o início do processo de nomeação e posse dos aprovados no concurso público, e que os professores não aprovados no concurso estavam em situação precária diante da Lei Estadual Nº 100, tornada sem efeito por decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), e serão exonerados em 31 de dezembro de 2015.
“Não dá para aceitar, não é só pelos concursados, mas é também pelos meus colegas que serão exonerados no final do ano sem nenhum direito”, disse a professora Ana Phé.
Mauricio Alvez, aluno do 3º período de Letras, disse que apoia a greve dos docentes, pois há um descaso com os profissionais da educação. "A greve, inicialmente, prejudica os alunos, principalmente aqueles que estão se formando agora, no final do ano. Os demais, acredito que também que se sentem consternados, por terem de passar por uma greve a essa altura, mas apoio o movimento e espero que os professores obtenham êxito em suas reivindicações", afirmou Mauricio.

Posição da Reitoria
Em nota, a reitoria da Unimontes esclareceu que a realização do concurso público para professores vem sendo conduzida de forma legal, transparente e democrática, com a participação direta de todos os departamentos e dos professores, representados pela Associação dos Docentes (Adunimontes).

Montes Claros: Homem morre ao tentar evitar que enxurrada levasse moto

Árvore caiu na Av Geraldo Atayde
(Foto: Wesley Danilo/Arquivo Pessoal)
(G1) Um homem, de 30 anos, morreu no Bairro Antônio Pimenta, durante a forte chuva que atingiu Montes Claros (MG), nesta segunda-feira (23). Segundo informações obtidas pela Polícia Militar, ele caiu e morreu afogado quando tentava evitar que a moto dele, estacionada na Rua Pedra Azul, fosse levada pela enxurrada.
Um militar aposentado do Corpo de Bombeiros, que passava pelo local, acionou as equipes de socorro. Segundo o Samu, o homem morreu no local e foi levado até um hospital, para facilitar a identificação, já que não portava documentos. Além disto, a rua não oferecia condições seguras, já que chovia muito e havia risco de choque. O corpo foi levado para o Instituto Médico Legal.
Ainda na noite desta segunda, o Corpo de Bombeiros fez buscas para tentar localizar um homem que foi levado pelas águas de um córrego. Um amigo dele contou que os dois decidiram nadar no local, antes disso, eles ingeriram bebida alcoólica. Os militares continuam os trabalhos nesta terça (24).
Os militares atenderam várias ocorrências relacionadas à chuva, queda de árvores, inundações, desabamento, vistorias e risco de eletrocussão. Algumas visitas estão previstas nos Bairros Monte Alegre, Vila Ipiranga, Vila Antônio Narciso, Antônio Pimenta e Vila Sion.
Segundo a Defesa Civil, um posto de comando foi montado e metas foram traçadas, como lavagem de ruas no Bairro Canelas, Raul Lourenço e JK, além de manutenção nas bocas-de-lobo. Há previsão de chuva para o fim da tarde.

Índice pluviométrico
O 5º Distrito de Meteorologia de Montes Claros informou que a chuva começou por volta de 16h10 e atingiu 57,9 milímetros. Neste mês, foram registrados 97,4 milímetros, a média esperada para novembro é de 211.

Falta de energia
A queda de árvores provocou a interrupção de energia nos Bairros de Lurdes, São José, Major Prates e Centro. De acordo com a Companhia Energética de Minas Gerais, as equipes estão na rua para restabelecer o serviço.

Em Verdelândia assaltantes ateiam fogo em banco e funcionário fica ferido

(G1) A polícia procura por dois homens que roubaram o Banco Postal do Bradesco, no Bairro Janaíba, em Verdelândia (MG), nesta segunda-feira (23). Eles atearam fogo no estabelecimento e um funcionário ficou gravemente ferido. Os assaltantes fugiram levando R$ 1 mil e um celular.
Segundo as informações da Polícia Militar, eles chegaram no local e renderam os clientes, que foram levados para os fundos do estabelecimento. Em seguida, pediram para que um funcionário abrisse o escritório e entregasse o dinheiro, como ele se recusou, os criminosos jogaram gasolina e colocaram fogo no local. O dinheiro e o celular levados estavam na bolsa de uma cliente.
O trabalhador foi socorrido pela PM e levado para um hospital da cidade, com queimaduras nos braços e rosto, ele foi transferido para Janaúba (MG), devido à gravidade dos ferimentos. A PM tem informações de quem são os suspeitos e faz buscas para tentar prendê-los.

