Blog com notícias de Janaúba e região!

sábado, 1 de fevereiro de 2014

Irmão de ex-prefeito de São João da Ponte é preso por roubo de carga

(O Tempo) Após a apreensão de cerca de R$ 260 mil em aparelhos eletrônicos e produtos de mercearia, carga roubada de uma carreta na BR-251, segundo a Polícia Militar, mais objetos roubados foram encontrados nesta sexta-feira (31) na casa do irmão do ex-prefeito de São João da Ponte, no Norte de Minas. 
A ocorrência começou na madrugada dessa quinta-feira (30) em um posto de combustíveis em São João da Ponte. O dono de um auto-socorro chamou a polícia e informou que Alexandre Coelho Borges, 24, natural de Uberlândia, e outro homem que estava com ele, ofereceram R$ 970,00 em dinheiro pela contratação do serviço de guincho.
Eles alegaram que estavam indo para a Bahia e que o veículo em que estavam, havia dado um problema mecânico. No entanto, quando o dono do auto-socorro disse que precisava de alguns dados para a realização do serviço, a dupla se negou a dar as informações necessárias.
Quando o homem, desconfiado, chamou a polícia, os militares receberam diferentes versões dos suspeitos sobre o fato. Por fim, Alexandre disse que estava de passagem por Belo Horizonte com o primo, quando foi procurado por três homens desconhecidos querendo contratar um serviço de frete para Montes Claros e que, mesmo suspeitando da procedência do pedido, acabou aceitando por R$ 2 mil.
Ainda segundo o suspeito, ao chegar em Montes Claros, ele foi orientado a acionar o guincho e relatou ainda aos militares que o serviço que estava sendo contratado com o auto-socorro seria utilizado para acoplar uma carreta para realizar o transporte de uma carga roubada de eletroeletrônicos.
Os militares fizera um rastreamento na região e encontraram a carreta estacionada às margens da estrada. A carga era realmente formada por eletroeletrônicos e eletrodomésticos, além de outros produtos domésticos, totalizando um valor aproximado de R$ 260 mil. A polícia confirmou que a carga havia sido roubada de um caminhão de uma distribuidora destes produtos no dia 27 deste mês, na BR-251.
Além de Alexandre, foram presos os outros dois envolvidos, Cláudio Medeiro de Assis, 35, e Geraldo Fabian Fernandes Cordeiro, 41, que é irmão do ex-prefeito de São João da Ponte, Fábio Luiz Fernandes Cordeiro (PTB). Antes de serem pegos, eles tentavam dividir a carga em veículos menores para chegarem ao seu destino, Montes Claros. Além disso, eles também vendiam parte da carga em várias cidades pelas quais passavam durante o trajeto.

Espinosa receberá cartório eleitoral


As cidades mineiras de Espinosa, Araçuaí, Nova Serrana, Divinópolis e Ubá vão receber novas sedes dos cartórios eleitorais nos próximos dias. As sedes fazem parte do projeto de reestruturação imobiliária da Justiça Eleitoral em Minas. 
Na próxima segunda-feira, a cidade de Espinosa, no Norte de Minas, recebe a nova sede da 109ª Zona Eleitoral. A inauguração será às 11h, no imóvel de162 m² de área construída, que fica localizado no Centro da cidade, na Rua Doutor José Cangussu, 148.
Ainda na segunda-feira, mas na parte da tarde, às 17h, o presidente do TRE inaugura, na cidade de Araçuaí, no Vale do Jequitinhonha, a sede da 157ª Zona Eleitoral. O cartório, que antes estava instalado no Fórum da cidade, vai para a Rua Montes Claros, 268, no Bairro de Santa Tereza, em imóvel de 147,14m² de área construída.
Na terça-feira, é a vez da cidade de Nova Serrana, no Oeste de Minas, receber a nova sede da 298ª Zona Eleitoral. A solenidade será às 14h, no imóvel que tem 102m², onde será instalada a sede do Cartório. O endereço é Rua São José, 86, Centro.
Às 17h, na terça-feira, Divinópolis, no Centro-Oeste mineiro, recebe o novo Fórum Regional Eleitoral, que será sede da 103ª Zona Eleitoral. O imóvel tem 667,98m² de área construída e fica no Centro da cidade, na Rua Pernambuco, 299. A nova sede vai homenagear o advogado Simão Salomé, que nasceu no município de Cláudio, mas tornou-se Cidadão Honorário de Divinópolis, onde atuou como jurista e participou ativamente da vida social, cultural e política da cidade.
A cidade de Ubá, na Zona da Mata mineira, recebe a sede da 275ª Zona Eleitoral na quarta-feira. O evento será às 17h, na Avenida Governador Valadares, 786, no Centro da cidade, no mesmo local onde será instalado o novo Cartório Eleitoral. O imóvel tem 344,79 m² de área construída.
Na última semana de janeiro, as cidades de Muriaé, Carangola, Timóteo, Unaí, Buritis, Três Corações, Perdizes e Araxá receberam novas sedes de cartórios eleitorais. Ainda essa semana, o presidente do TRE-MG assina Termo de Cessão de imóvel em Contagem e inaugura o novo Centro de Treinamento da Justiça Eleitoral.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Homem fica ferido em acidente envolvendo 3 veículos em Pirapora

