Blog com notícias de Janaúba e região!

sábado, 1 de junho de 2013

Grave acidente entre Francisco Sá e Salinas deixa um morto dois feridos

Uma pessoa morreu e duas ficaram gravemente feridas em um acidente na manhã deste sábado (1), na BR-251.
Segundo  informações da PRF,  uma carreta e um veículo de passeio se chocaram no Km-408, entre Francisco Sá e Salinas.
As vítimas foram socorridas por equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, o Samu. Uma das vítimas morreu no local.
Ainda segundo a PRF, um lado da pista está interditado e, no momento, está sendo feito o controle de passagens de veículos.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Feira da Agricultura Familiar organizada pela Emater é destaque da Exposição Agropecuária de Janaúba

Entre os dias 30 de maio e 9 de junho acontece a 32ª Exposição Agropecuária de Janaúba, no município de Janaúba. A programação do evento é extensa e reúne leilões, cavalgadas e shows. Destaque para a Feira da Agricultura Familiar organizada pela Emater-MG e parceiros. Além da exposição de produtos do setor, também serão oferecidos cursos de capacitação. O evento é uma realização do Sindicato Rural de Janaúba e vai acontecer no Parque De Exposição Waldir Nunes Da Silva.
O espaço tem como objetivos apresentar e valorizar a produção da agricultura familiar da região, com destaque para o artesanato e o processamento de alimentos. Vinte e cinco artesãos e mais 20 agricultores irão expor seus produtos. Além disso, a feira vai estimular a troca de experiências entre os produtores e a comercialização.
O público poderá conhecer e adquirir diversas peças artesanais fabricadas com cabaça, tecido, fibra de banana e madeira. Na parte de alimentos, a feira terá produtos como farinha de mandioca, beiju, paçoca, bolos, caldo de cana e pamonha.
- A Feira da Agricultura Familiar tem grande importância econômica, como geradora de ocupação e renda. O evento ainda valoriza e fortalece a agricultura familiar da região, diz o presidente José Ricardo Ramos Roseno.
Durante o evento, a Emater-MG também oferecerá cursos de capacitação em comercialização e boas práticas de fabricação. No primeiro, serão quatro horas de treinamento e abordados temas, como embalagens adequadas, bom atendimento e qualidade do produto.
- O curso terá 45 participantes e visa preparar os agricultores para o mercado, afirma a gerente regional da Empresa em Janaúba, Maria Aparecida Fagundes.
A capacitação sobre boas práticas de fabricação será realizada em parceria com o serviço de vigilância sanitária do município e terá 20 alunos. Segundo Maria Aparecida Fagundes, o objetivo é garantir a segurança alimentar do consumidor, orientar sobre controle higiênico sanitário dos manipuladores e do ambiente de trabalho.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Fonte: O Norte

José Benedito

O ex-prefeito de Janaúba, José Benedito (PT), já declarou que pretende, no próximo ano, disputar uma cadeira na Assembleia Legislativa de Minas Gerais.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Codevasf investe R$ 1,3 bilhão em ações ambientais

Coleta, tratamento e destinação de resíduos sólidos, controle de processos erosivos e esgotamento sanitário. As principais ações ambientais da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) contabilizam mais de R$ 1,3 bilhão em investimentos para o período 2011-2014 em Alagoas, Bahia, Maranhão, Minas Gerais, Pernambuco, Piauí e Sergipe. As ações fazem parte do Programa de Revitalização das Bacias dos Rios São Francisco e Parnaíba, coordenado pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA).
No Dia Mundial do Meio Ambiente (5 de junho), evento anual que comemora ações positivas pelo meio ambiente, a Codevasf e o Exército Brasileiro participarão das celebrações da data com a palestra A Revitalização do Rio São Francisco, no Centro Cultural de Barra (BA), e a visita a um trecho do rio onde está sendo feito o plantio de mudas nativas. A Companhia, por meio de destaque orçamentário de aproximadamente R$ 20 milhões ao Ministério da Defesa, realiza a contenção de margens na região de Xique-Xique (BA), dentro da ação de recuperação e controle de processos erosivos da empresa.
“As ações ambientais da Companhia têm o objetivo de aumentar a quantidade e a qualidade da água disponível nas bacias hidrográficas dos rios São Francisco e Parnaíba”, explica o engenheiro agrícola Círio José Costa, da Unidade de Conservação da Água, Solo e Recursos Florestais da Codevasf. “A revitalização das bacias hidrográficas promove o desenvolvimento regional e melhora as condições socioambientais”, acrescenta.
Os reflexos dessas ações, em geral, aparecem no médio e longo prazo. Um sistema de esgotamento sanitário, por exemplo, reduz os recursos aplicados no tratamento de doenças, uma vez que grande parte delas está relacionada à falta de solução adequada para esse problema. Com investimentos previstos no Plano Plurianual (PPA) 2011-2014 de R$ 1,07 bilhão, a ação da Codevasf de esgotamento sanitário consiste na recuperação e conservação hidroambiental da bacia. Ao mesmo tempo, reduz o despejo de esgoto direto no rio, melhora as condições sanitárias locais e contribui para a conservação dos recursos naturais e a eliminação de focos de poluição.
O soldador Erivan Santana de Carvalho, de Glória (BA) – um dos municípios beneficiados com obras de esgotamento sanitário –, já percebe as melhorias dessa ação. “Depois que o esgotamento chegou, o mau cheiro e os insetos que apareciam por causa do esgoto a céu aberto sumiram. Melhorou bastante nossa qualidade de vida”, garante.
Mais de 200 municípios estão sendo beneficiados com os sistemas de esgotamento sanitário implantados pela Codevasf. As obras atendem a zonas urbanas de municípios com população de até 50 mil habitantes e, em sua maioria, com prioridade para as localidades situadas na calha do rio São Francisco. A Companhia já realizou obras de esgotamento sanitário nos municípios de Santana do Ipanema, Batalha e Igreja Nova, em Alagoas; Abaré, Caturama, Gentio do Ouro, Glória e Morro do Chapéu, na Bahia; Nova Iorque, no Maranhão; São Roque de Minas e Uruana de Minas, em Minas Gerais; e Canindé do São Francisco, em Sergipe.

Controle de processos erosivos
Em outra importante ação ambiental, a Codevasf realiza a recuperação e o controle de processos erosivos pelos cerca de 945 mil quilômetros quadrados das bacias hidrográficas dos rios São Francisco Parnaíba - intervenções que afetam, direta ou indiretamente, a uma população de aproximadamente 23 milhões de habitantes. De 2011 a 2014, serão investidos R$ 218 milhões.
A recuperação e o controle de processos erosivos contam com diferentes métodos: revegetação; cercamento e proteção de nascentes, matas ciliares e topos de morro; construção de barraginhas e terraços, readequação de estradas vicinais e estabilização de margens, entre outras. A principal finalidade dessas ações é a captação e acumulação de águas pluviais, aumentando sua infiltração no solo e, desta forma, promovendo o abastecimento do lençol freático e aumento da disponibilidade hídrica na região – além de reduzir o escoamento superficial, que evita o arraste de sedimentos, o empobrecimento do solo e o assoreamento dos cursos d’água.
Entre as estratégias de controle de processos erosivos, a Codevasf executa a revitalização das estradas internas do Parque Nacional da Serra da Canastra, que abriga as principais nascentes do rio São Francisco, em Minas Gerais e, por meio de parcerias com governos nos estados, realiza a demarcação topográfica e o levantamento físico, agrícola e jurídico do Parque Nacional das Nascentes do rio Parnaíba, na divisa dos estados do Piauí, Bahia, Tocantins e Maranhão.