segunda-feira, 23 de novembro de 2015

Roubos aumentam 20,58% em Minas entre janeiro e outubro de 2015

(Por BRUNA CARMONA) Os registros de roubo consumado cresceram 20,58% em todo o Estado, entre janeiro e outubro de 2015, na comparação com o mesmo período do ano passado, segundo dados sobre crimes violentos divulgados pela Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds) nesta segunda-feira (23).
São considerados crimes violentos os roubos, sequestros, homicídios tentados e consumados, estupros de vulnerável tentados e consumados, estupros tentados e consumados, e extorsão mediante sequestro.
O levantamento aponta que, com exceção dos roubos e das tentativas de estupro de vulnerável - que cresceram 0,98% em Minas - os demais crimes violentos apresentaram queda no período analisado. A redução mais expressiva aconteceu nos casos de extorsão mediante sequestro (32,32%), seguida por casos de sequestro e cárcere privado (16,72%) e homicídio tentado (12,79%).

Outubro violento
De acordo com os dados divulgados pela Seds, em outubro de 2015 houve mais registros de homicídios em Minas Gerais do que no mesmo período do ano passado. A alta no Estado foi de 13,98%. Em Belo Horizonte, onde também cresceram os registros de homicídio na comparação mês a mês, o aumento foi de 8,16%.
Em outubro deste ano, os roubos também tiveram alta, tanto em Minas quanto na capital. A alta, segundo a Seds, foi de 24,27% no Estado e de 29,03% em Belo Horizonte.

Janaúba
A cidade de Janaúba também segue no mesmo ritmo do estado, vendo os índices de violência crescerem cada vez mais. Este ano o município já registrou 42 homicídios, o maior número já registrado na história da cidade.

Parceria entre Emater-MG, produtores rurais e prefeitura busca recuperar nascentes no Norte de Minas

O projeto “Produzindo água no semiárido” investe na construção de pequenas bacias de captação de água em Japonvar

Um projeto desenvolvido em Japonvar, no Norte de Minas, busca aumentar a disponibilidade de água no município graças ao trabalho em conjunto. O projeto “Produzindo água no semiárido”, desenvolvido numa parceria entre produtores rurais, Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais (Emater-MG) e prefeitura municipal, busca preservar e recuperar as nascentes prejudicadas com a estiagem que atinge a região.
Nos últimos três anos os produtores rurais do município sofrem com a seca do reservatório do Rio Mangair. Os 20 mananciais que abastecem a região secaram e cerca de 80% das lavouras foram perdidas durante o período. Em um cenário adverso, foi preciso unir forças para superar os desafios.
“O projeto tenta reduzir os atuais impactos da seca e preparar as nascentes para possíveis problemas climáticos do futuro. Até o momento já foram construídas e restauradas 70 barraginhas, que são pequenas bacias usadas para captar a água da chuva e permitir a infiltração no solo. Objetivo inicial é alcançar 500 e estender a ação para outros municípios da região. O importante, também, é orientar a população sobre a importância da preservação”, explica o coordenador da Emater-MG, Carlos Alberto Xavier.
A parceria se estabeleceu em forma de lei municipal em Japonvar. A Prefeitura disponibiliza máquinas e operadores. Os produtores participam com a mão de obra e os custos com óleo combustível das máquinas para construção das intervenções regenerativas, como a construção de barraginhas.
Já a Emater-MG lidera o processo atuando na mobilização e na organização de diversas reuniões nas comunidades para o envolvimento da população em torno do problema da seca na região. Também fornece assistência técnica adequada e acompanha as intervenções. A iniciativa é a longo prazo e também visa a conscientização e a necessidade de preservar as nascentes para garantir mais água no futuro.
Diálogo constante
De acordo com o coordenador da Emater-MG, todas ações são planejadas através de um consenso com os produtores rurais, prefeitura, Câmara de Vereadores e o Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural Sustentável do município. “Existe um diálogo permanente para planejar as ações e execução do projeto, como por exemplo a escolha de uma sub-bacia para revitalização. O envolvimento de todos é muito importante para o sucesso do projeto”, destaca Xavier.