Um homem de 33 anos ficou gravemente ferido em um acidente na BR-365, próximo a Barra do Guacuí, em Pirapora, Norte de Minas Gerais, nesta sexta-feira (31).
De acordo com o Corpo de Bombeiros, o acidente envolveu três veículos, um carro com placa de Monte Carmelo (MG), uma carreta de e uma caminhonete com placas de Montes Claros (MG).
O motorista do caminhão informou aos bombeiros que o carro estava tentando ultrapassar a caminhonete, quando o condutor perdeu o controle da direção, rodou na pista e atingiu a carreta, que vinha em sentido contrário.
Ainda segundo os bombeiros, a vítima que ficou gravemente ferida é motorista do carro. Ele foi retirado das ferragens, socorrido e encaminhado para um hospital em Pirapora.
A pista ficou parcialmente interditada por três horas, mas no fim da manhã desta sexta-feira o tráfego de veículos já flui normalmente.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

sexta-feira, 31 de janeiro de 2014

Com barragens cheias, Norte de Minas já se prepara para período de seca

Barragem de Tremedal, em Monte Azul, no extremo Norte do estado, há 15 dias (acima), e em junho de 2013, quando era apenas um lamaçal (abaixo). Falta de barragens na região é problema
(Por Luiz Ribeiro) Depois de enfrentar uma das piores secas da história, que começou em 2012 e se estendeu por quase todo ano de 2013, comunidades do Norte de Minas tiveram um grande alívio com as chuvas de dezembro. Barragens e rios que estavam esturricados ficaram cheios, amenizando o sofrimento da falta de água. As comunidades comemoram o fim do sofrimento. Contudo, sabem que o grande desafio é “segurar” a água da chuva para evitar que o drama se repita no período crucial da estiagem, entre julho e setembro. Uma das deficiências da região é a falta de barragens. O assoreamento e a poluição de rios e córregos é outro problema. Monte Azul, no extremo Norte do estado, foi um dos municípios que mais sofreram com a “seca brava” de 2012 e 2013. A barragem do Rio Tremedal, que abastece a cidade, ficou vazia, e durante seis meses todos os 22 mil habitantes receberam água de 33 caminhões-pipa (23 da Copasa e 10 do Exército).  A água foi captada em barragens dos municípios de Espinosa e Porteirinha e faziam o transporte até a estação de tratamento de água de Monte Azul, que, após ser tratada, chegava às casas. Os 4 mil moradores de 54 comunidades rurais foram atendidos diretamente pelo serviço.
As dificuldades no abastecimento foram amenizadas em dezembro, quando a barragem se encheu e transbordou. O prefeito de Monte Azul, José Edvaldo Antunes de Souza (PP), afirma que fazia quatro anos que a barragem de Tremedal não acumulava tanta água. “Agora, a barragem cheia pode garantir o fornecimento de água para o município por pelo menos dois anos”, diz Antunes. Ele reconhece que somente será possível evitar que a falta de água venha a se repetir com a construção de outras represas na região. Há um projeto para a construção de uma barragem no Rio Canabrava, a 18 quilômetros da sede, mas sua execução depende da liberação de recursos federais. Para amenizar o problema do desabastecimento no período crítico da estiagem, estão sendo perfurados e equipados 22 poços tubulares na zona rural.

COMEMORAÇÃO 
A volta das águas é comemorada pelo agricultor Luiz Francisco dos Santos, presidente do Conselho do Desenvolvimento Comunitário de Poções, localidade da zona rural de Monte Azul, que reúne 104 famílias. “No ano passado, enfrentamos uma seca brava demais. A água acabou. Não teve mais serviço e todos os jovens saíram para trabalhar em outras regiões. Foi a pior estiagem que já vi”, afirma Santos. “Com a chuva de dezembro, melhorou 100%”, diz. O líder comunitário vê a construção de barragens como necessária, mas, para impedir que o drama se repita, para ele é preciso investimento na preservação ambiental, para a recuperação das nascentes e despoluição dos rios, para que eles voltem a correr, cheios e limpos. “Muitos córregos foram assoreados. Antigamente não era assim. A gente abria um buraco no meio da roça e minava água. Hoje, a água sumiu. O Rio Ramalhudo, que corta Poções, voltou a correr, mas a água não pode ser consumida por receber esgoto da cidade de Monte Azul. Há um poço tubular na comunidade, mas a água é salobra (salgada). As famílias de Poções, mesmo agora, continuam sendo abastecidas por caminhões-pipa do Exército. Os 6, 7 mil moradores Mamonas (cidade vizinha a Monte Azul) também tiveram que ser abastecidos por caminhões-pipa durante todo o período da seca prolongada de 2012 e 2013, pois a barragem que atende o município ficou “na terra”. Com as chuvas de dezembro, ela se encheu. “A nossa expectativa é de que a água armazenada seja suficiente para atravessar a próxima seca”, diz Eleide Maria Teixeira, chefe do serviço de abastecimento de água da Prefeitura de Mamonas.


EXPECTATIVA 
As últimas chuvas foram recebidas com alívio em Taiobeiras (30 mil habitantes), no Norte de Minas, na microrregião do Alto Rio Pardo. A população do município é abastecida com a água captada pela Copasa em dois barramentos (“soleiras de nível” construídos no Rio Pardo). Porém, em agosto do ano passado, os níveis do rio e dos reservatórios baixaram muito e a estatal se viu obrigada a recorrer aos carros-pipa para atender os moradores. O abastecimento somente foi normalizado com as chuvas de dezembro, com a cheia do Rio Pardo.
O gerente da Copasa em Taiobeiras, Deusdete Rocha, salienta que a expectativa é que venha a chover mais para garantir a tranquilidade no abastecimento no período da estiagem prolongada. Ele informou que a Copasa está construindo, no Rio Pardo, outro barramento, feito no leito do manancial, em que água passa por cima de um barramento de concreto, obedecendo ao nível normal do rio. Deusdete Rocha ressalta que a solução definitiva para o abastecimento de a água de Taiobeiras e cidades vizinhas somente será garantida com a construção da barragem de Berizal, obra do governo federal iniciada há 15 anos e que teve 70% dos serviços executados, mas está paralisada há mais de 10 anos por causa de problemas de licenciamento ambiental e da falta de liberação de recursos.