Parceria com universidades federais
Aliada a essa iniciativa, a Codevasf tem apoiado a implantação de Centros de Referência em Recuperação de Áreas Degradadas (CR-ad’s), em parceria com universidades federais, para desenvolver metodologias específicas e adaptadas para cada região. O objetivo dos centros é estabelecer modelos de recuperação, promover a capacitação e disseminar práticas de recuperação e desenvolvimento sustentável.
Até agora, já foram construídos três CR-ad´s – em parceria com a Universidade de Brasília (UnB), Universidade Federal de Lavras (UFLA), em Arcos (MG) e Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), em Petrolina (PE). A Codevasf também possui recursos empenhados e descentralizados para a implantação de mais CR-ad´s: em parceria com a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Universidade Federal de Alagoas (UFAL) e Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), além da previsão de construção de um centro em parceria com a Universidade Federal da Bahia (UFBA), em Barreiras (BA).

Resíduos sólidos
Outra ação prioritária na área ambiental é a implantação de sistemas públicos de coleta, tratamento e destinação final de resíduos sólidos, com investimentos previstos de R$ 52 milhões no período 2011-2014. Para revitalizar as bacias são instalados aterros sanitários e elaborados projetos para manejo e disposição adequadas de resíduos, encerramento de lixões e aquisição de equipamentos para operação adequada de aterros. Assim, evita-se que os rios sejam poluídos e, consequentemente, aumenta-se a qualidade da água das bacias, por meio da erradicação de focos poluidores.
Para revitalizar o rio é necessário não poluir, de forma que a água fique em condições tanto para uso humano quanto para outros fins. A disposição adequada dos resíduos é importante para se evitar a contaminação do lençol freático”, destaca Tone Wagner Viana, engenheiro civil e analista da Área de Revitalização da Codevasf.
Entre os aterros sanitários já implantados pela Codevasf estão o de Ibimirim (PE), que atende uma população de 16 mil pessoas; o de Janaúba (MG), que atende também ao município vizinho de Nova Porteirinha; o de Curvelo (MG), abrangendo o município de Inimutaba,  além do aterro de Conselheiro Lafaiete, que alcança Ouro Branco e Congonhas, beneficiando 200,3 mil habitantes nos três municípios mineiros.
Na Bahia, foram concluídos os serviços de remediação ambiental do lixão de Juazeiro, beneficiando uma população de 230 mil pessoas. Em Alagoas, está em execução um aterro regional em Olho d´água das Flores, que beneficiará 13 municípios do sertão alagoano.
Além da instalação de aterros sanitários, os investimentos são direcionados para diversas ações, como aquisição de equipamentos para uso nesses locais (caminhão basculante, caminhão-pipa, caminhão-tanque, trator de esteira, retroescavadeiras e contêineres); construção de aterros para resíduos de construção e demolição; implantação de unidades de compostagem e triagem, estação de transbordo, pontos de entrega voluntária central, bem como ações de remediação e encerramento de  lixões.
A atuação da Codevasf nessas ações ocorre por meio da execução direta da obra ou repasse dos recursos para as prefeituras municipais e/ou consórcios públicos, que ficam responsáveis por licitar e contratar as empresas para executarem as obras. As atividades desenvolvidas nessa ação são orientadas pela Política Nacional de Resíduos Sólidos, instituída pela Lei 12.305, do Ministério do Meio Ambiente.

Entenda mais sobre métodos de controle de processos erosivos
Ao aplicar um pacote de ações que inclui adequação de estradas rurais, implantação de terraços em nível, revegetação, cercamento de áreas e educação ambiental, a Codevasf consegue recuperar e controlar os processos erosivos que atingem as bacias. Conheça os principais métodos usados:

Revegetação - plantio de mudas de espécies nativas para recuperar matas ciliares.

Terraços - “sulcos” ou valas construídos transversalmente à direção do maior declive do terreno.

Barriganhas - reservatórios com formato semicircular ou circular, com dimensões em torno de 16m de diâmetro por 1,5 a 2,0m de profundidade, escavados no terreno ao longo de estradas vicinais, de talvegues naturais e em propriedades rurais. Dispostos de forma integrada, as barraginhas e os terraços operam juntos para reduzir a velocidade e o volume da enxurrada, contendo o processo que leva à erosão do solo e retendo grande parte dos sedimentos que assoreiam rios e nascentes, ao mesmo tempo em que elevam a umidade do solo e aumentam a oferta e a qualidade da água na superfície.

Estabilização de voçorocas - em 2012, a Codevasf estabilizou uma das maiores voçorocas registradas no país, localizada na Serra da Banja, município de Santa Filomena (PI). Pela voçoroca de Santa Filomena, 300 mil metros cúbicos de sedimentos foram carreados e levado para as áreas mais baixas da paisagem, agravando o processo de assoreamento da calha do rio Parnaíba. Ao impedir que grandes volumes de água de chuva cheguem rapidamente ao rio pelo trajeto da voçoroca, a ação conseguiu amenizar os alagamentos nos municípios do entorno nos períodos chuvosos. Além disso, a ação disciplinou o caminho percorrido pela água da chuva, que passou a infiltrar no solo em vez de escorrer superficialmente pelo interior da voçoroca.
Voçoroca é um gigantesco “buraco” aberto pela força da água das chuvas que escorre pela superfície – uma erosão hídrica, que ocorre quando o caminho de escoamento se concentra num determinado percurso.

Barramentos - sistema idealizado pelo engenheiro Artur Padilha, onde são arrumadas pedras em formato de meia lua, de margem a margem ao longo do leito dos riachos, de modo que a parte côncava fique voltada para a foz. Na época das chuvas, a água e o solo que descem das encostas ficam represados, a água infiltra pelo solo e alimenta os lençóis freáticos. Depois, a água é captada por cacimbas de pedra, onde são instalados canos que puxam a água para as propriedades, para bebedouros de animais ou mesmo para torneiras. Nas áreas úmidas, a vegetação brota, servindo de pasto para o gado – tudo isso em pleno período de estiagem.

Ascom Codevasf

MTB em alta

No último domingo foi realizado em Porteirinha o 1º Circuito Radical de Mountain Bike.
O percurso, muito bem elaborado, foi bastante técnico, com muitas curvas e mergulhos.  O público compareceu em grande número, prestigiando e incentivando os atletas, principalmente quando passavam na beira do rio e na praça, onde foi montado toda a estrutura de som e apoio de água. Um número expressivo de participantes esteve presente.
Assim que foi dada a largada da Sub 15 os atletas começaram a colocar muita força, mostrando que todos ali estavam em busca da vitória.
Na categoria sub-15, que teve as melhores disputas, André Henrique venceu. Em segundo lugar ficou Lucas Gomes (Salinas) em sua estreia em competições.
Nas outras categorias também tivemos ótimas disputas, como no caso da Sub 40 que o 1º e 2º colocado andaram juntos durante toda a prova, só definindo o campeão na linha de chegada. Gilson Oliveira (Montes Claros) ficou em 1º e Rossine Mendes (Janaúba) ficou em 2º. Na Master Gugu Santiago venceu com Robert Bauer em 2º.
As próximas competições acontecem em Janaúba no próximo dia 9 de junho, com a 3ª Maratona Samsom racing de Mountain Bike e nodia 30 de junho é a vez de Januária, com a Big Maratona de Mountain Bike na Orla do Rio São Francisco. Em Januária serão cerca de 5000 reais em premiação para os participantes.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Polícia recupera motos roubas e três são detidos no Norte de Minas