Durante patrulhamento, PM apreende 1,2 kg de maconha em Urucuia

Droga foi apreendida no Bairro Riachinho
(G1) A Polícia Militar apreendeu na tarde desta segunda-feira (23) um quilo e duzentos gramas de maconha durante um patrulhamento de rotina em Urucuia, Norte de Minas, após abordarem um rapaz, de 20 anos, no Bairro Riachinho. De acordo com a PM, o jovem estava com uma porção da droga e, durante a ocorrência, a PM descobriu que havia um mandado de prisão contra ele, expedido pela comarca de São Romão.
Ainda segundo a PM, o suspeito disse que havia comprado a droga com outro rapaz, no mesmo bairro. Os policiais foram até o local indicado, mas o suposto traficante fugiu por um matagal. Durante buscas na casa foram encontrados dois tabletes de maconha, contendo um quilo de duzentos gramas de maconha, duas balanças de precisão, um revólver, munições, crack, cocaína e dinheiro.
O jovem que havia sido preso foi levado para a delegacia, junto com o material apreendido. A PM realiza buscas na região para tentar localizar o dono da droga e dos outros objetos apreendidos.

Jaíba: Ruralminas pretende resolver em breve situação dos invasores de imóveis no fundo da prefeitura

(Por Elton Paixão) Já estão em fase bastante adiantada os trabalhos da Ruralminas visando regularizar a situação dos invasores que ocupam uma grande área urbana no fundo da prefeitura de Jaíba. Mas o governo adianta categoricamente que ninguém terá os lotes de forma gratuita; terão que adquirir a um preço simbólico onde os mesmos terão toda a situação regularizada, inclusive com a devida escritura pública em mãos.
Cerca de 1.000 (um mil) lotes estão ocupados de maneira irregular por invasores ou até mesmo por pessoas que compraram destes. O primeiro passo já foi dado, em que um engenheiro agrimensor já está no local efetuando todo o levantamento de georeferenciamento para identificar a localização de cada lote e das ruas, sendo algumas em fase irregular. Este levantamento topográfico ficará pronto no mês dezembro, e até fevereiro do próximo ano, toda a situação de irregularidades já poderá ser resolvida.
A Ruralminas elaborou um documento regulatório em que prevê todos os requisitos básicos para resolver o impasse da invasão que ocorreu durante a campanha política.
Para a compra do lote ocupado pelo seu devido ocupador, está previsto inicialmente que o preço seja de R$30,00 (trinta reais) por cada metro quadrado. Exemplificando, uma área de 200 metros quadrados sairá pelo valor de sete mil e quinhentos reais, que poderá ser quitado a vista ou em 18 parcelas, sendo que o primeiro pagamento deve ser efetuado no ato do requerimento, ou seja, para confirmar a posse.
Indagamos a chefia local da Ruralminas sobre o valor estipulado, e o representante desta fundação informou que já foi solicitado um desconto, mas somente o Conselho Curador da Ruralminas poderá decidir se pode ou não haver diminuição no valor já estabelecido de trinta reais.
O tamanho de cada área a ser adquirida não poderá ser superior a 1.500 e nem inferior a 125 metros quadrados, podendo ser destinado até três vezes a dimensão da área construída.
O levantamento envolvendo o cadastramento do perfil das pessoas moradoras nesta área será efetuado pelo serviço social da prefeitura de Jaíba.

Área do aeroporto também será colocada à venda
Também será colocada à venda nos próximos dias a área urbana onde era localizado o aeroporto. Ainda falta definir o preço, mas já sabe que é um terreno de 25 hectares e não será vendida toda a área conjunta, sendo divida em oito fatias de três hectares. Trata-se de um local nobre de frente para a rodovia que liga ao Projeto Jaíba, sendo uma área comercial, ou mesmo para chacreamento.
Esta área já foi doada para a prefeitura de Jaíba, sendo que o município não conseguiu dá um destino viável ao terreno, e a Ruralminas recentemente obteve de volta a posse e colocará á venda nos próximos dias através de leilão público pela melhor oferta.