Justiça sequestra bens de ex-prefeito de Guaraciama-MG

A Justiça mineira determinou o sequestro de todos os bens do ex-prefeito Francisco Adevaldo Soares Praes (DEM) de Guaraciama, no norte de Minas, por causa de diversas ações cíveis e criminais a que o político responde. Porém, a medida exclui animais que o acusado cria, pois, segundo o juiz Renan de Oliveira Rocha, da comarca de Bocaiúva, a "apreensão das reses demanda a existência de local apropriado para sua manutenção por prazo indeterminado". Para o magistrado, o confisco de animais não é "razoável" nem "eficaz para os fins visados".
O democrata, que tentou sem sucesso a reeleição em 2012, já foi condenado em ações nas justiças federal e estadual, teve os direitos políticos suspensos e foi sentenciado, junto com funcionários do município e empresários, ao ressarcimento de R$ 255 mil aos cofres públicos, além de multa. Porém, segundo o Ministério Público Estadual (MPE), ele tenta "ocultar" o patrimônio. Para embasar o pedido de sequestro liminar dos bens, o MPE usou as declarações patrimoniais feitas por Adevaldo à Justiça Eleitoral.
Elas mostram que, entre 1996 e 2008, houve evolução dos bens de R$ 28,5 mil para mais de R$ 3 milhões, sendo que os salários acumulados em todos seus mandatos somariam R$ 450 mil. Em 2012, o patrimônio declarado pelo político caiu para R$ 932 mil. "O réu está a dilapidar o patrimônio com o fim de se esquivar das condenações advindas das ações judiciais as quais responde", afirmou o Ministério Público, segundo o qual ele pode ter que ressarcir pelo menos R$ 850 mil aos cofres públicos por causa de desvios no município de aproximadamente 5 mil habitantes.
Para o juiz Renan Rocha, as evidências mostram "efetiva ocorrência de desvio" de verbas e risco de "concreta dilapidação ou ocultação de patrimônio" para "dissipar os bens amealhados com os desvios de dinheiro público". "Há de ser decretado o sequestro dos bens do réu em patamar suficiente para a reparação do dano ao erário. (Mas) importa ressaltar que o sequestro dos semoventes apontados na inicial não se revela medida viável", afirmou o magistrado, em sentença do último dia 27, usando termo jurídico para definir animais de criação como gado e cavalos, que tenham valor para transações comerciais.
A reportagem não conseguiu localizar Adevaldo nesta quinta-feira, 30, no telefone que consta como de sua residência. O ex-prefeito ainda pode recorrer da decisão.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Dois homens são presos suspeitos de roubo de cargas em S. J. da Ponte

Suspeitos estariam revendendo a mercadoria em cidades da região. (Foto: Valdivan Veloso/G1)

(G1) Duas pessoas foram presas nesta quinta-feira (30) suspeitos de envolvimento com roubo de cargas em São João da Ponte, Norte de Minas Gerais. Segundo a Polícia Militar, com os suspeitos foi encontrada uma carreta, com uma carga avaliada em aproximadamente R$ 260 mil, e cerca de R$ 900.
A carreta transportava uma carga de Contagem (MG) para Feira de Santana (BA). Ela teria sido roubada no dia 27 de janeiro e escondida em uma mata no distrito de Bom Jardim, a cerca de 70 quilômetros de Montes Claros. Os suspeitos utilizavam um caminhão caçamba para retirar a carga do veículo.
Segundo o tenente Edson Faustino, há suspeitas de que a carga estava sendo comercializada na região.
“Esta é uma carga bem diversificada, com eletrodomésticos, ferramentas e outros. Eles usavam uma caçamba para não chamar tanto a atenção. Temos fortes indícios de que eles vendiam este material aqui mesmo na região”, afirma.
Na ocorrência foram presos Alexandre Fabian Cordeiro, de 42 anos, e Alexandre Coelho Soares, de 25 anos. O dono do caminhão caçamba Cláudio Medeiros de Assis, de 36 anos, é considerado foragido pela polícia.
“Inclusive ele tem quatro passagens por sumiço de cargas. Nesta operação ele será incluído como co-autor no crime”, afirma Faustino.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

quinta-feira, 30 de janeiro de 2014

Espaço Cultural abre inscrições para cursos de iniciação em artes

JANAÚBA (AC/PMJ) - A Prefeitura de Janaúba, através da Coordenação municipal de Cultura, anunciou esta semana a abertura das inscrições para os cursos de iniciação em artes em 2014. Os cursos vão acontecer no Espaço Cultural Central do Brasil, na Avenida Brasil, onde também funciona a biblioteca pública municipal. As informações são do coordenador de Cultura, Ney Barbosa. De acordo com ele, os cursos são os seguintes: Violão, Bordados, Pinturas em tela, Informática, Crochê, Corte e costura Cerâmica e Artesanato em madeira. Ainda de acordo com Ney Barbosa, os cursos devem atender em média 800 pessoas, e têm duração de seis meses. Os cursos iniciam dia 10 próximo em três turnos: manhã, tarde e noite.

Parceria entre prefeitura e Codevasf, garante poço tubular em asilo janaubense

JANAÚBA (AC/PMJ) - Uma parceria entre a Prefeitura de Janaúba e a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e Parnaíba (Codevasf) viabilizou a abertura de um poço tubular nas dependências do Asilo São Vicente de Paulo, localizado no bairro Dente Grande.
A parceria é significa mais água de qualidade aos seus internos e representa uma economia de R$ 2 mil ao mês nas contas de água da referida instituição. As informações são do secretário de Obras do município de Janaúba, Dailton dos Santos. Ele avaliou como sendo de tamanha relevância social a iniciativa para o asilo, que envolveu ações da municipalidade e Codevasf.
Na inauguração, várias autoridades estiveram presentes entre elas, o prefeito Yuji Yamada (PRP), o vice, Rodrigo Rodrigues (PMDB), deputado federal, Saraiva Felipe (PMDB), secretários municipais, Euller Rodrigues (Promoção Social), José Cláudio Viana de Azevedo (Agronegócio), vereadores Adauri Cordeiro (PMDB), Felipe Franklin (PMDB), Leobino Antunes de Bem (PSC), Juscimar Reis Glamelichi Mosquém (PMDB), o presidente do asilo, Expedido Rodrigues, empresários entre outros convidados.
O poço tubular que possui vazão considerável vai reforçar o abastecimento de água do asilo, e em caso de necessidade terá condições para atender também ao próprio bairro Dente Grande, afirmou Dailton dos Santos, Secretário de Obras janaubense. Ainda informou o secretário, que o poço perfurado e equipado está orçado em R$ 20 mil. O recurso que garantiu a sua aquisição é oriundo do Ministério da Integração Nacional, pasta do governo federal.