Em 24 horas, a Polícia Militar de Montes Claros recuperou quatro motocicletas com queixa de roubo. Um homem foi preso e dois menores apreendidos. A informação passada neste sábado (1), afirma ainda que uma moto Honda Titan, de cor azul, placa HAU-1023, que foi roubada há 7 anos está entre as recuperadas. De acordo com os militares do 11º Batalhão, a primeira foi localizada na rua Cônego Chaves, no bairro Morrinhos.
Pouco tempo depois, no bairro Monte Carmelo, os militares apreenderam dois menores que foram flagrados com uma moto com queixa-roubo. Os adolescentes, de 15 e 16 anos, foram vistos por uma guarnição que fazia o patrulhamento de rotina e, ao notarem que seriam abordados, abandonaram a motocicleta e tentaram fugir a pé. Eles foram cercados e apreendidos. A motocicleta Honda, cor cinza, placa HNF-2373  também foi recuperada.
Já no bairro Vista Alegre, zona rural de Claro dos Poções, perto de Montes Claros, policiais fizeram a apreensão da motocicleta Honda CG 125 Fan de placa HFL-4464, a qual constava queixa-furto desde o dia 1 de fevereiro deste ano. Durante pesquisa no sistema policial, os militares constataram que havia outro registro de roubo do mesmo veículo. À época, verificou-se que os registros ocorriam devido a tentativa de se forjar o roubo, quando, na verdade, a moto estaria sendo entregue, como garantia, em ponto de venda de drogas e, na sequência, o dono procurava a polícia para registrar um Boletim de Ocorrência (BO) de roubo. Ele acabou preso.
Em Janaúba, foi recuperada a motocicleta YBR, de cor vermelha, placa NFG-1792, com queixa-furto. O veículo foi localizado na rua Guilherme Ferreira Lima, bairro Boa Vista, sendo apreendido e levado para o Pátio local, ficando à disposição do proprietário.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

sexta-feira, 31 de maio de 2013

Humorista Global Nerso da Capitinga fará apresentação em Janaúba


Motociclista é morto em grave acidente no centro de Janaúba

Um rapaz de 22 anos morreu em um grave acidente na manhã desta sexta-feira (31), no Centro de Janaúba (MG).
Segundo informações da Polícia Militar, o motorista de um caminhão tentou fazer uma conversão pela esquerda, mesmo momento em que o motociclista estava tentando fazer uma ultrapassagem. O caminhão acabou passando por cima da moto e seu condutor.
O jovem chegou a ser socorrido, mas chegou sem vida no hospital. O motorista do caminhão, Roberto Carlos da Silva, fugiu sem prestar socorro, mas foi preso pela PM e teve a Carteira de Nacional de Habilitação apreendida.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Homem é preso com dez pássaros dentro de carro na BR-135 em Montes Claros

Os pássaros foram levados para o Ibama
Um homem foi preso, na madrugada desta sexta-feira (31), na BR-135, na altura do KM 375, em Montes Claros, por tráfico de animais silvestres. Dez pássaros foram encontrados dentro do carro.
De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), durante patrulhamento de rotina, os policiais abordaram um Vectra, com placa do Estado de São Paulo. Em vistoria dentro do veículo foram encontrados, dez pássaros, sendo seis Sofré, três Pretos e um Trinca-Ferro. Os animais estavam dentro de caixas de leite longa vida, no assoalho do carro.
O motorista J.W.S.A., de 30 anos, foi preso em flagrante e encaminhado à Delegacia de Polícia local.
Os bichos foram levados ao Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA).


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Três pessoas morrem e 127 ficam feridas em acidentes nas BRs que cortam MG em dois dias de feriado

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) divulgou, na manhã desta sexta-feira (31), o balanço parcial da Operação Corpus Christi. De acordo com a corporação, das 0h de quarta-feira (29) até às 23h59 dessa quinta-feira (30), foram registrados 244 acidentes nas estradas federais que cortam Minas Gerais, deixando três pessoas mortas e 127 feridas.
O acidente mais grave aconteceu na BR–381, em Nova União, na região Central, por volta das 8h30 da última quarta-feira (29). Segundo a (PRF), o motorista de um Palio, que seguia no sentido Vitória, perdeu o controle da direção em uma curva, na altura do KM 481, e o carro atingiu frontalmente um caminhão com placa de Ribeirão das Neves e uma Caravan com placa de João Monlevade, que seguiam no sentido oposto.
O motorista do Palio, Eduardo de Carvalho, 37, e Samuel Almeida Filho, 37, ocupante do veículo, morreram na hora. Outras duas vítimas, Marco Antônio Godoy Melo, 51, e Marta Oliveira dos Santos, 32, que estavam na Caravan, sofreram ferimentos leves e foram socorridas pelo Serviço de Resgate Voluntário (Servor). O condutor do caminhão não se feriu.
A pista foi totalmente interditada por cerca de quatro horas, o que causou congestionamento de 5 km nos dois sentidos da via, agravado pela forte chuva. No fim do dia, o congestionamento na BR–381 chegou a 9km, entre o bairro São Gabriel, na região Nordeste da capital, e Santa Luzia, na região metropolitana.
Outro acidente com vítima foi registrado em Montes Claros, no Norte do Estado, onde José Xavier de Oliva, 53, morreu ao perder a direção de uma moto e bater em uma placa de sinalização na BR–365.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

quinta-feira, 30 de maio de 2013

32ª Exposição Agropecuária de Janaúba começa nesta quinta-feira

Começa nesta quinta-feira (30)  a 32ª Exposição Agropecuária de Janaúba (MG). As atividades vão até o dia 9 de junho. Os organizadores do eventos estimam que cerca de 260 mil pessoas passem pelo Parque de Exposições Waldir Nunes da Silva durante os 11 dias de festa.
Estão programadas feiras, leiloes e expoisções de bovinos nelores e equíneos da raça manga larga marchador, além da realização da 7ª Feira Regional de Agricultura familiar. A expectativa dos organizadores é movimentar cerca de R$ 80 milhões em negócios.
A área do parque contará com serviços variados de comércio e entretenimento. Ao todo são 140 stands e mais de 300 expositores de várias áreas.
Para animar a festa, vários shows de artistas de renome nacional como Thaiguinho e a dupla Jorge & Matheus vão agitar a exposição agropecuária de Janaúba, uma das maiores do Norte de Minas Gerais.