Carro capota e quatro pessoas ficam feridas em Montes Claros

Vítimas estavam no mesmo carro
(G1) Quatro pessoas ficaram feridas em um acidente em uma estrada que dá acesso a Comunidade de Morro Vermelho, em Montes Claros (MG), neste domingo (22). Elas foram socorridas pelo Corpo de Bombeiros e Samu.
Segundo as informações dos Bombeiros, elas estavam em um carro, que capotou. As causas do acidente são desconhecidas. As vítimas tiveram ferimentos leves e foram encaminhadas para dois hospitais da cidade.

Em Taiobeiras, homem bate carro e esposa e filho morrem no acidente

(G1) Um acidente na LMG-626, em Taiobeiras (MG), deixou dois mortos e um ferido. Todas as vítimas são da mesma família. Segundo a Polícia Militar, uma mulher, de 34 anos, e o filho, de 13, morreram no local. O marido da vítima, e pai do adolescente, dirigia o carro, foi socorrido e levado para um hospital.
O motorista contou para a PM que seguia pela rodovia quando visualizou quatro motociclistas. Ele disse que fazia uma ultrapassagem, quando um deles tentou fazer a mesma manobra. O condutor perdeu o controle da direção, saiu da pista e bateu em uma cerca e uma árvore.
O homem teve cortes no rosto, fraturas e luxação. Nenhum dos motociclistas foi encontrado.

Para arrecadar mais dinheiro, prefeito de Jaíba, reduz valores da dívida de IPTU e outros impostos

(Por Elton Paixão) O prefeito Enoch Campos está mesmo empenhado em aumentar a receita do município ou encher mais o cofre da prefeitura que dizem está vazio ou esvaziando. Este prefeito resolveu através de Projeto de Lei facilitar ao contribuinte o pagamento de Imposto Sobre Serviços, Multas fiscais, taxas de localização e instalação, licença de funcionamento e IPTU.
Ainda não sabe se é para pagar o décimo terceiro salário ou se é mesmo para fazer caixa. O certo é que o prefeito quer uma grana extra para comemorar o final de mais um atrapalhado ano de mandato. E se não ocorrer fato novo dentro do Poder Judiciário e Ministério Público a população de Jaíba terá mais um ano de terrível sofrimento.
O argumento mencionado pelo prefeito é que o município possui atualmente um valor bastante elevado de dívida ativa relativa aos impostos e taxas municipais, sendo essencial incentivar o pagamento de débitos atrasados.
Conforme a proposta da prefeitura será concedido a cada contribuinte uma redução da somatória de multa e juros da dívida em cobrança relativa aos impostos e taxas já mencionados, sendo que a redução é para o pagamento do valor total do débito em parcela única, à vista.
O desconto será de 50% (cinquenta por cento) para pagamento a partir do dia 10/11/2015 a té o dia 20/12/2015. Este desconto será concedido apenas sobre o valor da multa e juros incidentes sobre o saldo remanescente.

Criminosos roubam carro estacionado na BR-135, em Bocaiuva

(G1) Dois criminosos roubaram um carro na BR-135, em Bocaiuva (MG), na madrugada deste domingo (22). Segundo as informações da Polícia Rodoviária Federal, um homem estacionou o automóvel nas margens da rodovia e estava trabalhando em um frigorífico, quando foi surpreendido pelos assaltantes, que estavam armados. Ele foi rendido e ameaçado.
A PRF encontrou um carro, que estava sendo usado pelos criminosos, sem várias peças e com o pneu estourado. Há suspeitas de que o automóvel havia sido furtado o roubado.
Depois do roubo, os dois fugiram e ainda estão sendo procurados.

42º homicídio em Janaúba: Após briga por morte de galinha, rapaz é morto pelo vizinho

Um rapaz de 22 anos foi morto com um tiro depois de discutir com um vizinho, de 61, sobre uma galinha. O crime aconteceu no Residencial Dona Lindu, em Janaúba (MG), neste domingo (22).
Segundo as informações da Polícia Militar, o jovem foi até a casa do vizinho, com um pedaço de madeira nas mãos, para saber o porquê ele havia matado uma galinha que era dele. Mas o rapaz foi surpreendido por um disparo, que atingiu a testa dele.
Ainda de acordo com a PM, ele chegou a ser levado para o hospital, mas não resistiu aos ferimentos. Após o crime, amigos da vítima saquearam e colocaram fogo na casa do suspeito, que ainda não foi encontrado pela polícia.



Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com