“Janaúba Folia” deve atrair 10 mil visitantes e movimentar R$ 5 milhões

JANAÚBA (AC/PMJ) - Janaúba, principal município da microrregião da Serra Geral de Minas, e a segunda maior cidade do Norte do estado se prepara para sediar um dos melhores carnavais de Minas. Trata-se do “Janaúba Folia”, que vem com um novo formato. O carnaval 2014 de Janaúba, segundo os organizadores vêm com proposta diferente e arrojada o que fará da folia momesca a mais quente de Minas Gerais. Para tanto, a Prefeitura trabalha com as melhores expectativas sem medir esforços para resgatar o carnaval que já tem data e local, definidos. Será entre os dias 1º a 4 de março, e terá como palco a avenida Edilson Brandão Guimarães (Beira Rio) circuito fechado com muita organização e segurança.
De acordo com informações da Assessoria da Prefeitura do Município de Janaúba, a expectativa é de que a cidade receba nos quatro dias de folia, em média 10 mil visitantes. Isso somado ao volume de foliões da cidade, a movimentação esperada na avenida por noite, será de 20 mil pessoas.

GERAÇÃO DE EMPREGO E RENDA
A Prefeitura ainda informa que cerca de 400 empregos diretos e temporários sejam gerados, durante a festa, distribuídos na montagem, desmontagem, segurança particular dos foliões, barracas entre outros serviços. Com isso, a assessoria da Prefeitura janaubense se diz otimista e acredita que o evento movimente cerca de R$ 5 milhões de reais no comércio local nos quatro dias de festa, incrementando o faturamento de hotéis, supermercados, bares, lanchonetes, lojas de calçados e confecções, postos de combustíveis, taxistas, entre outros segmentos econômicos.
Durante os quatro dias de folia, os foliões contarão com o som de um potente trio elétrico, que conduzirá as atrações: Léo Santana e a Banda Parangolé, João Bosco e Vinícius (elétrico) e Buiu e Banda.
Vale ressaltar que o carnaval, além de injetar mais dinheiro na economia do município, também representa a geração de receita e inúmeras vagas de empregos na cidade, já que o evento recebe turistas de várias cidades de Minas e até de outros estados brasileiros.

INFRAESTRUTURA
Para que o carnaval seja um sucesso de público e organização, a Prefeitura Municipal trabalha no sentido de reunir todos os esforços e apoio logístico e necessários ao evento. Assim, uma grande infraestrutura está sendo montada para dar suporte aos quatro dias de festa na Avenida Beira Rio, Praia do Copo Sujo, Ilha de Caiçara que receberão atenção especial da prefeitura, entre outros pontos turísticos do município.
A realização do Janaúba Folia é da Prefeitura em parceria com a empresa Ladeia Produções e Cia Promoções.

Adolescente viaja cerca de 180 km para retirar peça de trator do dedo

Um adolescente procurou o Corpo de Bombeiros, na tarde desta quinta-feira (30), para retirar uma peça metálica de trator, semelhante a um anel, que ele havia colocado no dedo e não estava conseguindo retirar. O jovem é morador de São Francisco, no Norte de Minas, e viajou cerca de 180 km para obter ajuda em Montes Claros.
Devido ao inchaço causado pelas tentativas de retirada da peça, o padrasto do adolescente procurou ajuda. Após analisar da situação, uma equipe de socorristas efetuou a retirada do anel.
Os bombeiros alertam para que as pessoas fiquem atentas ao uso de adornos, joias e até mesmo peças metálicas, já que são inúmeros os casos de pessoas que procuram a Corporação para solucionar casos como esse.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Queda em poço deixa três pessoas gravemente feridas, em Taiobeiras

Três pessoas ficaram gravemente feridas ao cair em um poço de cerca de 30 metros de profundidade, por volta das 18h45 desta segunda-feira, 27/01, na comunidade, zona rural de Taiobeiras, no Norte de Minas.
Rafael Ramos da Cruz, 51 anos sofreu um corte contuso no rosto, fratura exposta na mão e dor em coluna lombar. Fernando Antônio dos Santos, 30 anos, sofreu trauma coluna com perda de movimentos e sensibilidade em membros inferiores, lesão e corte contuso no antebraço e punho, e Camille Sabrine Santos Souza, 07 anos, sofreu TCE e corte contuso na região lombar.
Os feridos foram atendidos pela unidade do SAMU de Taiobeiras e, após serem estabilizados, foram encaminhados ao hospital Santo Antônio, de Taiobeiras.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Homem preso em São Francisco, que mutilou mulher na frente de crianças é apresentado

Foi apresentado na tarde desta quarta-feira (28) o homem suspeito de mutilar a sua companheira na frente de duas filhas da vítima, no bairro Vista Alegre, em Esmeraldas, na região metropolitana de Belo Horizonte. Kênia de Oliveira, de 32 anos, foi morta a golpes de facão no último dia 18 de janeiro. 
De acordo com a Polícia Civil (PC), a mulher teve a orelha decepada, os braços e pernas quebrados, além de sofrer vários cortes profundos por todo o corpo.  De acordo com uma irmã da vítima, que não quis ter o nome publicado, as duas filhas do casal de 3 e 9 anos, presenciaram o momento em que o padrasto delas, Rafael Oliveira Ferreira, 22, cometeu o crime.
“Elas viram e saíram correndo para ir até a casa da nossa outra irmã, que mora na região. Andaram uns 25 minutos no escuro, sozinhas. Ela contaram que a Kênia chegou a dizer ‘filha, vai atrás da tia que a mamãe tá muito machucada’”, detalhou a irmã da vítima. Quando as garotas chegaram que contaram à tia, o marido dela foi até a casa e encontrou a vítima toda machucada.
“Parece que foram 17 golpes de facão, um na cabeça. Ela estava consciente, caída no chão, quando eles chegaram na casa. Depois disso ela foi levada para o Hospital Regional de Betim, onde ficou em coma e morreu na segunda-feira (20) pela manhã”, lembrou.
Ainda de acordo com a irmã de Kênia, a mãe delas esteve na casa do casal dias antes e não notou nada de anormal. “Disse que ele bebia um pouco, mas era um cara muito calmo. Era alto e forte, mas com aparência muito calma. Estavam juntos há cerca de seis meses”, relatou a familiar.
Os parentes não sabem dizer se o motivo do crime foi ciúmes, mas que a irmã já havia reclamado que não estava trabalhando e que o suspeito negava de comprar coisas para as filhas. “Uma moça que trabalhava na casa deles contou que dois dias antes do crime o Rafael teria batido no rosto da garota de quatro anos, e que a Kênia não tinha aceitado isso. Pode ter relação”, disse.
Prisão
Ainda segundo a PC, o suspeito foi preso no sábado (25) enquanto dormia na casa de sua tia em São Francisco, no Norte do Estado, para onde fugiu após cometer o crime. Ao ser preso, o suspeito  não demonstrou estar arrependido e confessou o crime, alegando que agiu em legítima defesa. O homem, que não tinha ferimentos, disse que a vítima era agressiva e que já teria apanhado dela.
Ferreira está preso no Centro de Remanejamento de Presos (Ceresp) da Gameleira, em Belo Horizonte. “Agora, só de saber que ele está preso já alivia o sentimento de toda a nossa família. Porque ele arrancou um pedaço da gente, mas pelo menos agora a justiça foi feita”, finalizou a irmã.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Ex-prefeito de São João das Missões é condenado por improbidade

