Blog com notícias de Janaúba e região!

sábado, 13 de fevereiro de 2016

Moradores reclamam de cor estranha da água em Várzea da Palma

Problema foi registrado nesta sexta-feira (12)
(Foto: Rafael Mendes)
(G1) Moradores do Bairro Jardim América II, em Várzea da Palma (MG), reclamam da coloração da água que chegou às torneiras nesta sexta-feira (12). Segundo o morador Rafael Mendes, o problema foi registrado em algumas casas da Rua Santos Dumont, por volta das 11h. Ele registrou em fotos e vídeo o problema e enviou ao VC no G1.
“Eu iria lavar a roupa, mas quando via a coloração, achei muito estranho. A água estava muito vermelha e não tinha condições de ser usada. Alguns moradores também perceberam o mesmo problema”, explica.
O internauta diz ainda que o problema é recorrente no bairro. “Sempre observamos este problema. Geralmente ocorre pela manhã, e não sabemos se está relacionado a algum tratamento da água. Hoje ela só voltou a aparência normal por volta das 15h”, lamenta.

Nota da redação: a assessoria de comunicação da Copasa afirmou que a companhia enviou uma equipe à Rua Santos Dummont para verificar o problema. Ainda segundo a assessoria, em casos de problemas como este, a companhia orienta que o consumidor ligue pelo 115 ou procure uma agência próxima à residência onde o problema foi constatado.

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016

Janaúba: Aulas são suspensas por falta de merenda

A Escola Municipal Dalva dos Anjos ficou de portas fechadas nesta sexta-feira (12).
Uma gestão caótica, endividada, dividida, e sem mando. Não existem na língua portuguesa palavras para expressar ou tentar explicar a atual administração que comanda a Prefeitura de Janaúba. Para complementar o inicio desta matéria, nesta semana chegou ao nosso jornalismo mais uma denuncia referente à merenda escolar do ensino municipal janaubense. Nestes primeiros dias do ano letivo, alunos da rede municipal de ensino ficaram prejudicados por não ter havido atividades escolares, suspensão essa que foi justificada pela secretaria de educação como necessária, já que um novo banco assumiu a gerencia da folha de pagamento, gerando assim a imediata necessidade da abertura de conta por parte dos servidores do município. O que causou revolta em muitos pais, pois segundo eles não seria justificativa suficiente para paralisar o inicio das aulas, sendo um momento de importância notória para as crianças conhecerem seus novos professores e colegas, possibilitando uma mais rápida socialização para os pequenos que passarão boa parte do seu tempo na escola. Na contramão desta explicação dada pela Prefeitura de Janaúba, vem a seguinte informação: As aulas foram suspensas por falta de merenda, pois a Prefeitura tem uma dívida com a Nutri Sabor (empresa responsável pelo fornecimento da merenda escolar do município) de cerca de 1 milhão de reais, impossibilitando a continuidade do fornecimento.
Em contato com a assessoria de comunicação da prefeitura, recebemos a informação que a dívida com a Nutri Sabor já foi renegociada, e que segunda-feira está assegurado o retorno das aulas em todas as escolas da rede municipal de ensino.

Nota da Prefeitura de Janaúba: 


"A Prefeitura de Janaúba esclarece, através da Secretaria Municipal de Educação que, as aulas das escolas municipais não começaram na ultima quinta-feira, dia 11 de fevereiro, em virtude do procedimento de troca de agência bancária dos servidores públicos municipais da educação, que foi agendada para os dias 11 e 12 deste mês. Nesse sentido, para não comprometer o início das atividades escolares, a Secretaria adiou o início das aulas para o dia 15 de fevereiro sendo que, essa mudança em nada irá comprometer o cumprimento dos 200 dias letivos exigidos para este ano.
Já no que se refere as pendências relativas ao fornecimento de alimentos feitos pela empresa Nutri Sabor, a Secretaria Municipal de Educação informa que a pendência em questão já foi acordada com a empresa sendo que essa será normalizada na segunda-feira, o que não comprometeu nem irá comprometer o desempenho dos alunos das escolas deste município.
A prefeitura de Janaúba reforça ainda, através da Secretaria Municipal de Educação, por meio desta nota que, as obras iniciadas em cinco escolas desta cidade, sendo elas: a Neusnária Mendes, Emídio Pereira, São Lucas, Izabel Maria e Cemei Cantinho Feliz, já estão em fase de conclusão para melhor receber os alunos. Com o período chuvoso, elas foram interrompidas e com isso, necessitou-se de mais dias para as devidas finalizações, que já estão acontecendo.
A Secretaria Municipal de Educação reforça seu compromisso com os moradores de Janaúba e salienta que trabalha para garantir às crianças de Janaúba, o acesso ao ensino de público de qualidade que permite a dignidade dos estudantes janaubenses."

Ascom - Prefeitura de Janaúba.




Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Em Verdelândia moradores reclamam de cor estranha da água

O problema vem sendo registrado há algum tempo.
Moradores do Barreiro do Rio Verde, em Verdelândia (MG), reclamam da coloração da água que tem chegado às torneiras nos últimos meses. Segundo moradores, o problema foi registrado em todas as casas do bairro. Eles registraram em fotos e vídeo o problema e enviaram ao Blog Pablo de Melo Notícias.
“Eu iria lavar a roupa, mas quando via a coloração, achei muito estranho. A água estava muito amarela e não tinha condições de ser usada. Alguns moradores também perceberam o mesmo problema”, explica.
O internauta diz ainda que o problema é recorrente no bairro. “Sempre observamos este problema. Geralmente ocorre pela manhã, e não sabemos se está relacionado a algum tratamento da água”, lamenta. Os moradores afirmaram que já tentaram fazer contato com a Copasa afim de obter uma resposta, mas até o momento não receberam nenhuma explicação sobre o real motivo que tem causado esta coloração estranha na água.



Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Nova Porteirinha será contemplada pelo Governo do Estado com construção de barraginhas

Beneficiar mais 4.810 famílias, no semi-árido mineiro, com a construção de 962 pequenas barragens com maior capacidade de captação de água de chuva e amenizar os efeitos da seca. Este é o objetivo do governo do Estado com à medida que irá construir várias micro barragens no Norte de Minas. De acordo com a Secretaria de Estado de Desenvolvimento e Integração do Norte e Nordeste de Minas (Sedinor), responsável pela execução das ações de enfrentamento à seca no território mineiro.
As pequenas barragens, especificamente, vão conseguir captar volume médio de 7 mil a 7,5 mil metros cúbicos de água, com atendimento a 151 municípios compreendidos na área mineira da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene). A Sedinor, que já recebeu projetos, prevê para este mês de fevereiro a publicação do edital que vai definir as empresas responsáveis pela análise das propostas reunidas para a obra.
Neste início de ano, que registra uma temporada de chuvas com níveis acima da média histórica, para o período, moradores do Norte e Nordeste do estado já contam com aproximadamente 120 barreiros e 872 barraginhas implantadas e em funcionamento para a captação de água. As obras, realizadas pela Sedinor durante o período seco, são uma garantia para a população.
Para este ano, a Sedinor planeja concluir, no período seco, as obras de implantação dos barreiros (chegando ao total de 133), para beneficiar 665 famílias. Estão no escopo, ainda, outras 864 barraginhas, chegando a um total de 1.736 barraginhas, número que também corresponde ao total de famílias que serão contempladas pelas intervenções. Desse total, alguns municípios começarão a ser atendidos pela primeira vez e são eles: Bonito de Minas, Cônego Marinho, Itacarambi, Miravânia, Juvenília, Nova Porteirinha e Montalvânia.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Fonte: Jornal de Notícias

Secretaria de Saúde descarta caso relacionado ao vírus da zika em MG

(G1) A Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) descartou, nesta quinta-feira (11), um caso relacionado ao vírus da zika em uma criança recém-nascida, em Curvelo, na Região Central de Minas Gerais. De acordo com o órgão, “a mãe não apresentou intercorrências no pré-natal e o recém-nascido teve crescimento e desenvolvimento dentro dos padrões de normalidade”.
Dessa forma, a SES-MG e a Secretaria Municipal de Saúde de Curvelo informaram à Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e solicitaram uma revisão no diagnóstico laboratorial, que realizou um exame mais específico e informou ao Ministério da Saúde, retirando do boletim esse caso de Minas Gerais. A SES-MG foi informada sobre o resultado negativo do exame laboratorial.
No dia 14 de janeiro de 2016, a SES-MG divulgou que duas pessoas haviam contraído o vírus da zika: uma gestante de Ubá, na Região da Zona da Mata, e o recém-nascido de Curvelo. Veja o boletim atualizado no último dia 5.

Dengue e chikungunya
Em 2016, Minas Gerais registrou até o dia 5 de fevereiro 47.261 casos prováveis de dengue e duas mortes. Em relação à febre chikungunya, 203 casos foram notificados neste ano: 113 desses já foram descartados e 90 seguem em investigação. Ainda não existem casos com transmissão dentro do estado confirmados da doença. Com relação ao vírus da zika, todos os 44 casos notificados em 2016 seguem sob investigação.

Servidores fazem manifestação contra salários atrasados em Gameleiras

Servidores percorreram as ruas da cidade durante a manifestação
(G1) Servidores municipais fizeram uma manifestação na manhã desta quinta-feira (11) em Gameleiras, Norte de Minas. De acordo com o Sindicato dos Servidores, eles estão com salários e 13º salário atrasados.
De acordo com a Polícia Militar, cerca de 300 pessoas participaram da manifestação. Com cartazes e faixas, eles promoveram um “apitaço” pelas ruas da cidade. Os servidores alegam também que a prefeitura não está cumprindo com os direitos previstos em lei, como o fornecimento de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) e Equipamentos de Proteção Coletiva (EPCs).
O G1 entrou em contato com a prefeitura de Gameleiras, mas ninguém foi encontrado para falar sobre as reivindicações dos servidores.

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

Produtores de Botumirim, no Norte de Minas, recebem R$ 670 mil em crédito rural

Os recursos do Pronaf foram obtidos com assistência técnica da Emater-MG
As atividades desenvolvidas pelos agricultores de Botumirim, no Norte de Minas, serão fortalecidas com a liberação de R$ 670 mil do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf). Os recursos do governo federal foram obtidos após os produtores receberem a assistência da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais (Emater-MG).
Os financiamentos foram aprovados para a aquisição de bovinos de corte e leite, recuperação de pastagens, formação de canavial, melhoramento da infraestrutura das propriedades, aquisição de máquinas e equipamentos, além de implementação das atividades de suinocultura e avicultura.
O crédito rural vai beneficiar diretamente 102 famílias. Do total a ser aplicado, R$ 310 mil foram aprovados pelo Banco do Brasil, por meio da linha de crédito do Pronaf Mais Alimentos. Outros R$ 360 mil serão financiados pelo Banco do Nordeste, na modalidade Pronaf B (Agroamigo).
Para a liberação dos recursos pelo programa do governo federal, que tem condições melhores que outras linhas de crédito, os produtores precisam da Declaração de Aptidão ao Pronaf (DAP), emitida pela Emater-MG.
A empresa estadual também orienta os produtores na elaboração do projeto técnico e na implantação das ações produtivas, para garantir a correta aplicação dos recursos. Além dos agentes financeiros, o trabalho da Emater-MG no município é resultado de uma parceria com a prefeitura municipal e associações de produtores.
Segundo o extensionista da Emater-MG em Botumirim, Gilson Araújo, os recursos do crédito rural vão proporcionar maior integração dos produtores à cadeia do agronegócio, com melhor uso da mão de obra familiar e aumento da geração de renda na atividade.
“Os recursos vieram em uma boa hora, pois a liberação coincidiu com o bom período de chuvas, em janeiro. É uma satisfação muito grande saber que o crédito vai melhorar a produção agropecuária do município, o que resultará, certamente, em geração de empregos e aumento na renda das famílias envolvidas”, afirmou.