Agenda de leilões
30/05/2013 - Quinta-feira - 14h - Leilão Nelore Premium
31/05/2013 - Sexta-feira - 20h - 7º Leilão Touros Nelore Agropeva
01/06/2013 - Sábado - 14h  - Leilão Confboi
02/06/2013 - Domingo - 14h - Leilão F1 - Zebulandas Colonial
03/06/2013 - Segunda-feira - 19h - 5º Leilão Fazenda Boa Esperança
04/06/2013 - Terça-feira - 20h - 43º Leilão Elite Noite do Nelore
05/06/2013 - Quarta-feira - 20h - Leilão 2 de Ouro
06/06/2013 - Quinta-feira - 20h - 7º Leilão Elite Nelore Lendas do Lago
07/06/2013 - Sexta-feira - 20h - 3º Leilão Elite Nelore Byo e Convidados
08/06/2013 - Sábado - 20h - Leilão Elite Equídeos Marcha e Galope

Agenda de Shows

30/05/2013 - Quinta-feira - Silvanno Salles
31/05/2013 - Sexta-feira - Léo Magalhães
01/06/2013 - Sábado - Aviões do Forró
02/06/2013 - Domingo - Thiaguinho
03 e 04/06/2013 - Segunda e terça-feira - shows regionais - portões abertos
05/06/2013 - Quarta -feira - Jackson Antunes e João Neto & Cesinha - portaria beneficente - 1 kg de alimento não perecível.
06/06/2013 - Quinta-feira - Jorge & Matheus
07/06/2013 - Sexta-feira - Guilherme & Santiago
08/06/2013 - Sábado - Humberto & Ronaldo
09/06/2013 - Domingo - Israel Novais


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Quatro são presos por envolvimento em diversos crimes, em Buritizeiro

material apreendido foi levado para a delegacia de Pirapora
Quatro homens foram presos e um menor apreendido em Buritizeiro, no Norte de Minas, suspeitos de envolvimento com diversos crimes na cidade, entre eles tráfico de drogas, roubos e tentativas de homicídios. Eles foram detidos por meio de mandados de busca e apreensão, que foram cumpridos na rua Rodolfo Mallard.
Conforme a polícia, com os suspeitos foram apreendidos um revólver calibre .38 com sete cartuchos intactos, um revólver calibre .32 com seis munições intactas, diversos celulares, máquinas digitais, um cigarro de maconha, duas buchas de maconha, um pote de ácido bórico, peças de bicicletas, além de R$ 2.460.
Eles foram levados para a delegacia de Pirapora, onde foram autuados em flagrante.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

quarta-feira, 29 de maio de 2013

Quadrilha já tem 24 imóveis no litoral e no Norte de Minas

Um dos bens em poder da quadrilha é a casa construída no condomínio Vista Bella, no bairro 
(Hoje em Dia) Acusados de provocar um rombo superior a R$ 20 milhões em diversas prefeituras do Norte de Minas, os membros da quadrilha chefiada por Marcus Vinicius Crispim, conhecido como Corby, utilizam menores de idade como “laranjas”, têm uma lista de 24 imóveis e ainda contam com audácia de declararem o imposto de renda na condição de isentos. É o que revelam as investigações da Polícia Federal e do Ministério público Estadual, responsáveis pela operação Sertão Vereda, desencadeada na segunda-feira (27).
Uma lista a que o Hoje em Dia teve acesso, e que consta do pedido de prisão de 14 suspeitos de envolvimento, descreve os 24 imóveis da quadrilha. Entre eles estão vários apartamentos e lotes em Montes Claros, um posto de gasolina, em Janaúba, ambas no Norte, além de casas no litoral, como Guarapari (ES) e Prado (BA).
Para disfarçar os bens, os acusados utilizavam-se de práticas de blindagem patrimonial. Jurandi Arruda Moraes é apontado pela PF e pelo MP como o membro da organização criminosa que encobria os bens. Muitos imóveis estavam em seu nome.
“Ainda conforme os documentos reunidos no apenso IX, Jurandi Arruda Moraes e Marcus Vinicius Crispim também figuram em vários outros contratos de ‘permuta de bens imóveis’ e ‘contrato particular de promessa de compra e venda’, envolvendo imóveis de altíssimo valor, localizados em região nobre da cidade de Montes Claros”, diz trecho do pedido de prisão.

Na gaveta
Os acusados fariam ‘contratos de gaveta’ com os laranjas. De acordo com as investigações, eles são suspeitos de fraudar licitações com prefeituras do Norte mineiro.
O rombo pode chegar a R$ 20 milhões, sendo R$ 5 milhões apenas em Itacarambi. O prefeito da cidade, Rudimar Barbosa (PMDB), está foragido.
Terça-feira (28), o Hoje em Dia não conseguiu contato com o advogado dos acusados.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

PM E PC DESENCADEIAM OPERAÇÃO CONJUNTA E APREENDEM DROGAS E ARMAS

Durante todos os dias da semana período compreendido de 20 a 25 de maio/2013, as policias Civil e Militar de Janaúba desencadearam várias operações policiais conjuntas cumprindo diversos mandados de busca e apreensão que foram expedidos pelo poder judiciário da Comarca.
Em horários diversificados durante os dias de empenho foram realizadas blitz de trânsito, presença policial, incursões policiais nos principais corredores de segurança da cidade e obteve os seguintes resultados:
-151 veículos foram fiscalizados, 8 apreendidos, 15 autuados por diversas infrações de trânsito;
- 109 pessoas foram abordadas, duas destas presas;
- 2 armas de fogo, uma escopeta calibre 12, um revólver calibre 38, 6 munições, e 4 armas brancas (facas) foram apreendidas;
- 22 pedras de crack apreendidas;
- Materiais para confecção de jogo de azar (jogo do bicho) apreendidos;
- Materiais eletroeletrônicos como câmeras de monitoramento, uma caixa de som com acústicos de alta potência, três bicicletas, materiais estes suspeitos de relação com o tráfico de drogas apreendidos;
As policias continuarão com as operações visando à tranquilidade pública da população ordeira.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

16 armas são apreendidas em operação da PM em São Francisco

Armas foram entregues por moradores após saberem os riscos de mantê-las em casa. (Foto: Divulgação / Polícia Militar)
Uma campanha de desarmamento apreendeu 16 armas na zona rural de São Francisco, Norte de Minas Gerais. A campanha realizada na manhã desta quarta-feira (29), pela Polícia Militar, aconteceu nas comunidades de Angical e Araça.
No local os policiais conversaram com os moradores para expor os riscos de manter armas em casa.  Foram apreendidas 10 espingardas polveiras, três espingardas cartucheiras, duas garruchas, uma pistola 380, munições e ainda uma motocicleta que estava com o chassi raspado.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Ex-prefeito de Itacarambi é preso nesta quarta-feira em Montes Claros

O ex-prefeito de Itacarambi, Rudmar Rosa, foi preso nesta quarta-feira (29) em Montes Claros (MG). Ele estava foragido desde a segunda-feira (27), quando a Polícia Federal realizou a “operação Sertão Veredas”, que investiga um esquema de fraude em licitações no Norte de Minas. O desvio de verbas dos cofres públicos pode chegar a R$5 milhões.
Também nesta quarta-feira foram revogadas as prisões de sete das 14 pessoas presas durante a operação. Devem ser liberados o ex-secretário de saúde de Januária, André Rodrigues Rocha; a ex-presidente da comissão de licitações da prefeitura de Itacarambi, Daniela Mota; e o dono de uma empresa de máquinas de Montes Claros, Fábio Durães, e Jurandir Arruda, suspeito de ser um laranja do esquema.
Entenda o esquema
Segundo a PF, as empresas investigadas emitiam notas fiscais frias sobre obras que não foram executadas. As verbas desviadas eram imediatamente aplicadas em bens, que eram colocados em nome de outras pessoas residentes nos estados de Minas Gerais, Espírito Santo e Bahia.
As investigações apontam que o empresário Marcos Vinícius Crispim, o "Corbi", seria o mentor do esquema de desvio. O promotor da Coordenadoria das Promotorias de Justiça e Defesa do Patrimônio Paulo Márcio da Silva explica que "Marcos tinha a função de criar empresas que prestariam os serviços públicos e eram selecionadas em licitações direcionadas. Ao serem escolhidas não atuavam conforme os contratos ou não executavam as obras".