Transitou em julgado, não cabendo mais recursos, a decisão judicial que condenou o ex-prefeito de São João das Missões (foto), Ivan de Sousa Correa (PR), o “Correinha”, por improbidade administrativa.
O Tribunal Regional Federal da 1ª Região, com sede em Brasília (DF), não acatou o recurso de apelação que havia sido interposto pelo político em face da sentença condenatória de primeiro grau, proferida pelo Juiz Federal Carlos Henrique Borlido Haddad, da 1ª Vara Federal de Montes Claros, em junho de 2012.
Correinha foi acusado pelo Ministério Público Federal de desviar recursos do Programa de Incentivo à Atenção Básica aos Povos Indígenas, transferidos ao Fundo Municipal de Saúde de São João das Missões pelo Fundo Nacional de Saúde (FNS), no período de janeiro de 2002 a abril de 2004.
Segundo o MPF, os recursos, no total de R$ 1,4 milhão, destinavam-se a apoiar a implantação de agente de saúde indígena e de equipes municipais para atenção à saúde das comunidades indígenas. São João das Missões, com 11,7 mil habitantes, é um dos mais pobres municípios da região norte de Minas Gerais. Parte considerável do seu território é área indígena ocupada pela etnia Xacriabá.
Em sua defesa, o político alegou que não houve malversação dos recursos. Admitiu que desviou parte do dinheiro para pagamento de outras despesas do município e que a maior parte foi usada na reforma e construção de postos de saúde. Alegou que poderia aplicar o dinheiro com discricionariedade, porque não estaria vinculado a nenhum convênio.
Ivan de Sousa Correa foi prefeito de São João das Missões por dois mandatos (2000-2004 e 2004-2009). Para o Juiz Federal Carlos Henrique Borlido Haddad, “é fato incontroverso” que ele desviou parte dos recursos recebidos à época, “no montante de R$ 167,8 mil”. Diante disso, segundo o magistrado, “resta claro que a conduta importou em lesão ao erário”.
Além da condenação por ato de improbidade, o juiz levou em consideração “a extensão da lesão gerada ao erário” para aplicar ao político multa no valor de R$ 20 mil, além do ressarcimento integral do dano, no total de R$ 167,8 mil, corrigido desde janeiro de 2002 até a data do pagamento.
Correinha também está proibido de contratar com o Poder Público, receber benefícios fiscais ou creditícios pelo prazo de cinco anos, e teve seus direitos políticos suspensos por seis anos, o que o deixará impedido de disputar eleições até 2020.
Leia a íntegra das decisões de 1ª e 2º graus clicando aqui.
Por Fábio Oliva

quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

Motoristas protestam e pedem melhorias na MG-161 no Norte de MG

Rodovia está interditada desde às 6h. (Foto: Adson Lima)
Cerca de 80 motoristas fecharam na manhã desta quarta-feira (29) a rodovia MG-161, que liga São Francisco a São Romão, no Norte de Minas Gerais.  Eles reclamam da situação da rodovia e também das estradas vicinais na região.
Outra reivindicação dos caminhoneiros é a reabertura do abatedor que foi fechado há cerca de oito meses pelo Ministério Público.
“Cerca de 60% da fonte de renda do município vem da pecuária de corte e de leite. Queríamos que a prefeitura, Ministério Público e o abatedor entrassem em acordo para manter o funcionamento até que seja tudo normalizado ou construído um novo”, explica o morador Tarcísio Almeida.
A manifestação iniciou por volta das 6h e seguiu durante todo o dia.
Em nota, o Departamento de Estradas e Rodagens (DER) informou que a rodovia MG-161está no programa Caminhos de Minas. Segundo o Departamento, o projeto para as melhorias na rodovia já foi concluído e aguarda a emissão da ordem de serviço de pavimentação.
Ainda segundo o DER, atualmente são realizados trabalhos de manutenção, principalmente, nos locais mais afetados da rodovia.
O Ministério Público não quis comentar o assunto.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Frigorífico Kaiowa em Janaúba vai a leilão nesta quinta-feira