Em Porteirinha jovem morre afogado no balneário municipal

Na tarde dessa segunda-feira (08-02) o jovem Arnaldo de Jesus Santos, conhecido como Branco, se afogou no Balneário Municipal, no bairro São Sebastião, em Porteirinha. Ele não resistiu e veio a falecer.
Branco chegou a ser socorrido, mas não resistiu. Segundo informações, ele estaria embriagado e teria batido a cabeça numa pedra, após entrar na piscina natural do Balneário.



Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Fonte: Porteirinha Notícias

Cinco pessoas ficam feridas em um capotamento na BR-116, em Medina

(G1) Cinco pessoas ficaram feridas, entre elas uma criança de um ano, em um acidente na BR-116, em Medina (MG), na madrugada desta quinta-feira (11). Segundo a Polícia Rodoviária Federal, o condutor do veículo, em que as vítimas estavam, teria perdido o controle da direção, saiu da pista e capotou.
O bebê e uma passageira, de 21 anos, foram socorridos pelo Samu e encaminhados ao hospital de Medina. O motorista e as outras duas passageiras foram encaminhados ao hospital de Itaobim (MG). Uma das vítimas, de 50 anos, teve ferimentos graves.

Homem embriagado é preso após dirigir em 'zigue-zague' na BR-365

(G1) Um homem, de 34 anos, foi preso em flagrante por dirigir embriagado nesta quarta-feira (10), em Montes Claros (MG). Policiais rodoviários federais faziam patrulhamento pela BR-365, quando viram que ele andava pela pista fazendo "zigue-zague".
A suspeita de embriaguez foi confirmada pelo bafômetro, o resultado foi de 1.3 miligramas de álcool por litro de ar expelido. O valor é um dos mais altos já identificados pela Polícia Rodoviária Federal na região.
Além de dirigir alcoolizado, o homem não tinha habilitação e a motocicleta dele estava com a documentação irregular. Segundo a PRF o homem foi levado para a delegacia e a moto foi apreendida.

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2016

Após Missa de Cinzas, homem invade igreja em Porteirinha e destrói imagens

Quadros da Via Sacra também foram destruídos

Imagens foram jogadas no chão pelo suspeito
(G1) Um homem de 35 anos foi detido nesta quarta-feira (10) suspeito de quebrar quatro imagens sacras na igreja São Joaquim, em Porteirinha, Norte de Minas. Segundo a Polícia Militar, pessoas que rezavam na igreja detiveram o suspeito até a chegada da polícia.
A ação aconteceu logo após a celebração da Missa de Cinzas. O suspeito destruiu as imagens de Sagrado Coração de Jesus, Nossa Senhora das Graças, Nossa Senhora Aparecida e São José. Sete quadros que representam a Via Sacra também foram quebrados, segundo a PM. “Ele entrou e jogou as imagens no chão e proferiu alguns versículos bíblicos. Duas destas imagens tinham mais de 70 anos.”, explica o pároco da igreja, padre Wellington Rodrigues da Silva.
Segundo o padre, as imagens destruídas serão avaliadas para saber se é possível recuperar alguma delas. “A perícia foi acionada e, assim que terminar os trabalhos, vamos avaliar quais podem ser recuperadas. Caso não seja possível, vamos dar um fim digno”.
A Polícia Militar informou que os pais do suspeito procuraram os militares e apresentaram um laudo médico do Hospital Galba Velloso, com diagnóstico de esquizofrenia. O G1 entrou em contato com a instituição hospitalar, mas ninguém atendeu as ligações.
Ainda de acordo com a PM, o caso foi registrado como ultraje a culto religioso, que é quando há danificação de objetos religiosos.

Alvo de crimes
O padre Wellington Rodrigues diz que esta não é a primeira vez que a igreja é alvo de uma ação criminosa. “Estou há cinco anos aqui e neste período ela já foi assaltada três vezes. Em uma delas os criminosos levaram o cofre do dízimo. Outra vez levaram imagens”, explica.

Carnaval de Pirapora, no Norte de Minas Gerais, reúne 150 mil foliões

Número de participantes da festa surpreendeu
até a organização (Foto: Prefeitura / Ivan Rodrigues)
(G1) Uma programação com shows de vários estilos musicais e desfile de blocos atraiu 150 mil pessoas para o carnaval de Pirapora, município do Norte de Minas Gerais, com pouco mais de 56 mil habitantes. Às margens do Rio São Francisco, os foliões puderam curtir shows de artistas como João Bosco & Vinicius e Léo Santana.
“Foi um excelente carnaval, talvez um dos melhores dessa administração, que surpreendeu até nós mesmos. Em função da crise que o Brasil passa e das dificuldades que os municípios vivem, e aqui não é diferente, foi feito um grande planejamento, para que pudéssemos fazer essa festa maravilhosa”, fala Anselmo Rocha, diretor de apoio ao gabinete da Prefeitura.
Os foliões puderam ainda se refrescar nas águas do Velho Chico, que após as chuvas mostrou sinais de recuperação, e na área do piscinão das duchas. Os blocos do Boca, do Burrão e Vem Quem Quer fizeram os turistas dançarem ao som do samba e das marchinhas.
O piraporense Anderson Luiz Neto diz que o carnaval deste ano vai deixar boas lembranças. “Muitas pessoas vieram, várias atrações se apresentaram e esse ano tivemos uma inovação, o som automotivo, alegrando ainda mais a galera”, diz.