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

terça-feira, 28 de maio de 2013

INSS divulga lista da distribuição de 250 vagas para Analista do Seguro Social

O Instituto Nacional do Seguro Social – INSS, publicou no Diário Oficial da União nesta terça-feira, a distribuição das 250 vagas para o cargo de Analista do Seguro Social com Formação em Serviço Social (Edital nº 01/2008), destinadas à ampla concorrência e a portador de deficiência, em face da necessidade de provimento e existência de candidatos homologados.
A distribuição ocorreu em face da autorização do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão por meio da Portaria nº 191, de 23 de maio de 2013, publicada no DOU nº 99, de 24 de maio de 2013.

Os candidatos serão lotados nos seguintes Estados/ Cidades:
Acre: Tarauacá (01).
Alagoas: Santana do Ipanema (01); Penedo (01).
Amazonas: Manaus (01).
Bahia: Barreiras (01); Bom Jesus da Lapa (01); Feira de Santana (01); Itaberaba (01); Itabuna (02); Itabuna (02); Juazeiro (01); Paulo Afonso (01); Senhor do Bonfim (01); Esplanada (01); Simões Filho (01); Santo Antônio de Jesus (01); Valença (01); Vitória da Conquista (01); Itapetinga (01); Caetité (01); Condeúba (01); Poções (01).
Ceará: Maracanaú (01); Quixeramobim (01); Redenção (01); Iguatu (01); Barbalha (01); Brejo Santo (01); Senador Pompeu (01); Crateús (01); Aracaú (01); Camocim (01).
Distrito Federal: Unaí (01); Posse (01); Brasília (01).
Espírito Santo: Alegre (01); Guaçuí (01); Linhares (01); Colatina (01).
Minas Gerais: Conselheiro Lafaiete (01); São João Del Rei (01); Belo Horizonte (01); Ribeirão das Neves (01); Santa Luzia (01); Contagem (01); Diamantina (01); Curvelo (01); Conceição do Mato Dentro (01); Pará de Minas (01); Itaúna (01); Oliveira (01); Juiz de Fora (01); Além Paraíba (01); Pirapora (01); Janaúba (01); Montes Claros (01); Ouro Preto (01); Sabará (01); Machado (01); Pouso Alegre (01); Nanuque (01); Patrocínio (01); Uberaba (01); Uberlândia (01); Lavras (01).
Goiânia: Iporá (01); Itumbiara (01); Anápolis (01); Catalão (01); Morrinhos (01).
Maranhão: Presidente Dutra (01); Açailândia (01). Santa Luzia do Paruá (01); Carolina (01); Grajaú (01); São Luís (01); Chapadinha (01); São José do Ribamar (01).
Mato Grosso: Primavera do Leste (01); Várzea Grande (01); Cuiabá (01); Rondonópolis (01).
Mato Grosso do Sul: Dourados (01); Nova Andradina (01); Mundo Novo (01); Narivaí (01); Campo Grande (01); Três Lagoas (01).
Pará: Abaetetuba (01); Marabá (01); Ananindeua (01); Cametá (01); Capanema (01); Itaituba (01): Paragominas (01); Belém (01).
Paraná: Cascavel (01); Francisco Beltrão (01); Toledo (01); Curitiba (02); Cornélio Procópio (01); Londrina (01); Arapongas (01); Loanda (01); Campo Mourão (01); Cianorte (01); Telêmaco Borba (01); Ponta Grossa (01); Pitanga (01); Irati (01).
Paraíba: Sousa (01); Monteiro (01); João Pessoa (01); Santa Rita (01).
Piauí: Picos (01); Teresina (01).
Pernambuco: Timbaúba (01); Vitória de Santo Antão (01); Surubim (01); Limoeiro (01); Escada (01); Canhotinho (01); Bom Conselho (01); Garanhuns (01); Arco Verde (01); Petrolina (01); Serra Talhada (01); Salgueiro (01); Jaboatão (01); Paulista (01); Recife (01).
Rio de Janeiro: Campo dos Goytacazes (01); Santo Antônio de Pádua (01); Paracambi (01); Nova Iguaçu (01); Manhuaçu (01); Timóteo (01); Mantena (01); Caratinga (01); Maricá (01); Niterói (01); Itaoraí (01); Cordeiro (01): Três Rios (01); Petrópolis (01); Rio de Janeiro – Norte (02); Vassouras (01); Resende (01).
Rio Grande do Sul: Cachoeirinha (01); Canoas (02); Osório (01); Bento Gonçalves (01); Caxias do Sul (01); Santa Rosa (01); Cruz Alta (01); Ijuí (01); Santo Ângelo (01); Montenegro (01); Lajeado (01); São Leopoldo (01); Lagoa Vermelha (01); Erechim (01); Carazinho (01); Pelotas (02); Rio Grande (01); Camaquã (01); Porto Alegre (02); Viamão (01); Santa Cruz do Sul (01); Cachoeira do Sul (01); Santiago (01); Uruguaiana (01); Santana do Livramento (01).
Rio Grande do Norte: Mossoró (01); Patu (01); Areia Branca (01); Natal (01); Parnamirim (01).
Santa Catarina: Blumenau (01); Itajaí (01); Brusque (01); Joaçaba (1); Chapecó (01); Concórdia (01); Videira (01); São Miguel d’Oeste (01); Ararangua (01); Criciúma (01); Tubarão (02); São José (01); Florianópolis (01); Joinville (01); Jaraguá do Sul (01).
São Paulo: Lins (01); Birigui (01); Araraquara (01); Taquaritinga (01); Botucatu (01); Santa Cruz do Rio Pardo (01); Campinas (02); Guarulhos (01); Mogi das Cruzes (01); Suzano (01); Jundiaí (01); Bragança Paulista (01); Ourinhos (01); Osasco (02); Piracicaba (02); Adamantina (01); Sertãozinho (01); Ribeirão Preto (01); Santo André (01); Mauá (01); Cubatão (01); Santos (01); Praia Grande (01); São Bernardo do Campo (02); Mogi Guaçu (01); Barretos (01); São José do Rio Preto (01); Jacareí (01); Caraguatatuba (01); São Paulo – Norte (01); São Paulo – Sul (02); São Paulo – Centro (03); São Paulo – Leste (01); Itapeva (01); Sorocaba (01) Guaratinguetá (01); Taubaté (01).
Sergipe: Aracajú (01); Estância (01).
Tocantins: Araguatins (01); Arraias (01); Dianópolis (01).