A unidade de Presidente Venceslau do Frigorífico Kaiowa S/A vai a leilão nesta quinta-feira (30) com lance mínimo de R$ 51.535.643,23, que pode ser feito presencialmente ou pela internet a partir das 14h. Também no município, pode ser arrematado uma fábrica de charque avaliada em R$ 624.306,35. O leilão ocorre junto com outras quatro propriedades do grupo localizadas em Guarulhos (SP), Janaúba (MG), Pires do Rio (GO) e Anastácio (MS), avaliadas em R$ 173.027.862,25, junto com a venceslauense.
Os lances podem ser feitos no lote que une todos os lotes ou individualmente. “A proposta que oferecer a maior arrecadação leva, seja pela totalidade ou por casa unidade. Após a homologação da Justiça, o depósito do valor é feito em conta judicial para pagamento dos credores da empresa”, explica o administrador judicial da massa falida, Amador Bueno.
Caso os lotes não sejam arrematados, outro leilão deve ser aberto assim que o primeiro terminar. Os lances poderão ser dados, também online ou na sede da empresa Zukerman Leilões, ligada ao Tribunal de Justiça, até o dia 20 de fevereiro, conforme determina o edital expedido pela juíza Jacira Jacinto da Silva, da 16ª Vara Cível da Comarca de São Paulo.
Quem arrematar o frigorífico de Presidente Venceslau, localizada no km 619 da Rodovia Raposo Tavares, terá uma área total de 367.547.94 metros quadrados, com 57.004,73 de área construída, que abrangem 54 itens descriminados, incluindo um grêmio para funcionários com quadras esportivas, campo de futebol e área de lazer.
Já a charqueada, que fica na mesma via, tem 331.055,05 metros quadrados, com residência, galpão de oficina e edificações e benfeitorias sem valor comercial.
Com falência decretada desde 1997, a unidade, de acordo com a Prefeitura de Presidente Venceslau, chegou a ter 1.200 funcionários e era importante fonte de empregos. Ainda conforme a administração municipal, há 12 interessados em arrematar o frigorífico.
A empresa responsável pelo fica na Avenida Angélica, nº 1.996, no 3ª andar, em Higienópolis, na capital paulista, e, conforme Bueno, qualquer pessoa pode participar. Segundo o edital, o depósito da quantia ofertada deve ser depositado em até 24 horas depois do leilão.
Os lotes de Anastácio, Guarulhos, Janaúba e Pires do Rio estão avaliados, respectivamente, em R$ 28.263.302,17, R$ 34.223.206,09, R$ 43.169.795,55 e R$ 15.211.608,75.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Rapaz de 21 anos e menor de 15 são detidos por tráfico em São Francisco

Um homem de 21 anos foi preso e um menor de 15 apreendido em São Francisco, Norte de Minas Gerais, suspeitos de tráfico de drogas, na noite desta terça-feira (29).
Os dois foram detidos pela Polícia Militar no Bairro Sagrada Família. Com eles a PM apreendeu maconha e crack, além de R$ 118. Os dois foram encaminhados para a Polícia Civil em Januária (MG).


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

terça-feira, 28 de janeiro de 2014

Serviço de Oncologia pode se tornar realidade em Janaúba

JANAÚBA (Por Fernando Lucas) -- A presença, no final da semana passada, do deputado estadual Arlen Santiago em Janaúba serviu para deixar um alento aos pacientes de câncer locais e da região da Serra Geral de Minas. Segundo o parlamentar, que esteve na cidade atendendo convite da direção local do PTB (Partido Trabalhista Brasileiro), ali representado pelo vice-presidente do partido, vereador Armando Peninha Batista e pelo empresário Antônio Guimarães Correia (Jaburu), a possibilidade de implantação de um serviço de Oncologia na cidade, apesar de não ser fácil, é real.
Na oportunidade, entre diversos temas abordados, o deputado Arlen explicou que para a concretização deste sonho, seria necessário a intervenção do Poder Público local, de alguma unidade hospitalar da cidade e de uma parceria com algum hospital de Montes Claros que já possui o serviço. Ele deu como exemplo o atendimento do hospital Dilson Godinho, onde atua regularmente atendendo pacientes de todo o Norte de Minas e até do Sul da Bahia.
“Não é fácil a implantação de um serviço de Oncologia, pois é dispendioso financeiramente com aquisição de equipamentos e medicamentos e demanda de muitos profissionais da área. Mas também não é impossível. Estamos dispostos a batalhar por esta bandeira, desde que as lideranças locais se manifestem interessados e se disponham a nos ajudar”, destacou o deputado, salientando que recebeu um pedido para implantação deste serviço por um vereador local, naquele mesmo dia.
DEMANDA -- Atualmente, segundo informações obtidas pelo JORNAL DA SERRA GERAL, com a costumeira exclusividade, são cerca de 400 pacientes em Janaúba que se deslocam para Montes Claros diariamente para o tratamento de câncer. Se forem contabilizados os pacientes de outras cidades da região da Serra Geral que utilizam o serviço em Montes Claros, e que pensam pela cidade, este número seria bem superior.
Com a possível implantação do serviço de Oncologia em Janaúba, esta distância seria substancialmente reduzida, favorecendo uma melhor qualidade de tratamento para estes pacientes que ainda se livrariam dos riscos inerentes destas viagens.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Justiça bloqueia R$ 200 milhões de grupo que grilava terras no Norte de Minas Gerais e Jequitinhonha

A Justiça determinou o bloqueio de R$ 200 milhões em bens do ex-secretário de Regularização Fundiária Manoel Costa (PDT) e de outros oito réus por apropriação ilícita de terras pertencentes ao Estado.
Também foram autorizadas a quebra dos sigilos bancário e fiscal dos envolvidos, busca e apreensão em suas residências e escritórios, além de perda imediata de suas funções públicas. 
O juiz Mauro Pena Rocha, da Vara Fazendária estadual, também determinou ao Instituto de Terras (Iter) a suspensão de todos os procedimentos que buscam legitimar e regularizar as terras públicas localizadas em São João do Paraíso, Ninheiras, Rio Pardo de Minas, Vargem Grande do Rio Pardo, Indaiabira e Santo Antônio do Retiro, todas no Norte de Minas. 
A decisão em caráter liminar é referente a uma ação civil pública decorrentes da Operação Grilo deflagrada pela Polícia Federal (PF) e pelo Ministério Público em 2012. 
Os réus são acusados de participar de um esquema de grilagem de terras que, posteriormente, eram vendidas a mineradoras interessadas em jazidas naquela região. 
“Da análise dos documentos juntados aos autos constata-se num primeiro momento que entre janeiro de 2007 e agosto de 2011 houve por parte dos réus ganhos de R$ 200 milhões, por meio de negociações de títulos agrários; durante o inquérito conduzido pelo Ministério Público restou demonstrada uma grande quantidade de transações financeiras nas contas de vários dos envolvidos e pessoas a eles vinculadas, indicando evolução patrimonial incompatível com suas atividades”, registrou o juiz em seu despacho.