terça-feira, 9 de fevereiro de 2016

Homem de 35 anos é preso após ameaçar matar o irmão em Ninheira

Autor indicou onde o revólver estava guardado
(G1) Um homem de 35 anos foi preso na noite desta segunda-feira (8) após ameaçar matar o irmão, de 29, em Ninheira (MG). Segundo a Polícia Militar, a vítima procurou a PM e informou ter sido ameaçado em uma fazenda onde trabalha com o irmão, na zona rural da cidade.
Militares foram até o local e, em conversa com o autor, ele confessou ter uma arma, mas ela estava guardada em outra fazenda, também na zona rural. A PM informou ainda que, durante discussão entre os dois irmãos, o mais velho afirmou que na fazenda onde trabalha havia uma espingarda tipo polveira. A arma foi apreendida, mas o dono não foi localizado.
Os policiais foram até a outra fazenda indicada pelo suspeito e também apreenderam um revólver calibre 32. O autor das ameaças foi preso e encaminhado à Delegacia de São João do Paraíso. Ele pagou fiança e foi liberado.

São João da Ponte: Pai e filho morrem eletrocutados ao consertar bomba d'água

(G1) Dois homens morreram após levarem um choque elétrico no final da manhã desta terça-feira (9) em São João da Ponte, Norte de Minas. Segundo o Samu, as vítimas são pai e filho, de 62 e 40 anos, e o choque foi provocado durante o conserto de uma bomba de água.
O acidente foi na comunidade de Veredinha, zona rural da cidade. Testemunhas informaram que o filho fazia o reparo na bomba de uma cisterna quando o pai chegou para verificar o serviço e levou o choque elétrico. Ao tentar socorrer o idoso, o filho também recebeu uma descarga e o dois foram eletrocutados.
O Samu prestou socorreu as vítimas ao hospital São Geraldo, mas eles não resistiram. Os corpos foram levados para o IML de Januária.

Diferente de outros anos, ruas de Grão Mogol ficam vazias no carnaval

Ruas do Centro histórico estavam vazias (Foto: Reprodução / Inter TV)
(G1) No carnaval deste ano as ruas de pedra de Grão Mogol (MG), que tradicionalmente são invadidas pelos foliões, ficaram vazias. Para os turistas, que escolheram a cidade como destino, e para a população, que aproveita a época com o objetivo de garantir renda extra, a festa em nada lembrava as que foram realizadas anteriormente.
“A festa aqui sempre foi bem falada, mas esse ano está meio fraca”, fala a estudante Anny Stefanny Brito.
“Tá muito aquém do esperado, já vi melhores”, conta Yuri Almeida. “Nós estávamos esperando pelo movimento da cidade”, diz Iago de Sá. Eles são de Montezuma (MG) e foram até Grão Mogol com um grupo de amigos.
Uma das atrações do carnaval é o Bloco das Virgens, homens e mulheres invertem os papeis e andam pelas ruas do Centro. A estudante Lavínia Oliveira foi até o local onde os foliões se encontram, mas desistiu de desfilar. “Vim com a fantasia, mas por causa da falta de movimento eu desisti”, conta.
Bruno Soares é de Montes Claros (MG), ele e a família costumam alugar um ponto comercial para vender comidas e bebidas na cidade durante o carnaval. Ele fala que ficou sabendo que a festa seria realizada apenas uma semana antes.
“O carnaval desse ano está com um movimento muito fraco, deve ter caído uns 70%. O pessoal acha que não teve festa porque não houve divulgação”, afirma.
A proprietária de um supermercado em Grão Mogol fala que só não teve prejuízo porque não investiu no estoque. “Se tivéssemos feito investimentos, com certeza teríamos prejuízo, foi muito fraco, compramos pouco, nem se compara ao ano passado”, diz Keila de Souza.
“Eu já sabia que o carnaval ia ser assim, então me preparei para não levar prejuízo”, fala Valdivino Ferreira, que trabalha na Praia do Vau, que costuma atrair muitos foliões que se refrescam nas águas do Rio Itacambiraçú e usam o local para acampar.
O secretário de Cultura Rogério Figueiredo explica que a Prefeitura enfrentou dificuldades para fazer investimentos no carnaval. “Temos outras necessidades, precisamos pensar na situação do país para fazer o carnaval, fora isso Grão Mogol sempre teve uma festa maravilhosa.”