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Advogado confessa desvio de quase R$ 1 milhão da Prefeitura de Januária para campanha de Sílvio Aguiar em 2008

Vandeth Mendes Júnior
(Por Fábio Oliva) O advogado Vandeth Mendes Júnior, preso ontem pela Polícia Federal durante a “Operação Vidas-Secas” teria admitido que cerca de R$ 1 milhão da Prefeitura de Januária foram desviados para pagamento das despesas da campanha política do ex-prefeito Sílvio Joaquim Aguiar, em 2008, informou com exclusividade a este Blog uma fonte que pediu para ter seu nome mantido em sigilo.
Aguiar era vice do ex-prefeito João Ferreira Lima (PSDB). Lima foi afastado do cargo em 2006 por ter recebido propina da Máfia das Sanguessugas através de conta bancária pertencente ao advogado Roberto Lima Neves, então procurador jurídico do Município de Januária. Lima Neves é o atual advogado de André Rodrigues Rocha, ex-secretário de Saúde de Januária e atual secretário de Fazenda da Prefeitura de Itacarambi, também preso ontem durante a “Operação Vidas-Secas”.
Em 2008 Aguiar disputava a eleição para prefeito até que, faltando três dias para o pleito, desistiu da candidatura e passou a apoiar o advogado Maurílio Néris de Andrade Arruda (PTC), que responde a várias ações de improbidade, está com os bens bloqueados e foi acusado de pagar cabos eleitorais com cheques da Prefeitura de Januária.
Algumas quantias desviadas para as contas do advogado Vandeth Mendes Júnior eram de alto valor. “Eram depósitos de 50, 60, 80 mil” revela a fonte. André Rodrigues Rocha teria admitido em depoimento que certa vez, a pedido de Vandeth, procurou Marcus Vinícius Crispim, o “Corbi”, para pedir que trocasse um cheque de R$ 60 mil emitido pela Prefeitura de Januária.
As investigações que resultaram nas prisões de ontem foram iniciadas pelos promotores de justiça Felipe Gomes Araújo e Hugo Barros de Moura Lima. Começaram a partir de um pedido de apuração sobre o espantoso enriquecimento demonstrado por Vandeth Mendes Júnior durante sua curta passagem como procurador jurídico da Prefeitura de Januária durante a gestão de Sílvio Aguiar (2006-2008).
Naquele período, a ASAJAN – Associação dos Amigos de Januária, uma organização não governamental de combate à corrupção descobriu que o advogado adquiriu vários imóveis em São Francisco-MG, além de carros de luxo. Todos os bens foram colocados em nome dos menores Marcus Vinícius de Freitas Mendes e Bárbara Gabrielle Freitas Mendes, de 9 e 13 anos de idade, respectivamente, com usufruto vitalício dos pais, o advogado Vandeth Mendes Júnior e Ana Flávia Mendes de Freitas.
O advogado Vandeth Mendes Júnior também aparece em filmagens obtidas pelo Ministério Público de Minas Gerais, distribuindo maços de dinheiro a vereadores de Januária, para que não votassem a favor da cassação do ex-prefeito Sílvio Joaquim Aguiar.
A escritura de compra e venda de um dos imóveis foi lavrada em cartório situado na zona rural de São Francisco, cerca de 45 quilômetros da cidade. Mesmo assim uma cópia (imagem abaixo) do documento foi obtida pela ONG e fornecida ao Ministério Público de Januária, servindo de indício para o início das investigações.
Durante as investigações, outros personagens foram surgindo. Os processos contra Vandeth Mendes Júnior e Marcus Vinícius Crispim, o "Corbi", deverão ser desmembrados.
O ex-prefeito Sílvio Joaquim Aguiar não foi encontrado para falar a respeito do assunto.



Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

PF prende quadrilheiros que desviavam recursos de Januária e Itacarambi/MG

(Por Fábio Oliva) A Polícia Federal deflagrou na madrugada de ontem (27) a “Operação Sertão-Veredas”. O objetivo foi desarticular organização criminosa que desviava recursos públicos de vários municípios da região norte de Minas Gerais. Durante toda a manhã foi dado cumprimento simultâneo a 45 mandados judiciais, sendo 10 de busca e apreensão, 21 de sequestro de valores, bens móveis e imóveis e 14 de prisão.
A Medida Cautelar Criminal nº. 0352.12.007.997-0 foi ajuizada em 11 de dezembro de 2012. Nela o Ministério Público de Minas Gerais, através dos promotores de justiça Franklin Reginato Mendes, Daniela Yokoyama, Bruno de Oliveira Muller e Paulo Márcio da Silva pediram e o juiz David Pinter Cardoso, da 1ª Vara da Comarca de Januária, deferiu a condução coercitiva de Maria Margarida Araújo dos Santos, Dalmar Ferraz de Melo Júnior e Wilson Luiz de Souza, além da prisão temporária de Marcus Vinícius Crispim, o “Corbi”, seu irmão Franklin Kenedy Crispim, David Gonçalves Taboadas, João Alves Teles, Jurandi Arruda Morais, Pablo Moisés Durães Campos, Nestor Fernandes de Moura Neto, Daniela Pinto Mota, do ex-prefeito de Itacarambi, Rudimar Barbosa, Fábio Ferreira Durães, Fabiano Ferreira Durães, do advogado Vandeth Mendes Júnior e do ex-secretário de Saúde de Januária e atual secretário de Fazenda da Prefeitura de Itacarambi, André Rodrigues Rocha.
A prisão temporária é válida por cinco dias, prorrogáveis por mais cinco, mas pode ser convertida em prisão preventiva.
O nome da “Operação Sertão-Veredas” é uma referência à obra de Guimarães Rosa (1956) em que a narração é intercalada por vários momentos de reflexão sobre as coisas e os acontecimentos do sertão. Derivada da expressão latina veredus, o nome atribuído à ação representa o estreito caminho a ser seguido no combate à corrupção pública.
A quadrilha, formada por empresários, servidores públicos e agentes políticos, atuava principalmente nos municípios de Januária-MG e Itacarambi-MG, fraudava processos licitatórios, direcionando as contratações para as empresas integrantes da organização criminosa. Obras públicas, em áreas diversas da construção, pavimentação de vias públicas, manutenção de estradas e de locação de máquinas para a limpeza urbana não eram sequer fiscalizadas e os servidores públicos envolvidos no esquema atestavam a sua conclusão mesmo quando incompletas ou inexistentes. Por outro lado, segundo a Polícia Federal, as empresas investigadas emitiam notas fiscais frias sobre trabalhos que sequer teriam sido executados, ou eram executados em desacordo com as especificações do projeto.
As verbas desviadas eram imediatamente aplicadas em bens móveis e imóveis, localizados em outros estados brasileiros, que eram colocados em nome de outros empresários e de “laranjadas”, ligados aos principais membros da organização criminosa. As apurações apontam um desvio que pode superar a quantia de R$ 5 milhões.
Ainda, foi determinado o afastamento do sigilo bancário e fiscal dos investigados, bem como a indisponibilidade dos bens das pessoas físicas e jurídicas envolvidas.
Os presos responderão por crime contra a administração pública, formação de quadrilha, falsidade ideológica e lavagem de dinheiro, dentre outros. Uma vez condenados, as penas máximas aplicadas aos crimes podem ultrapassar 30 anos.
Nos últimos dois anos, mais de dez operações de combate ao desvio de recursos públicos foram deflagradas pela Polícia Federal na região.
O Ministério Público de Minas Gerais, por meio da Coordenadoria do Patrimônio Público, atuou conjuntamente com a Polícia Federal para o desmonte da organização criminosa.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Polícia Federal na caça a (maus) prefeitos do Norte de Minas