Cabeça do grupo 

O ex-secretário de Regularização Fundiária Manoel Costa seria, de acordo com investigação da Polícia Federal, um dos cabeças do grupo. 
Na ocasião foi encontrada uma arma não registrada em sua casa durante cumprimento de mandado de busca e apreensão. Foram cumpridos dez mandados de prisão temporária e 22 de busca e apreensão. 
Na época em que a Operação Grilo foi deflagrada, o governador Antonio Anastasia (PSDB) exonerou Manoel Costa do cargo. Toda a direção do Iter também foi afastada. 
Na presente ação, também são réus os ex-prefeitos Marcus Tácito Penalva e Virgílio Tácito Penalva; ex-funcionário do Iter Evandro Carvalho; Altemar Ferreira; o engenheiro Breno Rodrigues Mendes; Marcos Gonçalves; o ex-policial Douglas Moisés; e a Floresta Empreendimentos Ltda. 
A empresa Floresta possui mais de 98% do seu capital pertencente à Sunrise Participações, cujo capital social está registrado em nome da Wiles Internacional S/A, com sede em Montevidéu. 
Segundo investigação do Ministério Público, ela “abriga parte dos volumosos recursos públicos desviados ou subtraídos das administrações públicas do Brasil”, conforme trecho da ação do MP.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Ex-prefeito de Pirapora sofre nova derrota na Justiça e agora está inelegível

Acusado de fraudes em licitações, Warmillon está preso desde julho na Penitenciária Nelson Hungria
(Por Maria Clara Prates) Preso desde julho na Penitenciária Nelson Hungria, o ex-prefeito de Pirapora, no Norte de Minas, Warmillon Fonseca Braga (DEM) sofreu mais uma derrota na Justiça, que o tornou inelegível com base na Lei Ficha Limpa. Uma decisão colegiada põe fim definitivamente às pretensões do político de se candidatar a uma cadeira na Assembleia Legislativa de Minas nas próximas eleições. O Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1) negou, por unanimidade, o recurso contra sentença do juiz federal de Montes Claros, Alexey Süüsmann Pere, que o condenou a ressarcir aos cofres públicos quase R$ 100 mil, além de o tornar inelegível por cinco anos.
Nesse caso, Warmillon – que coleciona centenas de processos por improbidade administrativa – é acusado de desviar recursos de convênio da Fundação Nacional da Saúde (Funasa) para construção de banheiros, em 1998, quando ainda administrava Lagoa dos Patos, também na Região Norte. Em seu voto, a desembargadora relatora da 3ª Turma do TRF-1, Mônica Sifuentes, disse que documentos apresentados pelo Ministério Público confirmam “a prática de ato de improbidade por parte do apelante, que na qualidade de prefeito do município de Lagoa dos Patos deixou de cumprir o Convênio 740/98, firmado com a Funasa, acarretando prejuízo ao erário”. O político ganhou notoriedade também por ter se tornado um prefeito itinerante, administrando Lagoa dos Patos e Pirapora, durante 16 anos.
Para a juíza, está evidenciado ainda que houve favorecimento à empresa responsável pela construção dos 121 banheiros na cidade. “Causa mais estranheza ainda o fato de que a empresa contratada diretamente para realizar a construção do objeto estipulado era uma empresa de fachada, que fornecia diversas notas ‘frias’ para vários municípios, inclusive para Lagoa dos Patos, consoante se depreende da leitura do depoimento prestado na esfera administrativa pelo então responsável pela aludida empresa, Cláudio Soares Silva”, afirmou.
No seu voto, Mônica Sifuentes também considerou que Warmillon agiu com dolo. “No tocante à configuração do dolo, tenho que este restou devidamente comprovado, considerando que o próprio apelante tinha conhecimento da ausência dos tanques sépticos necessários para o funcionamento das unidades sanitárias, tendo mesmo assim prestado contas do convênio, informando falsamente que o objeto do contrato teria sido regularmente cumprido da forma como previsto no plano de trabalho.”

FRAUDES 
O político foi preso durante a Operação Violência Invisível, que desarticulou uma organização criminosa que desviava recursos públicos de mais de uma centena de cidades de Minas Gerais, Espírito Santo, São Paulo, Pará, Sergipe, Santa Catarina, Rio de Janeiro, Pernambuco, Paraíba, Maranhão e Bahia. Segundo a Polícia Federal, o desvio do dinheiro ocorria por meio de fraudes em processos licitatórios destinados à aquisição de precatórios judiciais, de acordo com a Polícia Federal.

O que diz a Lei Ficha Limpa

Art. 1º São inelegíveis:

I - para qualquer cargo:

h) os detentores de cargo na administração pública direta, indireta ou fundacional, que beneficiarem a si ou a terceiros, pelo abuso do poder econômico ou político, que forem condenados em decisão transitada em julgado ou proferida por órgão judicial colegiado, para a eleição na qual concorrem ou tenham sido diplomados, bem como para as que se realizarem nos 8 (oito) anos seguintes;

l) os que forem condenados à suspensão dos direitos políticos, em decisão transitada em julgado ou proferida por órgão judicial colegiado, por ato doloso de improbidade administrativa que importe lesão ao patrimônio público e enriquecimento ilícito, desde a condenação ou o trânsito em julgado até o transcurso do prazo de 8 (oito) anos após o cumprimento da pena;

segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

Pessoa desaparecida é encontrada em São João das Missões

O senhor Carlos Alexandre Caetano de 35 anos , que se encontrava desaparecido desde o dia 24/01 em São João das Missões, Norte de Minas, foi localizado por populares na manhã desta segunda-feira(27). 
Uma equipe de Busca e Salvamento de bombeiros do 7º Batalhão em Montes Claros chegou a se deslocar para o local, quando já no município de Januária, foram informados que a vítima já tinha sido localizada com vida, cancelando o empenho dos bombeiros de Montes Claros.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Índios Xakriabá têm 30 dias para desocupar fazenda São Judas Tadeu em Itacarambi