Corpo do médico janaubense Adriano Dantas vítima de acidente com paraquedas é sepultado em BH

Adriano Dantas Costa tinha 42 anos
(Por Luiz Ribeiro) Foi sepultado nesta terça-feira, às 16 horas, no Cemitério da Colina, em Belo Horizonte, o corpo do médico Adriano Dantas Costa, de 42 anos. Ele morreu nessa segunda-feira (8) em um acidente com um paraquedas, no povoado de São José de Almeida, em Jaboticatubas, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. A queda ocorreu na região da Serra do Cipó, em campo de pouso de uma propriedade particular usado por adeptos do paraquedismo. O local fica ao lado da MG-010, entre Belo Horizonte e Conceição do Mato Dentro, a 80 quilômetros da capital.
De acordo com a Policia Militar de São José de Almeida, Adriano fez um salto normal e o paraquedas abriu no tempo certo. Tudo corria bem até quando ele se aproximou do solo e preparava para o pouso. Nesse momento, surgiu uma rajada de vento forte e o paraquedas virou, levando o médico a bater a cabeça no asfalto. Ele teve morte instantânea.
Ainda conforme a PM de São José de Almeida, Adriano era um paraquedista experiente, com cerca de 20 anos de atividade, e fazia parte de um grupo de oito praticantes do esporte, entre os quais um irmão dele, André Dantas, também médico. Conforme moradores da região, o avião usado pelos paraquedistas decolou da mesma pista onde aconteceu o acidente. Adriano Dantas Costa é natural de Janaúba, filho da professora aposentada e comerciante Maria Dantas, a Dantas da loja Sonho e Fantasia.

Montes Claros: Grávida de 5 meses leva murro de companheiro e o mata a facada

(FERNANDA VIEGAS) Uma mulher, grávida de 5 meses, matou o pai de seu filho, durante um desentendimento, em Montes Claros, no Norte de Minas, nesse domingo (7). Em uma calorosa discussão, ele teria dado um murro no rosto dela, que pegou uma faca e o golpeou no peito.
A suspeita, de 35 anos, fugiu do imóvel, na rua Paraíba, bairro Morrinhos, deixando o companheiro, de 34 anos no chão. Equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e do Corpo de Bombeiros tentaram reanimar a vítima, mas não tiveram sucesso.
Testemunhas passaram a características da suspeita para a Polícia Militar (PM), que a localizou andando pelas ruas do bairro Cidade Industrial, onde moram parentes dela. A faca - de serrinha (de mesa) com 15 centímetros de lâmina - foi encontrada em um mato, no mesmo bairro.

Codemig gasta R$ 137 mil para espantar pombos em cassino

(RICARDO CORRÊA / LUCAS RAGAZZI) Em reforma há mais de dois anos, o Cassino de Lambari continua gerando despesas inusitadas para os cofres do Estado. No fim de 2015, a Companhia de Desenvolvimento de Minas Gerais (Codemig) empenhou R$ 137 mil para a contratação de uma empresa para “execução de manejo de avifauna capaz de afugentar pombos”. Ou seja, empresa especializada em espantar tais aves.
A expectativa de quem vê os gastos da reforma no cassino é a de que o Estado já se prepara para a regularização da exploração dos jogos de azar. Um projeto de lei com esse objetivo já foi aprovado no Senado. Entretanto, segundo a Codemig, a utilização do espaço de quase 4.000 m2 às margens do lago Guanabara é para a criação do “Museu das Águas”.
“A empresa está investindo para transformá-lo em Museu das Águas, que, além de dar destaque ao importante recurso da água, promoverá a recuperação desse espaço de grande representatividade da identidade mineira. O museu será também um novo espaço cultural para Minas Gerais, aumentando a oferta de atrações para os turistas e os moradores de toda a região”, diz a companhia.
Inicialmente, a reforma tinha um investimento total previsto de R$ 9 milhões e ficaria concluída no segundo semestre de 2014. Apesar disso, ainda estão sendo realizadas obras no espaço, as quais, segundo a Codemig, “estão em ritmo final de conclusão”. A previsão da empresa é a de que elas sejam finalizadas neste mês.
Inaugurado em 1911, o cassino é uma imponente construção em estilo eclético que funcionou apenas uma noite, já que, logo após a inauguração, foi instalada uma lei que proibia o funcionamento desse tipo de atividade no país.

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2016

Médico de Janaúba morre em acidente com paraquedas na Serra do Cipó

Adriano Dantas, Foto: Facebook.
(Por Luiz Ribeiro e Pablo de Melo) Um acidente com um paraquedas matou o médico Adriano Dantas Costa, de 42 anos, no povoado de São José de Almeida, em Jaboticatubas, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, na tarde desta segunda-feira. O caso aconteceu na região da Serra do Cipó, em campo de pouso de uma propriedade particular usado por paraquedistas. O local fica ao lado da MG 010, a 80 quilômetros de Belo Horizonte.
Ainda conforme a PM, Adriano fez um salto normal e o paraquedas abriu no tempo certo. Tudo corria bem até quando ele se aproximou do solo. Nesse momento, surgiu uma rajada de vento forte e o paraquedas virou, levando o médico a bater a cabeça no solo. Ele teve morte instantânea.
Conforme a Policia Militar de São José de Almeida, Adriano era um paraquedista experiente, com cerca de 20 anos de atividade, e fazia parte de um grupo de oito praticantes do esporte. Adriano Dantas Costa é natural de Janaúba, filho da professora aposentada e comerciante Maria Dantas Costa, a Dantas da avenida do Comércio.

Dois homens, de 18 e 19 anos, são feridos a tiros em Pirapora

(G1) Dois homens, de 18 e 19 anos, foram baleados neste domingo (7), no Bairro Cinquentenário, em Pirapora (MG).
Segundo informações da Polícia Militar, quatro pessoas estavam em frente a uma casa abandonada, quando um criminoso chegou de carro, desceu e atirou várias vezes. Duas correram e não foram atingidas.
Ainda de acordo com a PM, um dos homens levou um tiro no peito e o outro foi baleado no ombro. Eles foram socorridos e levados para um hospital. Os dois não correm risco de morte. A motivação do crime é desconhecida e até o momento ninguém foi preso.