Os nomes das operações da Polícia Federal no Norte de Minas mudam de acordo com a criatividade dos agentes responsáveis. Só não muda a situação dos moradores de uma região pobre e castigada por maus prefeitos que desviam para seus bolsos os recursos públicos. A última operação, a “Sertão-Veredas”, desencadeada na madrugada de segunda-feira (27), tem como objetivo cumprir dez mandados de busca e apreensão, 21 mandados de sequestro de bens e 14 de prisão, em seis municípios mineiros, dois baianos e um capixaba.
Não é a primeira vez que prefeitos de Montes Claros, São Francisco, Itacarambi, Januária, Manga e Janaúba são caçados pela PF. O desinteresse dos eleitores por questões políticas facilita o sucesso de políticos desonestos nas urnas. Espera-se que a Lei da Ficha Limpa sirva de barreira aos já condenados e que o Judiciário seja mais rápido na conclusão dos processos desencadeados pelas operações da Polícia Federal, para afastar os culpados das urnas. A Polícia Federal informou que os suspeitos formaram uma quadrilha que atuava principalmente em Januária e Itacarambi. São empresários, servidores públicos e agentes políticos que fraudavam licitações, direcionando-as para determinadas empresas, cujos contratos não eram fiscalizados. Servidores públicos atestam a conclusão de obras, mesmo quando inexistentes ou incompletas. As empresas emitiam notas fiscais frias sobre trabalhos não realizados. Obras feitas não obedeciam às especificações do projeto. O lucro assim obtido era aplicado em imóveis ou outros bens localizados em outros estados e registrados em nome de ‘laranjas’.
É uma prática bem conhecida. Quando descobertos, os corruptos podem responder na Justiça por crimes contra a administração pública, por formação de quadrilha, falsidade ideológica e lavagem de dinheiro, dentre outros. Se forem condenados por todos os crimes, podem pegar mais de 30 anos de prisão.
Mas parece que o crime compensa, pois há sempre um prefeito querendo tentar a sorte, confiando na impunidade. Às vezes falha. Em Januária, entre 2003 e 2004, um prefeito assinou convênio com a Fundação Nacional de Saúde para construir uma estação de tratamento de esgoto. Recebeu R$ 2 milhões e a obra não foi realizada. Só em dezembro de 2011, foi condenado pela Justiça Federal, em primeira instância, a seis anos e 11 meses de prisão. Com o dinheiro desviado, contratou bom advogado. Fica livre, até que os recursos sejam todos julgados.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

segunda-feira, 27 de maio de 2013

PF desarticula quadrilha que teria desviado mais de R$ 5 milhões dos cofres públicos

Durante a operação foram apreendidos R$ 600 mil em cheques e R$ 60 mil em espécie
Durante a madrugada desta segunda-feira (27), a Polícia Federal (PF) deflagrou a Operação “Sertão Veredas”. Cerca de 100 policiais federais cumpriram mandados nas cidades de Montes Claros, São Francisco, Itacarambi, Januária, Manga e Janaúba, no Norte de Minas; Vitória da Conquista e Prado, na Bahia; e Guarapari, no Espírito Santo.
 Segundo a PF, os presos durante a operação eram servidores públicos, agentes políticos e empresários, que participavam de esquema fraudulento de licitações em prefeituras durante os anos de 2011 e 2012. A suspeita é que a quadrilha teria desviado mais de R$ 5 milhões dos cofres públicos.
Ao todo 45 mandados judiciais foram cumpridos, sendo dez de busca e apreensão, 21 de sequestro de valores, bens móveis e imóveis e 14 mandados de prisão. Conforme o balanço da operação, foram apreendidos R$ 600 mil em cheques; R$ 60 mil em espécie, 45 veículos de luxo, além de 60 imóveis sequestrados, avaliados em R$ 50 milhões, e documentos que comprovariam as fraudes nas licitações públicas.
As investigações da PF apontam ainda que as fraudes ocorriam, principalmente, em Januária e Itacarambi, no norte de Minas. “As nossas investigações apontam com clareza como o esquema funcionava. Licitações eram feitas com a conivência de servidores que montavam licitações sempre vencidas pelo mesmo grupo, que emitiam notas fiscais frias por serviços não prestados à população como limpeza urbana, manutenção de estradas, pavimentação asfáltica e algumas obras de construção civil, além de locação de máquinas para serviços. Serviços esses que sequer eram fiscalizados, mas que recebiam dos servidores públicos envolvidos no esquema atestados de conclusão mesmo quando incompletas ou inexistentes”, detalha o delegado federal, Marcelo Eduardo Freitas.
Outro delegado que também ajudou nas investigações conta que as verbas desviadas eram, imediatamente, aplicadas em bens, móveis e imóveis localizados em outros estados brasileiros, colocados em nome de outros empresários ou de “laranjas”.“Casas na praia e veículos de luxo estão entre os bens sequestrados da quadrilha e que serão alienados e voltarão para o erário público. Esses valores ultrapassam a quantia de R$ 5 milhões”, conta o delegado Thiago Garcia Amorim.
O sigilo bancário e fiscal de todos os suspeitos foi quebrado e a indisponibilidade de seus bens foi requerida. Treze pessoas presas durante a operação responderão pelos crimes contra a administração pública, formação de quadrilha, falsidade ideológica e lavagem de dinheiro, dentre outros crimes. As penas máximas aplicadas aos crimes podem ultrapassar 30 anos.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Polícia Federal realiza operação 'Sertão Veredas' no Norte de Minas

A Polícia Federal deflagrou, na madrugada de desta segunda-feira (27), a "Operação Sertão-Veredas", com objetivo de desarticular uma organização criminosa, que desviava recursos públicos de municípios do norte mineiro. Segundo informações da PF, a ação espera cumprir 45 mandados judiciais, sendo 10 mandados de busca e apreensão, 21 mandados de sequestro de valores, bens móveis e imóveis e 14 mandados de prisão, dois quais 13 já foram cumpridos. As apurações apontam um desvio que pode superar a quantia de R$ 5 milhões.
A operação se estende a municípios situados em três estados: Montes Claros, São Francisco, Itacarambi, Januária, Manga e Janaúba em Minas Gerais; Vitória da Conquista e Prado, no estado da Bahia e Guarapari, no estado do Espírito Santo. Participam da operação 100 policiais de diversas regiões do País.
Em nota oficial, a PF informa que a quadrilha, formada por empresários, servidores públicos e agentes políticos, atuantes, principalmente, nos municípios de Januária Itacarambi(MG), fraudava processos licitatórios, direcionando as contratações para as empresas integrantes da organização criminosa. Obras públicas em áreas diversas da construção civil, pavimentação de vias públicas, manutenção de estradas e de locação de máquinas para a limpeza urbana não eram sequer fiscalizadas e os servidores públicos envolvidos no esquema atestavam a sua conclusão mesmo quando incompletas ou inexistentes.
A nota afirma ainda que as empresas investigadas emitiam notas fiscais frias sobre trabalhos, que, sequer, teriam sido executados, ou executados em desacordo com as especificações do projeto. "As verbas desviadas eram, imediatamente, aplicadas em bens, móveis e imóveis, localizados em outros estados brasileiros, que eram colocados em nome de outros empresários e de 'laranjas', ligados aos principais membros da organização criminosa".
Foi determinado ainda, segundo a nota, a quebra do sigilo bancário e fiscal dos investigados, bem como a indisponibilidade dos bens das pessoas físicas e jurídicas envolvidas. Os presos responderão por crimes contra a administração pública, formação de quadrilha, falsidade ideológica e lavagem de dinheiro, dentre outros. Uma vez condenados, as penas máximas aplicadas aos crimes podem ultrapassar 30 anos.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