A 5.ª Turma do TRF da 1.ª Região estipulou prazo de 30 dias para os cerca de 500 índios desocuparem uma fazenda invadida em setembro do ano passado no município de Itacarambi, Norte de Minas. 
O grupo, que teve o recurso negado, quer a posse das terras por entender que a fazenda integra uma área de aproximadamente 46 mil hectares tradicionalmente ocupada pela etnia Xakriabá. 
A decisão é favorável aos proprietários da fazenda e ratifica liminar expedida pela 2.ª Vara Federal em Montes Claros, que reconheceu haver indefinição quanto à demarcação correta da terra indígena. 
No processo, os fazendeiros afirmam que os índios invadiram a propriedade “fortemente armados”. Já a Funai, que também é parte no processo, diz que “a permanência dos indígenas na área em litígio seria adequada à proteção de seus direitos fundamentais, notadamente, porque já teriam sido realizados estudos antropológicos e fundiários com a finalidade de revisão dos limites da terra indígena Xakriabá”.
A etnia foi reconhecida pelo Estado em 1987 – inicialmente em uma área de 10 mil hectares, sem acesso à água –, mas o Ministério Público Federal (MPF) aponta que o decreto que homologou sua demarcação não foi precedido dos estudos de fundamentação antropológica e nem orientado pelas concepções de tradicionalidade das terras indígenas, asseguradas no artigo 231 da Constituição Federal. “Nesse contexto, foram excluídas parcelas significativas do Território Xakriabá”, defende o MPF… O magistrado observou, no voto, que nenhuma prova colhida, até agora, confirma a tradicionalidade alegada pelos índios. 
Para o relator, é preciso, nesse caso, resguardar o direito à propriedade garantido pelo artigo 5.º da Constituição. Além disso, o “simples fato” da ocupação recente, pelos índios, não pode ser usado como prerrogativa para se inverter o ônus da prova. “Não cabe aos detentores de títulos formalmente legítimos fazer a prova de que a terra não fora, há mais de século, ocupada por indígenas, mas, aos índios, por meio de suas entidades representativas e do Ministério Público, fazer a demonstração positiva da posse imemorial”, frisou João Batista Moreira. 
Dessa forma, o relator fixou prazo de 30 dias para os indígenas desocuparem voluntariamente a área. Após esse período, a desocupação deverá ser coativa, com uso comedido da força policial. Mesmo com a decisão, o processo administrativo destinado à correta verificação da posse sobre as terras deverá prosseguir normalmente.O voto foi acompanhado pelos outros dois magistrados que integram a 5.ª Turma do Tribunal.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Quatro pessoas ficam feridas em acidente, entre Taiobeiras e São João do Paraíso

A unidade do SAMU Macro Norte foi acionada às 5h55 desta segunda-feira, 27/01, para socorrer a vítimas de colisão entre dois veículos ocorrida na LMG 602, que liga Taiobeiras e São João do Paraíso, no Norte de Minas. Das cinco pessoas que estavam nos dois veículos, quatro ficaram feridas.
Nelson de Jesus, 24 anos, condutor de um dos veículos, foi ejetado e lançado a cerca de 10 metros do carro, e apresentava hemorragia e dor intensa no tórax. Os passageiros Vilson Pereira da Paz, de 44 anos, e Osmar Francisco de Souza, 67 anos se queixavam de dor torácica e lombar, e Alessandra Cristina, 29 anos, apresentava sangramento, vômito, dor no braço e na região lombar. 
As quatro vítimas foram socorridas pelas unidades do SAMU Macro Norte de Taiobeiras e encaminhadas ao Hospital Santo Antônio, de Taiobeiras. O condutor do segundo veículo nada sofreu.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

domingo, 26 de janeiro de 2014

Preso em Espinosa suspeito de matar PM em São Paulo é transferido para Campinas

Suspeito foi levado para a cidade paulista
Foi transferido de Montes Claros para Campinas (SP), neste sábado, Gullit Fernandes de Oliveira, de 22 anos, suspeito do assassinato do policial militar Arides Luiz dos Santos, de 44 anos, ocorrido no bairro Ouro Verde, periferia da cidade paulista, no dia 12 deste mês. Gullit havia sido preso quinta-feira,23, em uma comunidade rural entre os municípios de Espinosa e Sebastião Laranjeiras (BA).
Ele estava recolhido no Presídio Regional de Montes Claros e foi levado para o município paulista em um voo comercial. O avião decolou da pista do aeroporto Mário Ribeiro na tarde deste sábado,25. O suspeito, que estava algemado, foi escoltado por dois policiais da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Campinas.
O assassinato do policial militar teria motivado uma série de 12 mortes em Campinas, incluindo duas chacinas. A Polícia Civil de São Paulo investiga a suspeita de que colegas de farda de Arides Luiz dos Santos tenham vingado a morte do PM, que estava de folga e tentou desarmar Gullit durante um assalto a um posto de gasolina. Ele acabou sendo atingido com um tiro na cabeça. O crime foi filmado pelas câmeras de segurança do estabelecimento.
A Delegacia de Investigações de Campinas obteve informações de que o suspeito teria parentes na zona rural de Espinosa e entrou em contato com o delegado da cidade mineira, Herivelton Ruas Santana. Uma equipe de policiais paulistas foi deslocada até Espinosa, onde montou uma operação conjunta com a Polícia Civil de Minas. A ação policial durou cerca de 24 horas e resultou na prisão do suspeito da morte do PM de Campinas, que estava escondido na zona rural.
Logo após a prisão, Gullit Fernandes foi levado para Montes Claros, onde foi apresentado á imprensa, na manhã de sexta-feira, 24. Demonstrando frieza, ele confessou o crime, mas alegou que não tinha intenção de matar o policial militar e sim praticar o assalto ao posto de combustíveis.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Homem morre após ser esfaqueado na zona rural de São Francisco

Um homem foi assassinado com uma facada na madrugada deste domingo (26) em São Francisco, Norte de Minas Gerais. Segundo a Polícia Militar, o crime ocorreu na Fazenda Tamanduá, zona rural da cidade.
Ainda segundo a PM, o autor do crime teria atingido a vítima com uma facada no tórax após um desentendimento entre os dois.  O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência esteve no local e constatou o óbito.
O Suspeito foi identificado, mas ainda não foi preso.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com