Desfiles de blocos caricatos fazem a festa de foliões em Januária

Carnaval de Januária atraiu uma multidão de foliões
(Foto: Pablo Caires / Inter TV)
(G1) O carnaval de Januária, no Norte de Minas, atraiu uma verdadeira multidão na noite deste domingo (7). O conhecido 'bloco do Minhocão', que completa 50 anos, arrastou cerca de 600 pessoas pelas ruas da cidade resgatando os antigos sucessos carnavalescos. “Esse é o estilo do minhocão, a gente quer a participação do povo. As pessoas gostam dessas músicas, das marchinhas antigas, do samba, e procuramos sempre preservar isso”, explica Jorge Lisboa, coordenador do bloco.
As atrações deste ano atraíram foliões de toda a região. A estudante Márcia Lopes Campos saiu de São João da Ponte (MG) para curtir a festa na cidade ribeirinha. “Vim ano passado e gostei muito do carnaval daqui. O pessoal aqui é agradável e muito animado. Eu adoro essa folia”, diz.
O sucesso do carnaval de Januária já é muito comemorado. O organizador da festa, Aurélio Vilares, conta que a procura por hospedagem foi tão grande que um plano para o ano que vem já está sendo preparado. “Os hotéis estão totalmente lotados, aluguel de casas superou as expectativas, tanto que diante da resposta deste ano, a ideia já é trabalhar a hospedagem solidária junto aos moradores para fomentar mais ainda a economia da cidade”, adianta.
A banda baiana Saiddy Bamba foi a responsável por fechar a terceira noite de folia. A festa continua nesta segunda-feira (8) com a atração mais esperada deste carnaval, o show com Léo Santana, ex-Parangolé.
O carnaval de Januária deste ano trouxe também uma novidade para o público com o retorno dos dois blocos tradicionais 'Pirão de Peixe' e 'Bole Bole', que desfilam nessa segunda-feira.

domingo, 7 de fevereiro de 2016

Tremor de terra assusta moradores de Mirabela, no Norte de Minas

(Por Luiz Ribeiro) Moradores da comunidade de Laranjeiras, na zona rural de Mirabela, Norte de Minas, ficaram assustados com um tremor de terra, ocorrido no final da tarde desse sábado. Segundo relatos deles, houve uma forte explosão. Logo em seguida, a terra tremeu. O professor Lucas Vieira Barros, do Observatório Sismológico da Universidade de Brasília (UnB), disse que a região tem um "histórico de sismicidade", mas que, neste domingo, não há como confirmar se o evento foi registrado pelos equipamentos da unidade, que não tem funcionários trabalhando neste feriado de carnaval. 
Laranjeiras fica distante cinco quilômetros da sede de Mirabela. A aposentada Romana Gonçalves Ferreira, a "dona Nena", de 75 anos, uma das moradoras de localidade rural, disse que levou um grande susto no momento do abalo sísmico. "Eu estava encostada na parede e senti a parede balançar muito". Amedrontada, ela correu para a casa da nora, a lavradora Zileide de Fátima Veloso, na mesma localidade.
"Eu estava lavando a casa, quando ouvir uma explosão forte e, logo em seguida, a terra tremeu. Fiquei sem saber o que realmente aconteceu", descreve Zileide, salientando que cães, vacas, galinhas e outros animais domésticos também ficaram muito assustados. Ela informou que, a princípio, chegou a pensar que pudesse ter ocorrido algum acidente grave na BR 135 (estrada Montes Claros/Januária), que passa perto de sua casa. "Mas, depois não ouvi noticia de nenhum acidente", completa a lavradora.
O pintor de parede José Geraldo Mendes Gomes, de 55 anos, conta que mora em Montes Claros e estava na casa em Laranjeiras, onde sentiu o chão tremer. "Eu estava tomando café. A parede balançou e parecia que iria cair. Tive medo, sim", afirma José Geraldo. Segundo ele, o tremor durou em torno de 10 segundos.

Janaúba: Assaltante é “agredido” em supermercado

Arma apreendida. Foto: PM
Na manhã deste domingo (07), por volta das 11 horas, no bairro Veredas em Janaúba, um assaltante acabou se complicando durante uma tentativa de assalto em um supermercado. Mesmo estando armado, alguns clientes ousaram reagir contra com o marginal, lançando contra o bandido um banco de ardósia, no momento em que o mesmo tentava realizar a ação delituosa, por conta do impacto do objeto lançado, o ladrão acabou deixando a arma cair ao chão. Desarmado e desorientado por conta da pancada, o ladrão azarão fugiu sentido a Avenida Ecológica, não sendo localizado.
A Polícia Militar esteve no local e aprendeu a arma, mas até o momento ninguém foi preso.



Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Carnaval não tem ver­ba pú­bli­ca em qua­se 2 mil ci­da­des