domingo, 26 de maio de 2013

Acidente com ônibus de Monte Azul deixa 19 passageiros feridos em Leme, SP


Dezenove pessoas ficaram feridas em um acidente envolvendo dois ônibus na Rodovia Anhanguera, em Leme, na madrugada deste sábado (25). As vítimas foram encaminhadas para hospitais da região. Ao menos quatro dos 11 passageiros que chegaram à Santa Casa de Pirassununga continuam em observação. Em Leme, um passou por cirurgia e os demais foram liberados. O hospital de Araras, que recebeu três vítimas, não informou o estado de saúde dos pacientes.
“Nunca presenciei nada assim. Em menos de 15 minutos já não existia mais o veículo”. Este foi o relato do padre Itamar de Almeida Machado, de Uberlândia (MG), que estava em um dos ônibus que saíram de Minas Gerais rumo a Aparecida (SP) para uma excursão religiosa.
A princípio o Corpo de Bombeiros de Pirassununga informou que 22 passageiros foram socorridos, mas a Polícia Rodoviária atualizou os números e informou que 19 pessoas foram encaminhadas para três hospitais.
Segundo a Polícia Rodoviária, o acidente aconteceu por volta das 3h na pista sentido capital. Um dos ônibus apresentou falha mecânica e parou no acostamento no km 194 devido à fumaça que saía do motor. Com a visibilidade prejudicada, o ônibus que seguia logo atrás não conseguiu frear a tempo. "Já estava muito em cima. Consegui ligar o pisca alerta porque vinham mais três carros atrás. Eles pararam sem bater, mas eu não consegui”, contou o motorista Valdir Custódio Sobrinho.
Com o impacto, o ônibus que estava estacionado pegou fogo, mas os passageiros não ficaram queimados, segundo o Corpo de Bombeiros. Os ferimentos foram ocasionados devido à batida. "Possivelmente o motorista que encostou o ônibus não teve tempo nem de sinalizar o local, isso ainda está sendo investigado", afirmou o sargento de polícia Carlos Roberto Souza.

Viagem

De acordo com a Polícia Rodoviária, o ônibus que teve a pane é da empresa Nacional Expresso e seguia de Uberlândia (MG) a Aparecida com 42 passageiros. O outro veículo, da empresa Pageu Turismo, seguia de Monte Azul (MG) para a São Paulo com 32 passageiros.
Ainda segundo a polícia a pista no sentido capital ficou interditada até as 4h30 e não houve congestionamento. O incêndio foi controlado por equipes dos bombeiros de Leme, Pirassununga e Araras. Homens da Guarda Civil Municipal e do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) também atuaram na ocorrência.

Apoio

A assessoria da Nacional Expresso, por meio de nota, informou que antes de o motorista conseguir sinalizar o local e efetuar o desembarque de todos os passageiros, o outro ônibus bateu atrás do veículo, que pegou fogo.
A empresa informou ainda que deslocou uma equipe para o local para prestar apoio aos clientes, assim como para acompanhar e tomar as providências em relação ao atendimento e demais necessidades dos mesmos.
A assessoria reforçou que enviou uma van para transportar os passageiros para Uberlândia. Por fim, a empresa disse que as causas dos problemas mecânicos no veículo estão sendo analisadas para tomar as devidas providências.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Homem ofende pai de vizinho e é morto à facadas em Jaíba

Um homem morreu a facadas, na madrugada deste domingo (26), em Jaíba, no Norte do Minas Gerais. De acordo com a Polícia Militar, Sinvaldo Francisco da Silva, de 50 anos, teria ofendido o pai do vizinho Sidney Pereira Carvalho, de 25, que se irritou e deu várias facadas no tórax e nas costas de Sinvaldo.
Homens do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foram chamados, mas a vítima morreu no local. Sidney Carvalho fugiu de moto e ainda não foi localizado pela PM.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Dois jovens são presos em ponto de venda de drogas em Brasília de Minas

Um rapaz de 18 anos e outro de 21 anos foram presos neste sábado (25) por porte ilegal de arma e tráfico de drogas em Brasília de Minas, Norte de Minas Gerais.
Ao receber voz de autuação de polícias militares que faziam a ronda, o jovem de 18 anos tentou fugir entrando na casa de outro rapaz de 21 anos. Dentro da residência foram encontrados 16 pinos para embalagem de cocaína, 22 gramas de maconha, duas buchas de maconha, 11 pedras de crack e três papelotes de cocaína.
Cinco telefones celulares, R$200 em dinheiro em diversas notas e uma balança de precisão digital também foram apreendidos.
“Os policiais viram que o rapaz estava armado quando entrou na casa, que, de acordo com testemunhas, é um ponto de tráfico e consumo de entorpecentes”, conta o soldado  Émerson Gomes Melo.
A arma encontrada com o rapaz de 18 anos era um revolver calibre 38 e estava carregado com cinco munições intactas.
Os dois jovens foram levados para a delegacia de plantão em Januária.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com

Produção do Jaíba impulsiona exportações de frutas em Minas Gerais

As perspectivas de exportações de frutas produzidas em Minas Gerais, para 2013, indicam crescimento no volume de negociações. Por ano, as vendas externas de frutas movimentam cerca de US$ 6 milhões no mercado mineiro. A região do Jaíba, no Norte de Minas, é a maior produtora e a principal exportadora do estado. Este é o tema do terceiro vídeo da série "Jaíba, os frutos do desenvolvimento", produzida e exibida pela Agência Minas.
Produzidos na região, o limão thaiti e a manga palmer são vendidos para vários países e, em breve, a banana prata também será exportada. Com o objetivo de ampliar as vendas no mercado internacional, o Governo de Minas desenvolve diversas ações de apoio aos produtores. Em fevereiro deste ano, mais de 20 agricultores do Jaíba participaram da Fruit Logística, a maior feira de fruticultura do mundo, realizada na Alemanha.
O polo de fruticultura do Jaíba é um arranjo produtivo local (APL), que está localizado no Norte de Minas, e inclui, dentre outros municípios, os de Jaíba, Janaúba, Matias Cardoso e Nova Porteirinha. O destaque do APL são as culturas de limão, banana e manga, que atualmente representam cerca de 44% da área irrigada da região.
Entre pequenas, médias e grandes empresas, o número total de produtores passa de 900, com um área cultivada de cerca de 10 mil hectares. O valor da produção em 2011 atingiu o valor de R$ 194 milhões com o potencial de atingir até 2025 o valor de R$ 350 milhões.
O município de Jaíba ocupou a liderança nas exportações de frutas de Minas em 2012 e representou 100% das exportações do Norte de Minas. De janeiro a dezembro de 2012, as exportações de frutas e derivados do Jaíba totalizaram US$ 997,62 mil. O município exportou 1,3 mil toneladas de frutas.
A série produzida pela Agência Minas teve início no dia 18 de maio. A primeira reportagem especial mostrou como o polo de fruticultura do Jaíba gera renda e desenvolvimento para os produtores locais. O projeto, que já recebeu cerca de US$ 500 milhões em investimentos, tem espaço e capacidade para crescer ainda mais.
Já a segunda reportagem, exibida no dia 22 de maio, abordou os rigorosos critérios de qualidade adotados nos processos produtivos, que fazem com que as frutas colhidas no Jaíba sejam as mais procuradas na Ceasaminas, segunda maior central de abastecimento do Brasil.


Pablo de Melo
pablo-labs@hotmail.com