(foto: Arte/Quinho)
(Por Luiz Ribeiro e Marcelo da Fonseca) Mais de 1,8 mu­ni­cí­pios não te­rão con­di­ções fi­nan­cei­ras de pa­tro­ci­nar o car­na­val que co­me­ça ofi­cial­men­te neste sábado em to­do o país. Se­gun­do le­van­ta­men­to da Con­fe­de­ra­ção Na­cio­nal dos Mu­ni­cí­pios (CNM), di­vul­ga­do on­tem, 65% das 2,9 mil ci­da­des pes­qui­sa­das in­for­ma­ram que can­ce­la­ram os re­pas­ses pa­ra as co­me­mo­ra­ções por fal­ta de di­nhei­ro nos co­fres mu­ni­ci­pais. A maio­ria das pre­fei­tu­ras en­fren­ta di­fi­cul­da­des dian­te das su­ces­si­vas que­das do Fun­do de Par­ti­ci­pa­ção dos Mu­ni­cí­pios (FPM) e te­ve que re­ti­rar as ver­bas pre­vis­tas pa­ra a fo­lia. Ou­tras pre­fei­tu­ras, in­for­ma­ram que vão fa­zer um car­na­val a “meia-bo­ca”, gas­tan­do o mí­ni­mo pos­sí­vel.
As ci­da­des mais afe­ta­das, se­gun­do o ór­gão, são aque­las que têm me­nos de 50 mil ha­bi­tan­tes e que de­pen­dem dos re­pas­ses do FPM pa­ra ge­rir suas des­pe­sas. No ano pas­sa­do, os 2,9 mil mu­ni­cí­pios que par­ti­ci­pa­ram da pes­qui­sa da CNM gas­ta­ram em mé­dia, ca­da um de­les, R$ 158 mil com os fes­te­jos. Em 2016, os mu­ni­cí­pios que con­ti­nuam pa­tro­ci­nan­do a fes­ta pa­ra atrair tu­ris­tas es­pe­ram gas­tar, em mé­dia, R$ 129 mil, que cor­res­pon­de a 81% dos va­lo­res in­ves­ti­dos no car­na­val em 2015.
No Nor­te de Mi­nas e no Va­le do Je­qui­ti­nho­nha, re­giões mais po­bres do es­ta­do, vá­rias pre­fei­tu­ras fo­ram obri­ga­das a de­sis­tir da fes­ta de­vi­do à fal­ta de di­nhei­ro. Mas a si­tua­ção tam­bém se re­pe­te em ou­tras re­giões, co­mo no Sul do es­ta­do. “Se a pre­fei­tu­ra pro­mo­ves­se o car­na­val não te­ria di­nhei­ro pa­ra qui­tar a fo­lha de pa­ga­men­to dos fun­cio­ná­rios”, afir­ma o pre­fei­to de Fran­cis­co Sá (Nor­te de Mi­nas), De­nil­son Ro­dri­gues Sil­vei­ra (PMDB). Se­gun­do ele, a fo­lia cus­ta­ria cer­ca de R$ 120 mil aos co­fres mu­ni­ci­pais. Sil­vei­ra ale­ga que Fran­cis­co Sá, de 23,4 mil ha­bi­tan­tes, en­fren­ta sé­rias di­fi­cul­da­des fi­nan­cei­ras por cau­sa da re­du­ção dos re­pas­ses fe­de­rais, prin­ci­pal­men­te do FPM. “Hou­ve uma que­da dos re­pas­ses fe­de­rais de 30% em re­la­ção ao ano pas­sa­do. Além da di­mi­nui­ção do FPM, te­mos cer­ca de R$ 700 mil de va­lo­res a re­ce­ber em atra­so da área de saú­de e R$ 93 mil atra­sa­dos de pro­gra­mas de ou­tras áreas”, re­la­ta.
Tam­bém no Nor­te de Mi­nas, o pre­fei­to da pe­que­na Glau­ci­lân­dia, de 3,2 mil ha­bi­tan­tes, Ge­ral­do Mar­tins de Frei­tas (PMDB), sus­pen­deu o car­na­val ale­gan­do fal­ta de di­nhei­ro. “Não te­mos re­cur­sos su­fi­cien­tes pa­ra pro­mo­ver o car­na­val. Mes­mo se a gen­te fos­se fa­zer, se­ria uma “coi­sa mais sim­ples”, te­ria que gas­tar pe­lo me­nos R$ 30 mil com a con­tra­ta­ção de uma ban­da e de som”, diz Frei­tas. Ele re­cla­ma que a pre­fei­tu­ra en­fren­ta di­fi­cul­da­des pa­ra con­ser­tar es­tra­das vi­ci­nais e pon­tes na zo­na ru­ral do mu­ni­cí­pio, que fo­ram des­truí­das pe­las chu­vas de ja­nei­ro. 

Em Janaúba, cidade que por muitos anos teve um dos maiores e melhores carnavais do estado, perdeu de vez o status de cidade carnavalesca e mais uma vez a prefeitura cancelou a festividade alegando dificuldades financeiras.

Eco­no­mia
Na vi­zi­nha Ju­ra­men­to (4,2 mil ha­bi­tan­tes), se­pa­ra­da de Glau­ci­lân­dia por ape­nas 18 qui­lô­me­tros, a pre­fei­tu­ra vai pro­mo­ver o Car­na­val, mas de ma­nei­ra eco­nô­mi­ca. Se­rão ape­nas dois dias de fes­ta (ho­je e ama­nhã), com ani­ma­ção de duas ban­das da re­gião. “O nos­so ob­je­ti­vo é fa­zer al­gu­ma coi­sa, a bai­xo cus­to, ape­nas pa­ra não dei­xar o car­na­val pas­sar em bran­co”, afir­ma Tâ­nia Si­lei­de Pe­rei­ra, se­cre­tá­ria mu­ni­ci­pal de Ad­mi­nis­tra­ção de Ju­ra­men­to. “Por cau­sa das que­das do FPM, a pre­fei­tu­ra não tem co­mo fa­zer um car­na­val maior e me­lhor”, ar­gu­men­ta.
A si­tua­ção é a mes­ma em Bo­caiu­va, de 48,9 mil ha­bi­tan­tes, on­de a ad­mi­nis­tra­ção mu­ni­ci­pal de­ci­diu pro­mo­ver a fes­ta du­ran­te três dias (de ho­je até se­gun­da), con­tan­do ape­nas com ban­das e can­to­res lo­cais.
A es­cas­sez de ver­ba tam­bém mo­ti­vou o can­ce­la­men­to do car­na­val em ci­da­des do Va­le do Je­qui­ti­nho­nha. “Re­co­nhe­ce­mos a im­por­tân­cia da fes­ta, mas, com a que­da da ar­re­ca­da­ção, va­mos prio­ri­zar o pa­ga­men­to de for­ne­ce­do­res e o res­tan­te do acer­to que te­mos de fa­zer com os fun­cio­ná­rios con­tra­ta­dos e que fo­ram dis­pen­sa­dos no fi­nal do ano”, jus­ti­fi­ca Fran­cis­co Ele­tân­cio Mur­ta (PMN), pre­fei­to de Co­ro­nel Mur­ta.

Atrasados

A fal­ta de cai­xa pa­ra ban­car o car­na­val se re­pe­te em ci­da­des do Sul de Mi­nas. É o ca­so de La­vras. Se­gun­do a pre­fei­tu­ra, o mu­ni­cí­pio re­gis­trou um ano com pro­ble­mas de ar­re­ca­da­ção e te­ve di­fi­cul­da­des em qui­tar os sa­lá­rios dos ser­vi­do­res. Os blo­cos, que an­tes des­fi­la­vam pe­lo cen­tro da ci­da­de, fo­ram can­ce­la­dos em ja­nei­ro e a pre­fei­tu­ra co­mu­ni­cou à Po­lí­cia Mi­li­tar e ao Cor­po de Bom­bei­ros que não se­rão fei­tas co­me­mo­ra­ções du­ran­te o car­na­val.
Em Ca­xam­bu, a si­tua­ção é um pou­co di­fe­ren­te. So­men­te on­tem, às 18h30, o pre­fei­to Ju­ran­dir Be­li­ni, con­fir­mou por meio de pro­nun­cia­men­to em rá­dio que a fes­ta não se­ria rea­li­za­da. “In­fe­liz­men­te, não exis­te mais tem­po há­bil pa­ra se rea­li­zar o car­na­val”, afir­mou Be­li­ni. Nos úl­ti­mos anos a fes­ta te­ve um pal­co no cen­tro da ci­da­de e le­vou mi­lha­res de fo­liões pa­ra as ruas. Em ja­nei­ro, a Jus­ti­ça de­ci­diu can­ce­lar a fes­ta, que cus­ta­ria R$ 240 mil aos co­fres pú­bli­cos, de­pois que o Mi­nis­té­rio Pú­bli­co ins­tau­rou in­qué­ri­to ci­vil con­tra o mu­ni­cí­pio. O mo­ti­vo foi o não pa­ga­men­to do 13º sa­lá­rio de 2015 dos ser­vi­do­res mu­ni­ci­pais e a fal­ta de va­gas pa­ra alu­nos do en­si­no in­fan­til no sis­te­ma edu­ca­cio­nal do mu­ni­cí­pio. O juiz da co­mar­ca, Ra­phael Fer­rei­ra Mo­rei­ra, de­ter­mi­nou que Ca­xam­bu não rea­li­zas­se a fes­ta, sob pe­na de mul­ta diá­ria de R$ 20 mil. No en­tan­to, na quin­ta-fei­ra, a Jus­ti­ça re­vo­gou a li­mi­nar e au­to­ri­zou as co­me­mo­ra­ções pa­tro­ci­na­das pe­la pre­fei­tu­ra. A de­ci­são em ci­ma da ho­ra não foi su­fi­cien­te pa­ra re­ver­ter a sus­pen­são da fes­ta.

Polícia intensifica fiscalização nas rodovias do Norte de Minas

Movimento foi intenso nas brs neste sábado (06).
O movimento nas rodovias que cortam o Norte de Minas foi intenso neste sábado (06) por conta do feriado prolongado de Carnaval. A Polícia Rodoviária Federal e Estadual intensificaram as fiscalizações nas estradas para garantir a segurança nas viagens e reduzir o número de acidentes.
Na MGC-135, que dá acesso a Januária (MG), a polícia instalou um radar móvel para flagrar motoristas em excesso de velocidade. A ação começou por volta das 11h deste sábado e em menos de uma hora, 35 condutores já haviam sido fotografados. Eles devem receber em casa uma multa por terem ultrapassado a velocidade permitida na pista que é de 80 km/h.
De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, o fluxo de veículos aumentou nas rodovias federais no início da tarde. As BRs com maior movimento são a 135 e 251. " Estamos orientando os motoristas para respeitarem a sinalização, evitar o uso de bebidas alcoólicas e não exceder a velocidade", disse o policial Vicente Fernandes.
Na BR-251, próximo a serra de Francisco Sá, também foi instalado um radar móvel e 30 motoristas foram flagrados desobedecendo a velocidade permitida até o início da tarde deste sábado.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Fonte: G1

Dois jovens são assassinados a tiros em Várzea da Palma

(G1) Dois homens foram assassinados a tiros neste sábado (6) em Várzea da Palma, Norte de Minas. Segundo a Polícia Militar, os crimes foram registrados nos Bairros Jardim América e Nova Esperança.
Por volta das 18h, a PM recebeu uma denúncia informando que moradores haviam encontrado o corpo de um jovem, de 20 anos, na Rua 16 do Bairro Jardim América. A vítima foi atingida por tiros na cabeça e no pescoço.
No Bairro Nova Esperança, por volta das 22h, um jovem de 25 anos estava em um bar quando foi surpreendido por dois homens encapuzados. Eles efetuaram vários disparos de arma de fogo e fugiram. Ainda de acordo com a PM, a vítima foi atingida no braço, na cabeça e nas costas.
A polícia realiza buscas, mas até a manhã deste domingo (7) ninguém foi preso suspeito de envolvimento nos crimes.